Revista Online Conexao Afro

Archive for Maio, 2012|Monthly archive page

Seminário Religiosidade e Cultura e Roda de Conversa o Batuque no Sul, Promovendo a vida em Santa Maria

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 31, 2012 at 10:48 pm

N°01- 31 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

1º Momento chegamos no sábado de manhã

O nome da viagem é trabalho

P5080203_thumb[4]P5080202_thumb[3]

Após tomarmos um delicioso café, fomos contribuir nos últimos detalhes para o inicio do Seminário. P5080201_thumb[5]

Nei D"Ogum e Denise , fizeram a revisão do cerimonial.

 P5080206_thumb[7]

Pai Ricarde de Ossanha Agué,foi arrumar os arranjos de flores eu fui ajudar.

P5080219_thumb[3]

Testando as Câmaras

 P5080209_thumb

Testagem do som

P5080221_thumb[2] P5080220_thumb

Antes de iniciar a atividade Mãe Carmen de Oxalá, saiu pelas depências da terreira contemplando  e elogiando o nível de  organização das acomodações externas.

2º Momento apresentação do Ilê Axé Ossanha Agué

Esse é o Ilê Axé Ossanha Agué , que é comandado por pai Ricardo De Ossanha Agué, nesse momento ele esta nos dando boas vindas.

Esse é o Nei D’Ogum que está dando boas vindas ao Ilê Axé Ossanha Agué.

Aqui no Batuque do Sul, não basta dizer que é de axé, agora quem é tem que mostrar onde é o seu Axé.

P5080232

Me senti muito a vontade no Ilê Axé Ossanhe Agué, em Santa Maria, foi um momento propício para africanizarmos, juntos.

P5080224

Como todo bom anfitrião,  o dirigente do Ilê Ossanha Agué, se preocupou em preparar diversos ambientes  com cadeiras para a comodidade e conforto dos convidados.

P5080231P5080198 

Esta é a porta principal do salão do Ilê Axé Ossanha Agué. Essas cadeiras já estão disposta, respeitando o principio da circularidade.

3º Momento

O inicio do Seminário Religiosidade e Cultura e o Projeto Piloto Roda de Conversa Batuque do sul promovendo a Vida.

15h05min: Leitura do texto(religiosidade e cultura) com Gabi D’Obá.

 P5080236

15h10min: Apresentação dos projetos Sócio- político- Cultural da Comunidade de Terreiro Ilê Axé Ossanha Agué (Palestrante Nei D’Ogum)

P5080241 P5080267

 

 P5080247

 

P5080249  

 

549353_341914165875805_100001716721335_855883_531613470_n

Mãe  Carmen de Oxalá, apresentando a Oficina Roda de Conversa O Batuque do Sul Promovendo a Vida

P5080264P5080261

       P5080259P5080257

Após o Coffee Break  , Inspirados  pela oficina de Prevenção HIV nas Terreiro, .houve a discussão sobre o movimento de mulheres  13 de maio abolição não conclusa para as mulheres negras

P5080258P5080256   

Dra. FISIOTERAPEUTA SANDRA BEATRIZ AIRES DOS SANTOS."

P5080283 P5080266

A presença da Dra. FISIOTERAPEUTA SANDRA BEATRIZ AIRES DOS SANTOS." filha de santo de Pai Sandro de Ogum da cidade de VIAMÃO,sou cacique de terreira a mais de 15 anos para ser exata 19 anos.Nasceu e se  criou na religião africana tenho de prática religiosa de nação africana há 17 anos, na cabinda hoje me encontro no berço Jejê-nagô,sou filha de Oxum e me orgulho muito disso e além de tudo isso permito-me ser "FISIOTERAPEUTA" ;onde no meio sou conhecida como: Dra. FISIOTERAPEUTA SANDRA BEATRIZ AIRES DOS SANTOS."

P5080283 P5080266

Abertura da Atividade Roda de Conversa: o Batuque do Sul Promovendo a Vida em Santa Maria. Nosso 12 de maio discute o papel da Terreiro na prevenção e na promoção da saúde da comunidade de Matriz Africana. Yá Carmen de Oxalá II e PaiRicardo De Ossanha Agué, nosso anfitrião!

545134_177106895748471_1983237696_n

O papel da  terreira, como a cultura africana e a religiosidade  de Matriz Africana, vem sendo discutida em  no Ilê Axé Ossanha Agué. Encerramento. Apresentação com Flavinha Manda Rima com o rap o “Rei da Rua”

251956_179401358852358_100003474858339_257134_2128408158_n

 

543758_433621359984439_100000097364274_1637561_1107014070_n

Realização: Comunidade de Terreiro Ilê Axé Ossanha Agué
Programação:
65631_179366602189167_100003474858339_257098_777417423_n 
16h00min: Roda de Conversa: O Batuque do Sul Promovendo a Vida. Com Núcleos de Ilês Afro AIDS, gestores da Secção DST/AIDS, Saúde da População Negra, Saúde Mental da Secretaria Estadual de Saúde e ASSOBECATY, Associação Beneficente Cultural Africana Templo de Yemanjá.
17h00min: Intervalo (coffee break)
17h15min: Encaminhamento das propostas
18h00min: Encerramento. Apresentação com Flavinha Manda Rima com o rap o “Rei da Rua”

De olho na Flavinha Manda a Rima no Ylê, Pai Ricardo De Ossanha Agué e eu. Batuque do Sul mostrando talento.

