Revista Online Conexao Afro

Archive for Junho, 2013|Monthly archive page

Novos parceiros para o Projeto Ajeun Ilerá – ASSOBECATY

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 28, 2013 at 4:47 pm

 

logo Revista Conexão Afro  28   de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 

O projeto Ajeun Ilerá  cresce todos os dias, nesse sentido hoje recebeu a adesão  da Associação Ylê Africano de Ogum e Oxalá dirigido por Pai Robson de Oxalá  e sua esposa!


 Richar Gomes ( Oju Obá ) e Mãe Carmen de Oxalá receberam com muita alegria, estes novos parceiros, e a repercussão que o projeto Ajeun Ilerá  está alcançando.

O Ilê de Pai Robson , ficxa localizado na cidade de Novo Hamburgo.

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655
Anúncios

Reunião da Rede Cultura na Rua e Sopão Cultural na Assobecaty

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 22, 2013 at 2:19 am

logo Revista Conexão Afro  22   de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

É hoje a reunião da Rede Cultura na Rua e  Sopão Cultural na Assobecaty

Foto: É hoje a reuniçao da Rede Cultura na Rua e o Sopão Cultural  na Assobecaty

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

ASSOBECATY- CONVIDA REUNIÃO DA REDE CULTURA NA RUA

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 19, 2013 at 9:00 pm

logo Revista Conexão Afro    19 de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

http://redeculturanarua.files.wordpress.com/2012/02/logo-cultura-na-rua_thumb6.jpgA Rede Cultura na Rua deixou marcas profundas no território de paz do bairro Jardim Santa Rita Guaíba, no decorrer do ano de 2011. Por  sua peculiar capacidade de articular e colocar uma intensa mistura de expressões culturais a disposição da juventude, indo para as ruas do território, resgatar jovens, os mesmos sendo atraídos  com os projetos Dança de Rua, Capoeira na Rua, Blogando na Rua, Crônicas de Rua, Midia na Rua,Teatro de Rua, Contação de Histórias e Pintura em Tela.  Iniciativas que já existiam a muito tempo, mas estavam a margem do reconhecimento artístico cultural. Hoje a Assobecaty, conta com imenso prestigio por sua capacidade de mobilização e  tem interesse de discutir com  membros da Rede Cultura na Rua, sua expansão. Convidamos todos os membros da Rede Cultura na Rua, que cultivam o objetivo comum, de agregar, movimentar e fortalecer os saberes, essa proposta vai além dos que pretendem trabalhar com cultura, dentro dos territórios de Paz , mas uma  grande possibilidade de ver estas ações provocar o exercício constante de transformação socioeconômico e cultural.Quem : AssobecatyO quê ?   ConviteQuando : 22 de Junho de 2013  ás 10 Horas

Onde : Rua Wenceslau Fontoura nº  226 Jardim Santa Rita

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Oficina de Projetos Ajeun Ilerá

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 19, 2013 at 2:20 am

Oficina de Projetos Ajeun Ilerá

AJEUN ILERÁ – Assobecaty e Comunidade Indigena Guaranis- Viva o empoderamento das Comunidades tradicionais

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 18, 2013 at 1:47 am
logo Revista Conexão Afro18 de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

  1. Os diálogos realizados  por Richad Gomes – Oju Obá  no GT 4 – comunidades tradicionais no CONSEA- Conselho Estadual de Segurança Alimentar, de trabalho de apoio a luta indigena, nesta terça – feira (18) teve resultado na efetivação da parceria da Assobecaty e as comunidade indígena, Guarani Cacique  José. Assobecaty abriu mais um núcleo do Projeto Ajeun Ilerá,  viva a aproximação e o empoderamento das comunidades tradicionais .
    Foto: Terça- Feira chegamos até a comunidade indígena, Guarani Cacique José - . Mais um núcleo do Projeto Ajeun Ilerá,
    Eu, Jaqueline, Neli e Fernando no cadastro das famílias indígenas Guarani, na entrada da cidade de Guaíba
  2. logo Revista Conexão Afro 

    CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
    Falar com Mãe
    Carmen de Oxala :
      (51) 81810404 / (51)  30556655

SEDAC- Convida para Reunião na CCMQ: Mais Cultura nas Escolas e Territórios de Paz‏

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 15, 2013 at 11:11 am
  • logo Revista Conexão Afrologo Revista Conexão Afro 

    CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com

    Falar com Mãe

    Carmen de Oxala :

      (51) 81810404 / (51)  30556655

      15   de junho  – Guaíba- RS –Brasil

    REVISTA CONEXÃO AFRO

    Mais Cultura nas Escolas e Territórios de Paz‏

A Secretaria de Estado da Cultura, a Secretaria de Estado da Educação, a Representação Regional Sul do Ministério da Cultura e a Comissão Estadual dos Pontos de Cultura do RS convidam para reunião ampliada sobre o Programa Mais Cultura nas Escolas.

A atividade reunirá agentes culturais, coletivos, Pontos de Cultura, escolas públicas municipais e estaduais dos Território de Paz de Porto Alegre e Região Metropolitana para apresentação do Edital do Programa Mais Cultura nas Escolas. A Representação Regional Sul do Ministério da Cultura apresentará o edital

O processo contemplará até 10 mil projetos voltadas para escolas públicas em todo Brasil. O investimento chega a R$ 200 milhões, sendo que cada projeto receberá entre R$ 20 e 22 mil, sendo realizado em parceria com a comunidade cultural (pessoa física ou CNPJ).

Este é um espaço de aprendizagem e compartilhamento, onde agentes e organizações destes Territórios de Paz poderão dialogar com a direção das escolas públicas.

Participe!

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Imagem inline 1

Coordenação de Pontos de Cultura
Diretoria de Cidadania e Diversidade Cultural
Secretaria de Estado da Cultura
Governo do Estado do Rio Grande do Sul

(51) 3288.7519
pontosdecultura@sedac.rs.gov.br

*******************************************

@PontosRS
******************************************
Centro Administrativo Fernando Ferrari
Av. Borges de Medeiros, 1501, 19º andar, Ala Norte
CEP 90119-900 – Porto Alegre/RS

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

SEPPIR e CNPIR lançam identidade visual da III Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 14, 2013 at 9:17 pm

logo Revista Conexão Afro  14   de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 

 

 

SEPPIR e CNPIR lançam identidade visual da

III Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial

Inspirada no tema central do evento, a marca prioriza a plasticidade e versatilidade das formas do Brasil, considerando conceitos como desenvolvimento, nacionalidade, futuro, combate ao racismo, transformação, movimento e construção coletiva

A Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR) e o Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial (CNPIR) lançaram ontem (13/06), a identidade visual da III Conferência Nacional de Promoção da Igualdade Racial – III CONAPIR, que acontece entre os dias 5 e 7 de novembro, em Brasília-DF.

 

Inspirada no tema do evento, “Democracia e Desenvolvimento sem Racismo: Por um Brasil Afirmativo”, a marca poderá ser utilizada nas etapas estaduais e municiais e já está disponível na página eletrônica da SEPPIR: http://www.seppir.gov.br/iii-conapir/downloads.

 

Para orientar a utilização da identidade, a SEPPIR produziu um manual que apresenta normas e diretrizes da correta aplicação da marca nos materiais impressos e virtuais de publicidade, promoção e divulgação do evento, pelos diversos parceiros e atores sociais envolvidos na realização da III CONAPIR.

 

O objetivo é contribuir para a divulgação da conferência de maneira coerente e alinhada, em todos as suas etapas de realização.

 

A identidade visual foi criada considerando os conceitos de desenvolvimento, nacionalidade, futuro, combate ao racismo, transformação, movimento e construção coletiva, priorizando a plasticidade e versatilidade das formas do Brasil.

