Revista Online Conexao Afro

Archive for Março, 2014|Monthly archive page

Reunião do Conselho Gestor do Projeto Ajeun Ilerá–ASSOBECATY

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 31, 2014 at 1:12 pm
logo Revista Conexão Afro  31   de março  –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

Segunda feira, aconteceu na sede da ASSOBECATY, a reunião mensal  do Conselho Gestor do Projeto Ajeun Ilerá.- PAA Guaíba

Foto: Segunda feira, aconteceu na sede da ASSOBECATY, a reunião com o Conselho Gestor do Projeto Ajeun Ilerá.

O Conselho Gestor do Projeto Ajeun Ilerá  realizou  a reunião do Projeto Ajeun Ilerá  para tratar de assuntos relevantes  a entrega de alimentos.

Foto: A reunião do Projeto Ajeun Ilerá   em  Yorubá significa alimento saudável para todos, teve como pauta principal preparar o conselho para a entrega de alimentos.nos núcleos de distribuição.

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655
Anúncios

1º Ano do Telecentro e Biblioteca Mob Caldas, ASSOBECATY, celebrou com muita alegria

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 22, 2014 at 3:14 pm
logo Revista Conexão Afro 22  de março–Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFR
A casa tradicional ASSOBECATY, festejou com muita alegria primeiro ano de instalação do Telecentro Br no axé.

Foto: A casa tradicional ASSOBECATY,  festejou o primeiro ano de instalação do Telecentro Br no axé.

Preparando para cantar juntos o parabéns !

Foto: Preparando para cantar juntos o parabéns !

15 de março  de 2013, foi inaugurado o telecentro no axé, 1ª casa de matriz africanao que recebeu equipamentos do Programa do governo federal Telecentros Br, que esta sendo implentado pelo MIC- Ministério das Comunicações e articulado pela SEPPIR- Secretaria Especial de Políticas de Promoção a Igualdade Racial. Passou um ano que a comunidade do entorno do terreiro de Mãe Carmen de Oxalá, esta tendo condições de romper com a exclusão digital.

Foto: Preparando para o parabéns !

  As criança foram o público que foi convidados para realizar a celebração do primeniro aninho das instalações de Telecentro, localizada no município de Guaíba.

A data inspira, as manifestações de alegria !

Foto: A data inspira, as manifestações de alegria !

As atividades voltadas para a promoção do uso de ferramentas de TI em que o espaço para todas as pessoas tenham acesso aos equipamentos e sabia todos os serviços e utilidades que esta tecnologia facilita-nos neste mês deu mais globalizada.

Registro da alegria das crianças durante o aniversário do Telecentro e Biblioteca Moab Caldas.

Foto: Registro da alegria  das crianças durante o aniversário do Telecentro e Biblioteca Moab Caldas.

Após, servido o chá com bolo para criançada. O inicio das brincadeiras !

Foto: Após servirmos  chá com  bolo para criançada. O inicio das  brincadeiras !

Dança das cadeiras, foi a brincadeira preferida!

Foto: Dança das cadeiras, foi a brincadeira preferida!

A comunidade expressa o seu sincero agradecimento às instituições que tornaram possível Seppir, Ministério das Comunicações), o município tem hoje, com este centro de computador, que é um espaço muito importante que acolhem adultos, mas principalmente tirando das ruas, diáriamennte 100 crianças e jovens .

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  305566

1º Ano do Telecentro e Biblioteca Mob Caldas, ASSOBECATY, celebrou com muita alegria

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 22, 2014 at 3:14 pm
logo Revista Conexão Afro22 de março –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO
A casa tradicional ASSOBECATY, festejou com muita alegria primeiro ano de instalação do Telecentro Br no axé.

Foto: A casa tradicional ASSOBECATY,  festejou o primeiro ano de instalação do Telecentro Br no axé.

Preparando para cantar juntos o parabéns !

Foto: Preparando para cantar juntos o parabéns !

15 de março  de 2013, foi inaugurado o telecentro no axé, 1ª casa de matriz africanao que recebeu equipamentos do Programa do governo federal Telecentros Br, que esta sendo implentado pelo MIC- Ministério das Comunicações e articulado pela SEPPIR- Secretaria Especial de Políticas de Promoção a Igualdade Racial. Passou um ano que a comunidade do entorno do terreiro de Mãe Carmen de Oxalá, esta tendo condições de romper com a exclusão digital.

Foto: Preparando para o parabéns !

  As criança foram o público que foi convidados para realizar a celebração do primeniro aninho das instalações de Telecentro, localizada no município de Guaíba.

A data inspira, as manifestações de alegria !