SGrande

São esses momentos em que vc sabe " o canto a oralidade do Axé"
Que transforma os valores da existencia!!! Seriedade e comprometimento com o Sagrado! — com Flavinha Manda Rima em Santa Maria

23h30min: Xirê de Ossanha e Entrega do Titulo Obás de Xângo.
Local: Comunidade de Terreiro Ilê Axé Ossanha Agué, Rua: Oxóssi, Q: 32, nº 01, Loteamento Cipriano Rocha, Santa Maria RS.

181236_433679649978610_100000097364274_1637806_300500457_n
Dia:12/05/2012

23:30min: Xirê de Ossanha e Entrega do Titulo Flavinha militante feminista no Movimento Hip Hop a Cultura precisa de representante com este olhar Massa parabens a Assobecaty por registrar este que um momento Historico para a Cultura.

 P5090287 P5090288

 

 P5090291   P5090294 

 

P5090296 P5090297

Diante de aproximadamente 200 pessoas que passaram pelo Ilê, durante o dia que foi aberto a cerimônia de entrega do trofeu.

 P5090301 P5090328O Babalorixá Ricardo de Ossanha Agué , além de pai de santo, também é acadêmico em artes cênicas, fez questão de dar iniciou a cerimônia.

P5090308.P5090310A entrega do Trofeu Os Obás de Xângo Titulo que o Ilê concede de 2 em 2 anos Para personalidades que contribuem para dar visibilidade para as questôes da Negritude e Religiões Afro- Brasileiras são Yá Carmen. Prof Ceres de Paula do GT da Diversidade da 8ª CRE da Sec Est de Educação. Marlene de Paulo coord do Coletivo Mãe África da Cidade de Cacequi RS.

P5090306 P5090307

A questão de gênero e etnia foi harmoniosamente inserida na atmosfera sagrada, fazendo e proporcionando  uma estadia memorável as homenageadas.

 P5090309   P5090312 P5090318P5090321

 

P5090319   P5090322 

 

P5090327  P5090292

Esta linda e emocionante celebração

 

  
Apoio: MTM, Museu Treze de Maio, Câmara Municipal de Vereadores de Santa Maria, NEAB, Núcleo de Estudos Afro-Brasileiro da UFSM, AENUFSM, Associação de Estudantes Negras e Negros da UFSM, Ilê Axé Oxum Panda, CO-RAP, Coletivo de Resistência Artística Periférica e 8ª CRE, 8ª Coordenadoria Regional de Educação.

Homenageadas, Obás de Xangô, Mãe Carmen de Oxalá, Prof Ceres de Paula GT da Diversidade da 8ª CRE e  Mãe Marlene de Paulo da  Sociedade Mãe àfrica de Cacequi,251956_179401358852358_100003474858339_257134_2128408158_n (1) 

 

543758_433621359984439_100000097364274_1637561_1107014070_n Antes de iniciar o XiRÊ, foi entregue o Trofeu  Obá de Xangô entregues por expoentes das lutas  como o  Prof Ms Carmen Deleacil Ribeiro Nassar coord do NEAB Núcleo de Estudos Afro- Brasileiros da Ufsm. Prof Normélia Parise Pró- Reitoria de Extensão e Cultura Da Furg Universidade de Rio Grande. Pof Ms Giane Vargas Escobar, Diretora Técnica do Museu Treze de Maio e do Museu Coronel Pillar da Brigada Militar de SM

Do turno da manhã do dia  12 até o amanhecer  do dia 13 o Ilê Ossanha Aguè, reuniu grandes nomes que enriquecem o cenário religioso,político , negro de mulheres e intelectual da cidade de Santa Maria. A baixo fica a lista das 

As Presenças da Srta Nayra Silva Presidente da AENUFSM, Associação de Estudantes Negras e Negros da UFSM

Prof Ms Giane Vargas Escobar Diretora Técnica do Museu Treze de Maio e do Museu Coronel Pillar da Brigada Militar De SM

Prof Ms Carmen Deleacil Nassar coordenadora do NEAB Núcleo de Estudos Afro- Brasileiros da UFSM

Prof Dra Normélia Parise Pró- reitoria de Extensão e Cultura da FURG Universidade de Rio Grande

Prof Luciane Mello do Centro de Educação da UFSM

Dr Werner Rempel, Médico Nefrologista

Mãe Rejane de Yemanjá e Filhos

Mãe Sandra de Oxum Adocô e Filhos

Mãe Enida de Yemanjá e Filhos

Mãe Cleusa de Yemanjá e Filhos

Pai Rogério de Ogum e Filhos

Pai Maicon de Oxalá e Filhos

Sandra de Oxum, Kelly de Oiá e Egidia de Xangô Filhas de Santo de Pai Sandro de Ogum POA

Beijos, Abraços e um forte AXÈ !!!