 

Por meio de um mapa estilizado, a logomarca busca retratar o Brasil com sua diversidade de identidades e expressões culturais, na perspectiva de movimento para a construção de uma nação integrada, afirmativa, inclusiva, democrática e pluralista.

 

A composição dos elementos em formas abstratas, coloridas e circulares, passa a ideia de movimento contínuo, caracterizando uma dinâmica que envolve a todas e a todos na tarefa de refletir e apontar caminhos para um novo modelo de desenvolvimento.

 

O debate centraliza a superação das desigualdades étnico-raciais e vislumbra um país que retrate sua diversidade também nos espaços de poder e de decisão.

 

Para download dos arquivos, clique aqui.

 

Notícias sobre a III CONAPIR, clique aqui.

 

Coordenação da Assessoria de Comunicação da SEPPIR

Juci Machado(61) 2025-7040 / 9127-8708

Jornalistas

Carmen Lustosa(61) 2025-7148

Kamilla Pacheco(61) 2025-7166

Waleska Barbosa(61) 2025-7041

Sandro Lobo(61) 2025-7038

 

————————————————-

Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial

da Presidência da República – Seppir/PR

www.seppir.gov.br

Comunicação Social

seppir.imprensa@planalto.gov.br

(61) 2025-7041 / 7042 / 7043

 

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Editar esta entrada.

Editar esta entrada.

 

 

ASSOBECATY – CONVIDA REUNIÃO DA REDE CULTUA NA RUA‏

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 13, 2013 at 6:26 pm

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro    13 de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

http://redeculturanarua.files.wordpress.com/2012/02/logo-cultura-na-rua_thumb6.jpgA Rede Cultura na Rua deixou marcas profundas no território de paz do bairro Jardim Santa Rita Guaíba, no decorrer do ano de 2011. Por  sua peculiar capacidade de articular e colocar uma intensa mistura de expressões culturais a disposição da juventude, indo para as ruas do território, resgatar jovens, os mesmos sendo atraídos  com os projetos Dança de Rua, Capoeira na Rua, Blogando na Rua, Crônicas de Rua, Midia na Rua,Teatro de Rua, Contação de Histórias e Pintura em Tela.  Iniciativas que já existiam a muito tempo, mas estavam a margem do reconhecimento artístico cultural. Hoje a Assobecaty, conta com imenso prestigio por sua capacidade de mobilização e  tem interesse de discutir com  membros da Rede Cultura na Rua, sua expansão. Convidamos todos os membros da Rede Cultura na Rua, que cultivam o objetivo comum, de agregar, movimentar e fortalecer os saberes, essa proposta vai além dos que pretendem trabalhar com cultura, dentro dos territórios de Paz , mas uma  grande possibilidade de ver estas ações provocar o exercício constante de transformação socioeconômico e cultural.


Quem : Assobecaty

O quê ?   Convite

Quando : 22 de Junho de 2013  ás 10 Horas

Onde : Rua Wenceslau Fontoura nº  226 Jardim Santa Rita

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Editar esta entrada.

CONVITE: COMEMORAÇÕES DO BARÁ DO MERCADO‏

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 12, 2013 at 6:17 pm

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro  12   de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

“ O Bará do Mercado é um espaço na encruzilhada central do Mercado Público Central de Porto Alegre, que se constitui como Lugar de referência secular para os religiosos de matriz africana. Ali, no centro do Mercado ocorre a manifestação religiosa denominada passeio e é o lugar da Morada do Orixá Bará. O Orixá Bará é compreendido como o Senhor das Encruzilhadas, capaz de abrir e fechar caminhos. Saudar e cultuar o Orixá Bará no Mercado Público com a intenção de obter fartura, abundância, prosperidade e a abertura de caminhos tem sido uma prática dos adeptos das religiões de matriz africana presente na história da cidade por mais de um século. Esta manifestação cultural, étnica e religiosa é uma marca histórica da territorialidade negra e da religiosidade afro-brasileira na cidade de Porto Alegre.” EPAHC

Por solicitação de Leonor dos Santos Almeida, conhecida religiosamente como mãe Norinha de Oxalá, e presidente da CEDRAB/RS  a SMC de Porto Alegre registra o bem cultural de natureza imaterial denominado “Bará do Mercado” como PATRIMÔNIO CULTURAL DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE.