Foto: A data inspira, as manifestações de alegria !

As atividades voltadas para a promoção do uso de ferramentas de TI em que o espaço para todas as pessoas tenham acesso aos equipamentos e sabia todos os serviços e utilidades que esta tecnologia facilita-nos neste mês deu mais globalizada.

Registro da alegria das crianças durante o aniversário do Telecentro e Biblioteca Moab Caldas.

Foto: Registro da alegria  das crianças durante o aniversário do Telecentro e Biblioteca Moab Caldas.

Após, servido o chá com bolo para criançada. O inicio das brincadeiras !

Foto: Após servirmos  chá com  bolo para criançada. O inicio das  brincadeiras !

Dança das cadeiras, foi a brincadeira preferida!

Foto: Dança das cadeiras, foi a brincadeira preferida!

A comunidade expressa o seu sincero agradecimento às instituições que tornaram possível Seppir, Ministério das Comunicações), o município tem hoje, com este centro de computador, que é um espaço muito importante que acolhem adultos, mas principalmente tirando das ruas, diáriamennte 100 crianças e jovens .

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Roda de Conversa sobre o 21 de Março – Dia Internacional Contra a Discriminação Racial

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 21, 2014 at 11:20 pm

 


logo Revista Conexão Afro
  21 de MARÇO –
Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

Roda de Conversa sobre o 21 de Março - Dia Internacional Contra a Discriminação Racial 
Local: Museu Treze de Maio 

:Programação:
- Abertura Cultural - poesia negra com a JuNF Juventude Negra Feminina de Santa Maria
- Conversa introdutória sobre o 21 de Março com professor João Heitor Silva Macedo coordenador do Núcleo de Acervos e Exposições do Museu Treze de Maio MTM
- Leitura de Relatos - casos de racismo e formas de combate ao racismo
- Discussão aberta e coletiva sobre o tema

Organização: GT Negros - NECON UFSM, JuNF - Juventude Negra Feminina de Santa Maria - RS e Museu Treze de Maio 
Apoio: SEDUFSM

Roda de Conversa sobre o 21 de Março – Dia Internacional Contra a Discriminação Racial
Local: Museu Treze de Maio

:Programação:
– Abertura Cultural – poesia negra com a JuNF Juventude Negra Feminina de Santa Maria
– Conversa introdutória sobre o 21 de Março com professor João Heitor Silva Macedo coordenador do Núcleo de Acervos e Exposições do Museu Treze de Maio MTM
– Leitura de Relatos – casos de racismo e formas de combate ao racismo
– Discussão aberta e coletiva sobre o tema

Organização: GT Negros – NECON UFSM, JuNF – Juventude Negra Feminina de Santa Maria – RS e Museu Treze de Maio
Apoio: SEDUFS

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxalá CONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Caminhada em direção a Aldeia Serra do Padeiro do povo Tupinambá de Olivença. Atividade da Marcha dos povos da Cabruca e da Mata Atlântica ocorrida no período de 14 a 16 de março de 2014. Promovida…

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 20, 2014 at 10:23 am
logo Revista Conexão Afro  20 de março –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

Reproduzir vídeo    Adicionado em 20/03/2014

 

Salves!
Neste último final de semana, de sexta 14 a domingo 16, aconteceu uma caminhada e uma vivência na Aldeia Tupinambá da Serra do Padeiro, município de São José da Vitória, sul da Bahia, em apoio ao povo Tupinambá, pelo fim da violência, pela demarcação da terra e pela união dos movimentos de luta pela terra.
Seguem alguns momentos:
da chegada, numa caminhada de 16 km… morro acima:
http://www.youtube.com/watch?v=5WwVTGe3Ujo
e do final:
quando foi plantado o Baobá, germinado no Assentamento Terra Vista da semente trazida da Guiné-Bissau pela Casa do Boneco de Itacaré:
http://www.youtube.com/watch?v=fPCgyR3Zpy0
e da leitura da Carta:
https://www.youtube.com/watch?v=XI3Odo4CL6c
A íntegra da Carta pode ser lida aqui:
http://www.cimi.org.br/site/pt-br/?system=news&conteudo_id=7406&action=read
Nos próximos dias, lançaremos vídeos mostrando as histórias da aldeia e sua gente, e os mutirões de plantios agroecológicos de milho, mandioca, do feitio de farinha, dos rituais e dos debates e compromissos dos vários movimentos presentes pelo fortalecimento das ações integradas de luta pela cultura e pela terra, especialmente as indígenas e quilombolas, com a prática de uma agricultura e adoção de tecnologias saudáveis e respeitosas com toda a natureza, inclusive, humanas.
Seguimos…
Beijas e beijos
Angel Luis
Brigada Audiovisual dos Povos
Rede Mocambos

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Está definida a data de 31 maio, como dia de celebração de aniversário da ASSOBECATY–Ilê de Mãe Carmen de Oxalá

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 20, 2014 at 1:49 am
logo Revista Conexão Afro  20 de março  –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

A diretoria da ASSOBECATY , definiu que o dia 31 de maio, será o dia de celebrar a passagem de aniversário 80 anos de resistência e 26 de identidade jurídica. Agende está data !