Vilnes Gonçalves flores Júnior – Nei D’Ogum

Coordenador do NACE Núcleo de Ações Culturais Educativas do MTM Museu Treze de Maio

Coordenador do Colegiado de Culturas Populares da SEDAC RS

RP do YlÊ Axé Ossanha Agué

(55) 99068255

Domingo após o almoço a entrega da camiseta da Rede Cultura na Rua

P5090329

REVISTA CONEXÃO AFRO P5090330conexaoafro@gmail.com(51) 97010303 81810404 e 30556655

Anúncios

Pai Cleon de Oxalá vai à Àfrica

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 29, 2012 at 5:34 am

 

N°01- 29 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Quem, de nós, ousa negar que um dia  fechou os olhos e sonhou pisar no solo africano, imaginar como é, imagesenfim.

Esse, sonho o preservador com extrema autoridade,  da Cabinda, Pai Cleon de Oxalá ,realizará. Nós, que compomos sua próle mitica nos sentimos contemplados.

Pai Cleon de Oxalá, embarcará no próximo dia 08 de junho, para realizar o nosso sonho, passará por Paris, Huanda, Angola e finalmente em Cabinda. 

Leva em sua mala um DVD contendo riquíssimas imagens do seu saber “sagrado, fonte de sabedoria que cultua no seu cotidiano, assim, como ensina os seus seguidores.  No dia 23 ele desembarcará no aeroporto Salgado Filho, no seu retorno irá trazer para nós outra parte do sagrado, que deverá ser merecedora de estudos por ser parte integrante da história do Batuque do Sul do Brasil.

O patriarca da Cabinda será recepcionado por  sua familia mitica, filhos, netos, bisnetos e autoridades politicas e religiosas, para a realização de uma grande festa  em comemoração aos 60 anos de seu aprontamento. Na mesma ocasião acontecerá o ato de descerramento do Monumento da Nação Cabinda.

REVISTA CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com(51) 97010303 81810404 e 30556655

 

Movimento Negro de Campina Grande- 25 anos de luta contra o racismo.

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 28, 2012 at 10:55 pm

N°01- 28 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Datas: 24 e 31 de Maio- SALA DO 4 ANO-MANHÃ
7, 14 e 21 de Junho

I Curso de História da África e Cultura Afro-Brasileira para

Alunos (as) e Professores (as) da Escola Normal Estadual

Padre Emídio Viana Correia

Módulo-1: Filósofos Negros e Ciência Egípcia na Formação dos Gregos.

Modulo-2: Ciência e Tecnologia na História da África e dos Afro-Brasileiros

Mostra de vídeo: Projeto Cor da Cultura sobre ciência e tecnologia na
História dos povos africanos.

Módulo-3 : Valores Civilizatórios Africanos e Cultura Afro-Brasileira no

Currículo Escolar.

Mostra de vídeo Projeto Cor da Cultura- O Escritor Negro na Literatura
Brasileira.

Módulo-4: Mostra de Vídeo Salto Para o Futuro do Ministério da Educação-TV
Escola.

Temas para debate em sala de aula:

História e Cultura Afro-Brasileira e Africana.

As Relações Étnico-Raciais-História e Cultura Afro-Brasileira na
Educação Infantil.

Módulo-5:

Diversidade Étnico-Racial no currículo Escolar do Ensino. Fundamental.

O Legado Ancestral Africano na Diáspora e a Formação Docente.

ORGANIZAÇÃO: PROFESSORES JAIR SILVA E ADALGISA

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com(51) 97010303  81810404 e 30556655

APROVAMOS ESTA REPORTAGEM ELA É VERDADEIRA ORIGEM DOS FATOS‏

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 27, 2012 at 7:06 pm

N°01- 27 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Enfim, a tomada!

428420_388947621148817_803491299_n

Foto da Ana Barcellos 🙂

Não estava um dia lindo. Porto Alegre amanheceu bucólica no sábado, do dia 26 de maio, data do evento da subida do morro. Acordar cedo no dia em questão foi a primeira batalha. Chegar ao ponto de encontro não foi difícil, mas exigiu certa percepção da cidade (e um Google Mapas, é claro!).

Ao ver a massa branca aglutinada na primeira lomba, um sorriso. Aliás, um não, vários. Apesar do clima feio, todos estavam lá para prestigiar essa caminhada. Um pouco de atraso, pessoas perdidas, desnorteadas. Cadê a água? Onde estão os banners? Por onde vamos? Por aqui!

Bastou um microfone e a comunidade se abriu para nos receber. Palmas, rezas, muita alegria. Uma energia positiva nos deu força diante da dificuldade que estava por vir. Sobe daqui, tropeça dali, cuidado com a lajota, olha o cachorro, tem um buraco aqui, gente!