Venha comemorar com a CEDRAB-Congregação em Defesa das Religiões Afro-brasileiras/RS, hoje às 17:00hs o  Orixá Bará.

O Orixá Bará Agelú Olodja, assentado no centro do Mercado Público de Porto Alegre, é dentro do panteão africano o Orixá que abre os caminhos, o guardião das casas e da cidade, representa o trabalho e a fartura. O Orixá Bará  é reverenciado por toda a comunidade de matriz africana no estado.

No ato também será apresentado o registro do imaterial do Bará do Mercado, o reconhecimento dessa tradição secular em nosso estado.

Venha homenagear o Pai Bará e leve a fartura, trabalho e oportunidades para dentro de sua Vida.

Alupô!

ASÈ,

Mãe Norinha de Oxalá

Presidenta da CEDRAB/RS

O quê: Comemorações do Bará do Mercado

Quando:  13/06/2013  às 17:00hs

Onde: Mercado Público de Porto Alegre/RS

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Justiça Federal decide pela continuidade dos processos dos editais do MINC/SEPPIR‏

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 12, 2013 at 11:20 am

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro 12 de junho  – Guaíba- RS –Brasil

Prezadas e Prezados,

quarta-feira, 12 / junho / 2013 by marakarina

 

Ao apreciar agravo de instrumento impetrado pela União, TRF1 decide pela continuidade da seleção, mas mantém premiação suspensa

A Justiça Federal decidiu, no dia 7 de junho, pela continuidade dos procedimentos relacionados aos Editais para Criadores, Produtores e Pesquisadores Negros do Mistério da Cultura (MinC), construídos em parceria com a Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (SEPPIR). Trata-se de um agravo de instrumento interposto pela União contra a liminar do juiz José Carlos Madeira, da 5ª Vara da Seção Judiciária Federal do Maranhão, que deferiu a suspensão dos editais para agentes culturais negros, em maio desse ano.

De acordo com o documento, as atividades de seleção serão retomadas e compreendem desde a triagem dos projetos enviados até a divulgação dos resultados finais do certame e da lista de classificados no Diário Oficial da União. Entretanto, o pagamento dos prêmios continua suspenso até o julgamento final do processo.

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  3055

Escola de Samba Império Serrano abre alas para o Projeto Ajeun Ilerá entrar

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 9, 2013 at 11:58 pm

Escola de Samba Império Serrano abre alas para o Projeto Ajeun Ilerá entrar

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 9, 2013 at 1:50 am
logo Revista Conexão Afro  09   de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Escola de Samba Império Serrano abre alas para o Projeto Ajeun Ilerá entrar

O  território da Escola de Samba Império Serrano , que esta localizada no bairro o bairro Ermo,  é um espaço marcado por questões étnicas raciais, o bairro é majoritáriamente a expressão da negritue  no municipio de Guaíba.

O calendário imperiano é marcado por festas populares e religiosas. Tais festas
marcam a identidade, tradições e características específicas sendo uma  a relação estreita entre sagrado e profano, caracterizada pela devoção, ao orixá Xangô, patrono do Ilê que existe lá no fundo do quintal mas também como
momentos de resistência da cultura de um dado povo, e muitas vezes de contestação

 

 