Foto: Boas novas, a diretoria da ASSOBECATY , definiu que o dia 31 de maio, será o dia de  celebrar a passagem de aniversário 80 anos de resistência e 26 de identidade juridica. Agende está data !

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

TEMPO DE DIZER: ADEUS, SENZALA!

In Conexão Afro, Saúde da População Negra on Março 10, 2014 at 10:20 pm

logo Revista Conexão Afro  10 de MARÇO –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

TEMPO DE DIZER: ADEUS, SENZALA!

TEMPO DE DIZER: ADEUS, SENZALA!   Mais de mil garis, em sua maioria negros, pais e mães de família, moradores das periferias e favelas do Rio, foram ovacionados hoje pelos cariocas em uma inesquecível passeata que começou na Prefeitura do Rio e tomou o centro da cidade como uma verdadeira onda laranja abolicionista. Porque a primeira coisa que o Brasil   precisa reconhecer é que a luta dos garis se ergue contra os resquícios de escravidão mais arraigados em nossa sociedade.   Foram sucessivas as tentativas de desqualificação do movimento grevista. Elas partiram tanto do executivo municipal quanto da mídia corporativa, os fiéis representantes das posições mais conservadoras de uma elite tão escravocrata que é capaz de conviver com uma das mais aberrantes desigualdades econômicas de todo o planeta e ainda patrocinar um genocídio cujo maior homicida é justamente o Estado, através da Polícia Militar.   Resquício de DITADURA e resquício de ESCRAVIDÃO combinados dantescamente na mesma cena. Mas havemos de amanhecer, há esperanças e os garis são a prova! A luta dos trabalhadores da Comlurb tocou o coração dos brasileiros e conquistou de imediato o apoio da população carioca que, emocionada, já vê como vitoriosa a luta protagonizada por eles.   Venceram um sindicato pelego. Venceram   a intimidação e as ameaças do prefeito. Venceram o assédio desmobilizador da mídia que insiste na 'versão oferecida pelo patrocinador' em detrimento de sua própria função social. Venceram o açoite do tronco e a mão opressora do chicote no lombo.   Quem viu os carros do Choque seguindo os caminhões de lixo, viu com os próprios olhos que a greve dos garis é um levante da senzala. É povo pobre, negro e trabalhador daqui, inventando por si próprio este país que é seu. Não se pode perder a esperança num país em que os garis aproveitam o carnaval para derrubar os portões da senzala e sambar em cima do lixo, nas portas da Casa Grande.  Foto: Midia NINJA

Mais de mil garis, em sua maioria negros, pais e mães de família, moradores das periferias e favelas do Rio, foram ovacionados hoje pelos cariocas em uma inesquecível passeata que começou na Prefeitura do Rio e tomou o centro da cidade como uma verdadeira onda laranja abolicionista. Porque a primeira coisa que o Brasil precisa reconhecer é que a luta dos garis se ergue contra os resquícios de escravidão mais arraigados em nossa sociedade.

Foram sucessivas as tentativas de desqualificação do movimento grevista. Elas partiram tanto do executivo municipal quanto da mídia corporativa, os fiéis representantes das posições mais conservad oras de uma elite tão escravocrata que é capaz de conviver com uma das mais aberrantes desigualdades econômicas de todo o planeta e ainda patrocinar um genocídio cujo maior homicida é justamente o Estado, através da Polícia Militar.

Resquício de DITADURA e resquício de ESCRAVIDÃO combinados dantescamente na mesma cena. Mas havemos de amanhecer, há esperanças e os garis são a prova! A luta dos trabalhadores da Comlurb tocou o coração dos brasileiros e conquistou de imediato o apoio da população carioca que, emocionada, já vê como vitoriosa a luta protagonizada por eles.

Venceram um sindicato pelego. Venceram a intimidação e as ameaças do prefeito. Venceram o assédio desmobilizador da mídia que insiste na ‘versão oferecida pelo patrocinador’ em detrimento de sua própria função social. Venceram o açoite do tronco e a mão opressora do chicote no lombo.