Chegamos ao terreiro de Baba Xandeco de Xango. Lugar simples, vista nada modesta da capital gaúcha. Gente pra lá de simpática. Apresentação de hiphop ilustre com direito a baixo e batuque. Jovens dispostos a lutar contra as drogas. Pipoca, frutas e groselha, me sinto em casa. Pessoal do Movimento Popular de Saúde (Mops-RS) deu uma palavrinha, afinal é importante reforçar umas questões sobre AIDS e tuberculose.

Em frente, que lá vem muita gente. Quase 50 pessoas. Todos animados. Subida íngreme. Agora começou, mesmo, a trilha. Escorrega, cambaleia, quase cai. Espinhos pinicam as canelas. Falta pouco. Estamos quase lá. Uma paradinha para água.

Chegamos, em meio as nuvens. Neblina. Onde está Porto Alegre? Um pronunciamento rápido. Outro. Uma atividade divertida. E aos poucos, o sol surge. Tímido, desmanchando o véu que cobria a cidade. Todos comemoram. Fotos, muitas fotos. Prédios, casas, vales, mata original, por todos os lados. Piquenique, as crianças agradecem.

Hora do papo sério. Novas ideias, reivindicações. Planos feitos. Vamos descer! Novos amigos… Acabou. Partimos para a próxima.

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com(51) 97010303  81810404 e 30556655

Ilê Ossanhe Agué em Santa Maria, recebe Mãe Carmen de Oxalá

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 26, 2012 at 11:41 pm

N°01- 26  de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 

1º Momento chegamos no sábado de manhã

O nome da viagem é trabalho

P5080203P5080202

Após tomarmos um delicioso café, fomos contribuir nos últimos detalhes para o inicio do Seminário.   P5080201 

Nei D"Ogum e Denise , fizeram a revisão do cerimonial.

P5080199    P5080206

Pai Ricarde de Ossanha Agué foi arrumar as flores, fui ajudar.

P5080219  

Testando as Câmaras

 P5080207 P5080209

Testagem do som

 P5080221 P5080220

Apreciando as acomodações externas.

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com

(51) 97010303 81810404 e 30556655

O CLUBE CULTURAL FICA AHÍ E A BIBLIOTECA NEGRA

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 26, 2012 at 6:42 pm

N°01- 26 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 

O CLUBE CULTURAL FICA AHÍ E A BIBLIOTECA NEGRA

CONVIDAM          

VIIIª EDIÇÃO DO CICLO DE CONVERSAS

CONFIRA A  PROGRAMAÇÃO  EM ANEXO

PERIODO JUNHO A SETEMBRO

A PRIMERA CONVERSA SERÁ 16 DE JUNHO AS 15:00 HORAS E VERSARÁ SOBRE POLITICAS TRIBAIS AFRICANAS COM O PROFESSOR ALFEU SPAREMBERG

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com(51) 97010303 81810404 e 30556655

Uma proposta de exercício e de ética da escuta para quem não é vítima de racismo, por Idelber Avelar

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 25, 2012 at 6:33 pm

N°01- 25 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Uma proposta de exercício e de ética da escuta para quem não é vítima de racismo, por Idelber Avelar

Por racismoambiental,

(Texto dedicado à família Miguel)

À raiz do debate de semana passada na Al Jazeera, voltaram a acontecer, no meu Facebook, email e Twitter, algumas discussões sobre racismo brasileiro que, apesar sempre saudáveis, com frequência repetem uma dinâmica bastante comum no país. Aprendi, com os anos, que essa dinâmica tem que ser descrita com cuidado, para que a própria descrição não termine reforçando-a. Eu me refiro à dinâmica estudada pela Ana nesse texto magistral, Não é sobre você que devemos falar.

Trata-se de um dos maiores obstáculos que se enfrenta no combate ao racismo brasileiro, e ele pode ser resumido mais ou menos nos seguintes termos. Os brancos brasileiros tendemos a acreditar sinceramente, a crer piamente, a estar convictos, de que sabemos o que é o racismo sem jamais termos feito o exercício de escutar suas vítimas. A dinâmica se agrava pelo fato extraordinário e mui curioso, bastante próprio do Brasil, de que 86% dos brancos brasileiros afirmam não ter preconceito contra negros, mas nesse mesmíssimo universo, 92% reconhecem que existe racismo no Brasil.