Dia 09 de junho, de 2013, dia que marca a chegada  do PAA – Guaíba, através dp Projeto Ajeun Ilerá, um fato  político, um acontecimento que reuniu muitas famílias, que  desde muito cedo movimentam,o espaço da escola.
Estar dentro do cenário do carnaval, não é novidade. O que é muito novo é que nesse dia, o foguetório, ás 10 horas da manhã, não  comum. O anuncio que esta chegando uma politica de segura alimentar, um momento de regojizo e muitas palmas, que representam uma  grande quantidade de liberação de  “energia”, que é redistribuída para todos os participantes.
Essa politica implica uma consagração, ou seja, é a possibilidade de transformação de  que representam espaços de sociabilidade, de celebração de
religiosidade e também de resistência e valorização da cultura negra.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

 

 

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 7, 2013 at 2:14 am

 

logo Revista Conexão Afro07  de junho  – Guaíba- RS –Brasil

 

 

REVISTA CONEXÃO AFRO

Assobecaty faz 3º Entrega do Projeto Ajeun Ilerá – PAA- Guaíba na Morada da  Morada da Colina 

O Ilê de Mãe Viviane de Ogum reuniu ás 20 horas do dia 06 de junho, os beneficiados do Projeto Ajeun Ilerá – PAA Guaíba.

 

c

A presença de mais de  Babas e Yás  no dia derradeiro da entrega do alimento, consolida novamente, a importância que as autoridades religiosas tem para a manutenção do conselho Gestor do Projeto Ajeun Ilerá, que prima pela participação das diversidade é que vai faz

Assobecaty faz 3º Entrega do Projeto Ajeun Ilerá – PAA- Guaíba na Morada da  Morada da Colina 

O Ilê de Mãe Viviane de Ogum reuniu ás 20 horas do dia 06 de junho, os beneficiados do Projeto Ajeun Ilerá – PAA Guaíba.

 

c

A presença de mais de  Babas e Yás  no dia derradeiro da entrega do alimento, consolida novamente, a importância que as autoridades religiosas tem para a manutenção do conselho Gestor do Projeto Ajeun Ilerá, que prima pela participação das diversidade é que vai fazer uma história  com final diferente no batuque do sul.

A reunião teve a participação dos beneficiados.

Também contou com as presenças de Babas e Yás que passam formar o Conselho gestor do Núcleo Colina .

Reino de Xangô Pai Luciano  de Xangô, Reino de Xangô e Oxum Pai Denis de Xango, Mãe Maristela de Oxum, Centro de Ogum e Iemanjá  Mãe Maristela  e  Mãe Ilza de Yemanjá

 

O Ilê de Oxum e Ogum, cumpre um papel importante, não por distribuir alimentos, mas também por ser um polo organizador da comunidade que prepara os mesmos para a capacitação que irá ocorrer muio em breve, através das oficinas temáticas,  conforme determinação das diretrizes do Projeto Ajeun Ilerá.

er uma história  com final diferente no batuque do sul.

A reunião teve a participação dos beneficiados. Aconteceu na quinta- feira dia 06 de junho. na Rua Mauricio Siroski Sobrinho n. 767

Também contou com as presenças de Babas e Yás que passam formar o Conselho gestor do Núcleo Colina .

Reino de Xangô Pai Luciano  de Xangô, Reino de Xangô e Oxum Pai Denis de Xango, Mãe Maristela de Oxum, Centro de Ogum e Iemanjá  Mãe Maristela  e  Mãe Ilza de Yemanjá

 

O Ilê de Oxum e Ogum, cumpre um papel importante, não por distribuir alimentos, mas também por ser um polo organizador da comunidade que prepara os mesmos para a capacitação que irá ocorrer muio em breve, através das oficinas temáticas,  conforme determinação das diretrizes do Projeto Ajeun Ilerá.

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Ajeun Ilerá – PAA- Guaiba Chega no Bairro Vila Jardim

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 6, 2013 at 5:49 pm

 

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro  06  de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

18 Horas abertura Núcleo Vila Jardim _ responsável Mãe Berê de Oxum

O ilê de Mãe Berê é o mais novo núcleo de distribuição do PAA- Guaíba- Projeto Ajeun Ilerá, alimento saudável para todos, é uma política estruturante do governo federal.A conveniada Assobecaty, tem o compromisso de  formar parcerias sólidas para garantir a expansão do programa.