Conclusão: o branco brasileiro se acha uma ilha de tolerância cercada de racismo por todos os lados, racismo ao qual, curiosamente, ele se crê imune. É um caso inédito na história da sociologia. Ao mesmo tempo em que se crê imune, o branco brasileiro tende a ter, sobre o fenômeno, uma opinião bastante convicta, sem jamais ter tomado a iniciativa de tentar escutar um negro sobre o que é ser vítima de racismo. O branco não vê, nessa atitude, nenhuma herança racista. Continue lendo… ‘Uma proposta de exercício e de ética da escuta para quem não é vítima de racismo, por Idelber Avelar’»

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com(51) 97010303 81810404 e 30556655

ONG entrega 1,9 milhão de assinaturas contra Código Florestal

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 24, 2012 at 6:17 pm

N°01- 24 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Por Demetrio Weber (demetrio@bsb.oglobo.com.br)

Agência O Globo 24/05/2012

BRASÍLIA – A entidade internacional Avaaz, organização não-governamental que realiza campanhas em diversos países, entregou no Palácio do Planalto nesta quinta-feira um abaixo-assinado com 1,9 milhão de assinaturas, coletadas no mundo todo, pedindo à presidente Dilma Rousseff que vete o projeto de lei do Código Florestal. O documento foi entregue pelo diretor de campanhas da Avaaz, Pedro Abramovay, aos ministros Gleisi Hoffmann (Casa Civil), Gilberto Carvalho (Secretaria-Geral da Presidência) e Izabella Teixeira (Meio Ambiente).

– O texto aprovado é horrível. É muito difícil pensar em uma solução que respeite algum pedaço deste texto. É o texto do desmatamento. A gente quer o veto total ao desmatamento. Esse texto com aquilo que está lá tem que ser inteiramente rechaçado – disse Abramovay.

A Avaaz deve realizar uma manifestação ao meio-dia na frente do Palácio do Planalto, quando instalará um painel com o número de assinaturas coletadas em diferentes países. Segundo Abramovay, a coleta é ininterrupta e por isso, neste momento, já ultrapassa 2 milhões de nomes. Em nota, o diretor-executivo da ONG, Ricken Patel, declarou:

"Este é um momento decisivo para Dilma. Ela tem 24 horas para decidir se veta integralmente o código florestal e se será a heroína ou a vilã do planeta. Milhões de pessoas, de Paris a Joanesburgo, estão pedindo que ela seja a heroína e salve a Amazônia".

De acordo com a Avaaz, embaixadas brasileiras no exterior receberam mais 2.500 ligações de membros da entidade que solicitam o veto ao projeto de lei nas últimas semanas. A Avaaz informa que reúne mais de 14 milhões de pessoas no mundo, das quais 1,5 milhão estão no Brasil. A organização é financiada por doações de seus membros.

A presidente Dilma tem até sexta-feira para vetar ou não o projeto aprovado.


REVISTA CONEXÃO AFRO
conexaoafro@gmail.com
(51) 97010303  81810404 e 30556655

I Curso História da África e Cultura Afro-Brasileira

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 23, 2012 at 5:31 pm

N°01- 23 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Movimento Negro de Campina Grande (MNCG)

A Escola Estadual Padre Emídio Viana (Escola Normal) e o Movimento Negro de Campina Grande (MNCG) estão promovendo o I Curso sobre História da África e Cultura Afro-Brasileira para professores(as) e aluno(as) nos dias 24 e 31 de Maio e dias 07, 14 e 21 de Junho.

O evento é alusivo a comemoração das datas 03 de maio (Dia Nacional de Combate ao Racismo na Educação), 13 de maio (Dia Nacional de Denúncia do Rascismo) e 25 de maio (Dia  da África).  

Segue em anexo a programação completa.
POR GENTILEZA, DIVULGUEM!

25 anos de Luta Contra o Racismo.

Datas: 24 e 31 de Maio / 7, 14 e 21 de Junho – Sala do 4º Ano – Manhã

I Curso de História da África e Cultura Afro-Brasileira
para Alunos(as) e Professores(as) da Escola Normal
Estadual Padre Emídio Viana Correia

Módulo-1: Filósofos Negros e Ciência Egípcia na Formação dos Gregos.

Módulo-2: Ciência e Tecnologia na História da África e dos Afro-Brasileiros.

Mostra de vídeo: Projeto Cor da Cultura sobre ciência e tecnologia na História dos
Povos Africanos.

Módulo-3: Valores Civilizatórios Africanos e Cultura Afro-Brasileira no Currículo Escolar.

Mostra de vídeo Projeto Cor da Cultura – O Escritor Negro na Literatura Brasileira.

Módulo-4: Mostra de Vídeo Salto Para o Futuro do Ministério da Educação – TV Escola.

Temas para debate em sala de aula:

História e Cultura Afro-Brasileira e Africana.

As Relações Étnico-Raciais e História e Cultura Afro-Brasileira na Educação Infantil.

Diversidade Étnico-Racial no currículo Escolar do Ensino. Fundamental.

O Legado Ancestral Africano na Diáspora e a Formação Docente.

ORGANIZAÇÃO: PROFESSORES JAIR SILVA e ADALGISA


REVISTA CONEXÃO AFRO
conexaoafro@gmail.com
(51) 97010303  81810404 e 30556655

Editar esta entrada.

CONVITE ATIVIDADE NO MORRO DA POLICIA

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 22, 2012 at 2:10 pm

N°01- 22 de maio  –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

O ROTEIRO:CAPELA SÃO MIGUEL-TRAV.CEL REGO 110, BECO E AO LADO DA CAPELA, PARADA NA COMUNIDADE TRADICIONAL ILÊ DE XANGÔ-ASSOCIAÇÃO CLARA NUNES-DISTRIBUIÇÃO DO ATÃ DE OGUM E AGUEGÉ  SAUDANDO OS PARTICIPANTES, APRESENTAÇÃO COM CARRO DE SOM DO GRUPO DO MOVIMENTO POPULAR DE SAÚDE DO RS- PAPO KABEÇA COM JOVENS DA COMUNIDADE, DISTRIBUIÇÃO DE INFORMATIVOS, SUBIDA PELAS TRILHAS DO MORRO ATÉ AS ANTENAS DA EMBRATEL.  PRESENÇA DAS SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE, MEIO AMBIENTE, CULTURA, EDUCAÇÃO, GABINETE POVO NEGRO,IMPRENSA, COMUNIDADES TRADICIONAIS, ASSOCIAÇÕES COMUNITÁRIAS,LIDERANÇAS DA COMUNIDADE, ARTESÕES,CANTORES E GESTORES MUNICIPAIS QUE ESTARÃO DIALOGANDO COM  MORADORES E AS DIFICULDADES QUE O MORRO ENFRENTA E BUSCA DE SOLUÇÃO DE ACESSIBILIDADE DA LINHA 347 – ALAMEDA, QUE DEIXA O POVO DO MORRO MUITO LONGE DE SUAS MORADIAS, ALÉM DO PROBLEMA DE FALTA DE INFRA-ESTRUTURA E ACESSIBILIDADE DOS BECOS E ACESSO NO MORRO. A PROBLEMÁTICA DO PARTENON ESTAR EMPRIMEIRO LUGAR NA CO-INFECÇÃO POR HIV/AIDS, TUBERCULOSE E ALCOOLISMO, SÃO TEMAS QUE VÃO SER DEBATIDOS DURANTE O PIQUENIQUE COM TODOS PARTICIPANTES. PORTO ALEGRE, EU GOSTO EU CUIDO!

BABA XANDECO DE XANGÔ 

O Morro da Polícia, ou simplesmente o Morro da Embratel, como muitos o chamam, não é o mais alto de Porto Alegre, mas é o mais proeminente, pois pode ser avistado da maior parte da cidade e até de municípios da região metropolitana em dias bem claros. E é também aquele que oferece a melhor vista da cidade. Para quem conhece Porto Alegre, trata-se daquele morro inconfundível cheio de antenas da Embratel, de TVs, rádios e agora também de operadoras de celular.

Para chegar no Morro da Polícia, é necessário subir toda a avenida Oscar Pereira, no bairro Glória, e quando chegar ao topo, pegar uma estrada de chão batido que passa por uma vila antes de atingir o topo do morro onde estão as antenas. O passeio vale a pena.
De cima do Morro da Polícia é possível ver quase toda a zona norte de Porto Alegre, o Lago Guaíba e as cidades do outro lado do lago, e ainda uma boa parte da zona sul da cidade. Em dias bem claros com boa visibilidade, é possível avistar os municípios da região metropolitana e até mesmo a silhueta da serra gaúcha.
Nos anos 70 chegou a haver um bar-restaurante junto às antenas e até mesmo um pequeno parque de diversões. Sabe-se lá o porquê, hoje há apenas as antenas. Infelizmente parece não haver interesse político em transformar o local em atração turística, com asfaltamento da via de acesso ao morro e instalação de uma infra estrutura com belvedere e restaurante panorâmico. Talvez um dia isso aconteça. Por enquanto, o Morro da Polícia é normalmente visitado pelo pessoal que faz a manutenção das antenas, por alguns aventureiros corajosos sem medo de subir o morro e por adeptos de religiões afro-brasileiras que usam o morro como um local para suas oferendas.

(51) 97010303  81810404 e 30556655

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Mostra SOCIAL EM MOVIMENTOS RIO+20

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 21, 2012 at 6:36 pm

N°01- 21 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Convido a todos a participarem do festival "Social em movimentos, Rio+ 20". Essa mostra apresenta filmes brasileiros e franceses seguidos de debates. O projeto é organizado principalmente pela associação AutresBrésils (http://www.autresbresils.net/), localizada em Paris, e conta com diversas parcerias.

Ela acontece em São Paulo entre os dias 7 e 10 de junho, na Matilha Cultural e no Rio de Janeiro entre os dias 13 e 17 de junho no centro cultural da Caixa Federal.

Não percam! Participem e convidem seus amigos!

Mostra SOCIAL EM MOVIMENTOS RIO+20
7 a 10 de junho de 2012 – São Paulo
13 a 17 de junho de 2012 – Rio de Janeiro

Na véspera da Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável , a Rio +20, e da Cúpula dos Povos, a

mostra “Social em Movimentos”, traz, através de filmes e debates, a oportunidade de discutir algumas das principais questões ambientais e sociais contemporâneas.