O que acontece nesta noiten no ilê de Mãe Berê . é raro  muito raro ocorrência em terreiro de matriz afro de cidades do  interior,

Essa política estruturante de segurança alimentar apresenta outra  dimensão política, é estrututrante por favorecer a autonomia e organização das comunidades tradicionais e as comunidades de seu entorno.

Participação e interação da comunidade de terreiro e a comunidade local é fundamental.

Nessa primeira entrega na vila Jardim , ficou nitidamente visivel , que é o núcleo que tem maior número de mulheres, esse detalhe vai repercutir em oficinas especificas para mulheres, as mesmas sugeriram iniciar por oficinas que tratem de temas sobre sexualidade.

_____________________________________________________________________________

Chegando alimento na Vila Jardim,  06 de junho de 2013 ás 11 Horas da manhã

IV ENCONTRO NACIONAL DA REDE MOCAMBOS

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 3, 2013 at 10:03 am

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro  03  de junho  – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Aconteceu entre os dias 27 de maio a 3 de Junho o IV Nacional da rede Mocambos na casa de Cultura Tainã em Campinas. O encontro teve o intuito de fortalecer os Núcleos de Formação E Comunicação Quilombola, composto por representantes de 8 estados: São Paulo, Bahia, pará, Amapá, Pernambuco, Rio Grande do Sul, Rio de Janeiro e Maranhão.

Coreógrafo do Balé do TCA é encontrado morto em chácara de Lauro de Freitas

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 2, 2013 at 4:46 pm

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro  02  de junho  – Guaíba- RS –Brasil
02/06/2013 – 10:00
Coreógrafo do Balé do TCA é encontrado morto em chácara de Lauro de Freitas

Foto: Reprodução
O ator, bailarino e coreógrafo Augusto Omolú, assistente de direção do Balé do Teatro Castro Alves, foi encontrado morto, na manhã deste domingo (2), em sua chácara, localizada na região de Buraquinho, em Lauro de Freitas, Região Metropolitana de Salvador. O corpo foi achado pelo caseiro e, de acordo com informações da polícia, Omolú vestia apenas uma cueca e apresentava perfurações de faca. Uma equipe do Departamento de Polícia Técnica (DPT) está no local e já realiza as primeiras investigações do caso. A suspeita é que o coreógrafo, que estaria em um bar em Portão, também em Lauro de Freitas, antes de ser morto, estivesse acompanhado durante o trajeto para casa. Omolú foi um dos fundadores e professor da Escola de Dança da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Funceb), diretor artístico e coreógrafo do grupo anfitrião do Carnaval de Nice (França), em 1991, com Gilberto Gil, além de professor e coreógrafo do Balé Folclórico da Bahia. Com informações do A Tarde.

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

FCP e ABC assinam projetos selecionados no Edital Conexão Brasil África

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 1, 2013 at 11:31 am

REVISTA CONEXÃO AFRO

logo Revista Conexão Afro  01 junho  – Guaíba- RS –Brasil

Prezadas e Prezados,

FCP e ABC assinam projetos selecionados no Edital Conexão Brasil África

quarta-feira, 29 / maio / 2013 by Denise Porfírio

Conexão Brasil África

FCP e ABC assinam projetos selecionados no Edital Conexão Brasil África

Iniciativa de cooperação internacional promove interação entre agentes culturais do Brasil, África, América Latina e Caribe

 

Denise Porfírio / Assessoria de Comunicação da Fundação Cultural Palmares

Uma ação internacional promovida pela Fundação Cultural Palmares (FCP) e a Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores (ABC – MRE) beneficiará agentes culturais afrodescendentes do Brasil, África, América Latina e Caribe. Trata-se da formalização dos quatro projetos selecionados do Edital Conexão Brasil – África, no próximo dia 04 de junho, às 17h30, no auditório da FCP.  Os projetos foram escolhidos entre 75 propostas recebidas desde o lançamento do certame em 18 de julho de 2012.