Uma temática diferente estará em pauta a cada dia:  Nossa Água, Nossa Comida, Nosso Consumo e Nosso Clima.
A mostra acontecerá na Matilha Cultural em São Paulo do dia 7 até o dia 10 de junho
e na semana seguinte, a CAIXA Cultural apresenta a Mostra "Social em Movimentos Rio+20" do dia 13 até dia 17 no Rio de Janeiro

Veja a programação e todos os detalhes no site do Festival: www.socialmovimentos.com e no Facebook !
Realização: Autres Brésils e Refinaria Filmes

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com(51) 97010303 81810404 e 30556655

Estão evoluíndo as Flores Tropicais no jardim da Assobecaty

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 20, 2012 at 4:16 pm

    

N°01- 20 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

P5030170

Zingiber: também conhecida como sorvetão, é utilizada em paisagismo e arranjos.

No Ano de 2009, quando estive na Amazônia fiquei muito impressionada pela beleza da flor tropical,por isso , trouxe uma muda desta flor que plantei no meu jardim. Sempre deu folhas, acho que ela vinha fazendo um esforço para se adaptar com o clima do sul, neste ano ela mais uma vez surpreendeu a mim e as pessoas que passam pelo meu Jardim.

REVISTA CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com(51) 97010303  81810404 e 30556655

Editar esta entrada.

Reino de Oxalá Convida para os 60 anos Iniciação de religiosa de Pai Cleon de Oxalá

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 20, 2012 at 1:58 am

A sociedade beneficente sete flexas e oxalá, referencia dos cultos africanos no Brasil, através de seu diretor espiritual Pai Cleon de Oxalá, inaugura o “monumento africano” em seu templo religioso.

Quem, de nós, ousa negar que um dia fechou os olhos e sonhou pisar no solo africano, imaginar como é, enfim.

Esse, sonho o preservador com extrema autoridade, da Cabinda, Pai Cleon de Oxalá ,realizará. Nós, que compomos sua prole mítica nos sentimos contemplados.

Pai Cleon de Oxalá, embarcará no próximo dia 08 de junho, para realizar o nosso sonho, passará por Portugal, Luanda, Angola e finalmente em Cabinda.

Leva em sua mala um DVD contendo riquíssimas imagens do seu saber “sagrado, fonte de sabedoria que cultua no seu cotidiano, assim, como ensina os seus seguidores. No dia 23 ele desembarcará no aeroporto Salgado Filho, no seu retorno irá trazer para nós outra parte do sagrado, que deverá ser merecedora de estudos por ser parte integrante da história do Batuque do Sul do Brasil.

O patriarca da Cabinda será recepcionado por sua família mítica, filhos, netos, bisnetos e autoridades politicas e religiosas, para a realização de uma grande festa em comemoração aos 60 anos de seu aprontamento. Na mesma ocasião acontecerá o ato de descerramento do Monumento da Nação Cabinda.

*Inauguração do monumento africano- ligação direta da africa no brasil ( maior importância)

  • 60 anos de religiosidade

Dilma cria Dia Nacional do Reggae

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 20, 2012 at 12:57 am

N°01- 20 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Dilma cria Dia Nacional do Reggae

Publicado em 20 de maio de 2012 por Victoria Almeida

14 de maio de 2012

FERNANDO NAKAGAWA – Agência Estado

Doze inta e um anos após a morte de Bob Marley, a presidente Dilma Rousseff decidiu homenagear o músico jamaicano. A partir de agora, o dia 11 de maio é, oficialmente, o “Dia Nacional do Reggae” no Brasil. A data não foi escolhida por acaso: em 1981, no mesmo 11 de maio, o artista morreu com 36 anos em um hospital em Miami, nos Estados Unidos.

A nova data comemorativa foi decretada e sancionada na Lei 12.630 assinada por Dilma e publicada nesta segunda-feira. O texto distribuído pelo Palácio do Planalto diz que nesta data “se homenageará o ritmo musical difundido mundialmente por Robert Nesta Marley”. Em outras palavras, é a celebração do reggae popularizado por Bob Marley.

Mais que uma decisão presidencial, a homenagem tem caráter cultural, já que a lei também é assinada pela ministra da Cultura, Ana de Hollanda, e ainda um fundo racial, pois o mesmo também leva a assinatura da secretária de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, Luiza Helena de Bairros.

REVISTA CONEXÃO AFRO

conexaoafro@gmail.com(51) 97010303 81810404 e 30556655

II PLENÁRIA DO MOPS RS

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 19, 2012 at 8:15 am

N°01- 19 de maio –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

PLENÁRIA DO MOPS RS  O Movimento Popular de Saúde do Rio Grande do Sul-MOPS RS, no uso de suas atribuições e seguindo seu planejamento estratégico  de ampliar as suas ações no solo gaúcho, vem por meio deste, socializar a realização de suaPlenária que acontecerá no dia 21 de maio, em Porto Alegre RS, cito a rua Miguel Teixeira, 86 Bairro Cidade Baixa-Autidório da Secretaria da Justiça e do Desenvolvimento Social do Rio Grande do Sul,  das 9 horas até 12hs, sendo esta,  uma das atividades preparatórias para o  III Congresso Nacional do MOPS 2012, que ocorrerá em 04,05 e 6 de Julho de 2012 em Londrina/PR. 