Para Hilton Cobra, presidente da Fundação Cultural Palmares, apoiar a capacitação dos agentes culturais negros da África, America Latina e Caribe vai funcionar como um espaço de integração entre as atividades da FCP e a comunidade internacional. “Esse Programa é inovador, estreita as relações entre o Brasil e países do continente africano, berço da maioria das brasileiras e dos brasileiros. Com essa iniciativa potencializamos nossas perspectivas de intercambio e cooperação entre a FCP e instituições africanas de promoção das artes e culturas”, disse.

Cooperação internacional e cultura – De acordo com José Claudio Klein, da Agência Brasileira de Cooperação do Ministério das Relações Exteriores (ABC/MRE) o principal benefício do Programa é o investimento em cooperação técnica por meio da capacitação. Segundo ele a iniciativa vai fomentar as ações entre o Brasil e a África, de acordo com as diretrizes da política externa do Governo Brasileiro. “A ABC entende que o Programa Conexão Brasil África possibilitará que o Brasil possa sistematizar as manifestações culturais, por meio dos projetos selecionados, para fortalecer os valores culturais brasileiros e nossa própria cultura como produto da expertise brasileira”, destaca.

Troca de conhecimentos – Os projetos selecionados pelo Edital apresentam iniciativas para o intercâmbio de experiências entre indústrias criativas nas áreas de  produção audiovisual e multimídia, gestão do patrimônio cultural, desenvolvimento local, segurança alimentar, práticas culturais tradicionais, turismo cultural e formação profissional. As ações selecionados representam a conexão entre os agentes culturais e as diferentes localidades:

  • Salvador, Moçambique e Cabo Verde – Arquivos digitais
  • Burkina Faso e Santos (SP) – Artesanato
  • São Paulo e Moçambique – Capoeira
  • Rio de Janeiro, Cabo Verde e Senegal – Cinema
  • Relação das propostas aprovadas 

Edital Conexão Brasil – África – Lançado em 2012,  o objetivo do Edital é apoiar a construção de capacidades de agentes culturais africanos e latino-americanos, a partir da experiência brasileira na execução de ações voltadas para a economia criativa com base na cultura africana e afrodescendente e na construção de políticas públicas para o apoio e desenvolvimento do tema.

Essa experiência positiva, deu base para a criação do Programa, que de acordo com Daniel Brasil, assessor internacional da FCP, é uma oportunidade para a Fundação Palmares qualificar esses públicos, a partir da experiência em executar políticas que potencializam a participação da população negra nos processos de desenvolvimento do país. “A Palmares está aqui para construir políticas públicas e mostrar para organizações e instituições o interesse e a capacidade de cooperar com países que têm processos históricos comuns”, destaca.

logo Revista Conexão Afro 

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Campanha do Agasalho Assobecaty 2013

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Junho 1, 2013 at 9:16 am

FotoJet (3)

Só gosta de frio quem tem a opção de se aquecer quando quiser. É com esse mote que está sendo lançada hoje (1/06) uma campanha do agasalho. A ação de solidariedade é promovida pela   Associação Beneficente Cultural Africana Templo de Yemanja e visa arrecadar agasalhos e cobertores que serão doados para a população em vulnerabilidade social crianças, jovens,adultos e  idosos atendidos pela associação.

Para garantir mais comodidade e ampliar as possibilidades de adesão à campanha, além do  ponto de arrecadação na Assobecaty.  os interessados em fazer doações, podem ligar que a entidade vai  até o local buscar, a  proposta é que o povo de Guaíba abrace essa ideia e doe as roupas de frio que não usa mais, formando uma grande corrente do bem e de amor ao próximo.

Para participar é simples. Basta comparecer o pontos de arrecadação até o dia 21 de julho e depositar o cobertor ou agasalho nas caixas de coleta. Mais informações por meio dos telefones (51) 30556655 e 84945770