Esta plenária tem por objetivo orientar o processo de discussões nas diversas áreas temáticas do III Congresso Nacional do MOPS, dando visibilidade ao trabalho que vem sendo realizado no Rio Grande do Sul e principalmente buscar respostas aos desafios, com isto capacitar e empoderar os delegados (as), no mapeamento e diagnósticos de estratégias que possam efetivar cada vez mais a participação popular e controle social das políticas públicas em  saúde.

Pauta:    

               Eleição de Delegados para o Congresso MOPS -2012 

Atenciosamente,

Baba Xandeco de Xangô

Coordenador MOPS/RS

REVISTA CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com(51) 97010303  81810404 e 30556655

A tradição de Vó para neta garante a existência da terreira de Oxum, diz Mãe Carmen de Oxalá

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 18, 2012 at 2:22 pm

N°01- 18 de maio  –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Os 22 anos de fundação do Ilê  de Mãe Oxum, denominado Associação FAbiana  casaBeneficente Nossa  Senhora da Conceição, conhecido no bairro Santa Rita- Guaíba  como a terreira  que era de Mãe Inês de Oxum, estarão sendo comemorados no sábado dia 19 de maio de 2012 ás 20:00 Horas.

A solenidade será marcada por sentimentos de  memoria, resistência e união da mesma forma que demarcam  um novo ciclo, Mãe Fabiana de Ossanha anunciará aos presentes que em breve iniciará suas obrigações de fortalecimento da raiz na bandeira de Pai Oxalá, buscando axé para os avanços no desenvolvimento do terreiro e da comunidade do entorno. Isso, é será  filha de santo de  Mãe Carmen de Oxalá, dirigente da Casa Tradicional Assobecaty,   FAbiana casa. 2


Mãe  Fabiana de Ossanha, neta biológica e atual sucessora  de Mãe Inês, juntamente com os seus ex irmãos, atuais filhos de santo, estarão com as portas do ilê  abertas, para receber os cumprimentos dos amigos e simpatizantes. A cerimônia  será seguida de uma Sessão Festiva de Pretos Velhos.

Rua; Campo Grande , 407

Bairro: Jardim Santa Rita- Guaíba

REVISTA CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com(51) 97010303  81810404 e 30556655

A dirigente espiritual da ASSOBECATY Mãe Carmen de Oxalá Prestigia : Noite de Gala Para Cultura Leopoldense

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 17, 2012 at 11:34 pm

N°01- 17 de maio  –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Mãe Carmen de Oxala participou, na quarta-feira, dia 16, do Mega evento Noite de Gala para a Cultura Leopoldense. No iníco das atividades da noite, quem esteve no Teatro Municipal pode apreciar música gaúcha com uma dupla de músicos da cidade e uma apresentação de
dança do Instituto Lennon Joel Pela paz. Muitas pessoas compareceram, dentre elas muitas entidades sócio-culturais que foram contempladas com os pontos de cultura, os pontos de leitura, os cinemas e os telecentros. Além da comunidade em geral que se fez presente no evento. Veja mais no http://cidadaniaculturalsl.blogspot.com.br/

(51) 97010303  81810404 e 30556655

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CONVITE – Comemoração 28 Anos Conselho da Comunidade Negra

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 16, 2012 at 7:36 pm

N°01- 16 de maio  –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Image.1336057614525

(51) 97010303  81810404 e 30556655

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CONVITE – Comemoração 28 Anos Conselho da Comunidade Negra

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 16, 2012 at 7:28 pm

Image.1336057614525conexaoafro@gmail.com

ESTRÉIA DO ESPETÁCULO DO GRUPO AFRO-SUL

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Maio 15, 2012 at 11:48 pm

 

N°01- 8 de maio  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Cartaz espetáculo

ESPETÁCULO DO GRUPO AFRO-SUL

O GRUPO AFRO-SUL DE MÚSICA E DANÇA TEM O PRAZER EM CONVIDAR VOCÊ PARA A ESTRÉIA DO ESPETÁCULO

"O NEGRO E O RIO GRANDE DO SUL: A RELIGAÇÃO ESPIRITUAL ENTRE DOIS MUNDOS"
DIAS 18 E 19 DE MAIO AS 21H E DIA 20 DE MAIO AS 20H
*****ATENÇÃO***
TEM QUE IR NO MÍNIMO UMA HORA MAIS CEDO POIS É GRATUITO E TEM QUE RETIRAR A SENHA.
CONTAMOS COM A PRESENÇA DE TODOS.

(51) 97010303  81810404 e 30556655

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com