Quem viu os carros do Choque seguindo os caminhões de lixo, viu com os próprios olhos que a greve dos garis é um levante da senzala. É povo pobre, negro e trabalhador daqui, inventando por si próprio este país que é seu. Não se pode perder a esperança num país em que os garis aproveitam o carnaval para derrubar os portões da senzala e sambar em cima do lixo, nas portas da Casa Grande.

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

 

Foto: Midia NINJA

Agruras das mulheres expostas às comemorações do 08 de março. Por Cidinha da Silva

In Conexão Afro on Março 9, 2014 at 11:00 pm
logo Revista Conexão Afro   9 de março –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

Agruras das mulheres expostas às comemorações do 08 de março

Tenho certa peninha dos homens que se esforçam para não serem machistas no dia 08 de março. Trabalho de dia único, inócuo e infantil.
Talvez eles nos cansassem menos se observassem e aprendessem calados, quietos. Se não nos fizessem ler e reler suas bobagens heteronormativas e veiculadoras do poder do macho, mal disfarçadas em mensagens de “inversão de papéis” e se dedicassem a processar pequenas mudanças no cotidiano. Diárias. Diuturnas.
Ainda mais triste do que o feminismo  celebrativo e de exceção dos caras é o quanto nos contentamos com migalhas. A tradição tupiniquim de embrulhar processos dolorosos em papel de presente e ainda arrematar com laçarotes faz com que achemos singela a postagem na rede social de um homem que, depois de trabalhar o dia inteiro fora de casa, prepara o almoço para a família em homenagem às mulheres que o cercam de cuidados todos os dias. Lástima! Show de carência feminina.
Descreio totalmente da humildade que faz alarde. Quem é humilde não faz selfmarketing. Assim é com os homens que, de fato, estão comprometidos em desconstruir os privilégios garantidos pela condição de machos.
Se quiserem realmente dar às mulheres um refresco do complexo de Peter Pan, trabalhem calados na transformação interna. Regozijem-se de suas pequeninas vitórias com os amigos ou mulheres próximas (pacientes, generosas e acolhedoras), mas poupem a geral de tanta pavonice.

Fonte: Cidinha da Siva

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

 

Roda de Acolhimento ás Médica Cubanas

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 8, 2014 at 1:43 pm
logo Revista Conexão Afro  8   de março –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

Aconteceu , no  sábado ( 8 ), a  Roda de acolhimento as  Médicas  Cubanas que estão trabalhando no município de Guaíba. O evento é fruto da parceria entre Escola Estadual Dr. Ruy Coelho  Gonçalves e a casa tradicional ASSOBECATY,  motivos que não faltam para comemorar, acolher ás médicas cubanas, no dia internacional da mulher, renovar os laços de parceria institucionais e ainda celebrar o aniversário da Assobecaty, esse ano está completou  80 anos de resistência e 26 anos de identidade jurídica. A Roda de Acolhimento  iniciou  às 11h, na sede da associação com entrada franca. Acompanhe as imagens !

DSC01251_thumb2

DSC01252_thumb3ONG MARIO MANKE

DSC01253_thumb2

PROJETO AJEUN ILERÁ

DSC01255_thumb2

DSC01257_thumb2

ESCOLA ESTADUAL DR. RUY COELHO GONÇALVES

DSC01294

DSC01258_thumb2

DSC01265_thumb2DSC01267_thumb2

 

DSC01269_thumb3

DSC01270_thumb2

DSC01271_thumb2

ASSOBENSENCON  – ILÊ DE OXUM DSC01273_thumb3

TELECENTRO E BIBLIOTECA MOAB CALDAS

DSC01274_thumb2

DSC01276_thumb2

DSC01277_thumb5

DSC01279_thumb1

DSC01280_thumb2

 

PONTO DE CULTURA IlÊ AXÈ CULTURAL

DSC01283_thumb3

 

DSC01287_thumb2

DSC01288_thumb3

DSC01290_thumb2

DSC01292_thumb2

DSC01293_thumb2

DSC01295_thumb3

DSC01298_thumb2

DSC01299_thumb2

ALMOÇO

DSC01301_thumb2

DSC01300_thumb2

Rua Wenceslau Fontoura Nº 226 Jardim Santa Rita – Guaíba RS

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxalá CONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Editar esta entrada.

ASSOBECATY EM PLENA COMEMORAÇÃO DE ANIVERSÁRIO, RECEBE MÉDICAS CUBANAS, NO DIA INTERNACIONAL DA MULHER

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 6, 2014 at 11:05 pm
logo Revista Conexão Afro6  de março –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO
Assobecaty dando continuidade as praticas celebrativas de comemoração aos 80 anos de resistência e 26 de identidade jurídica, em parceria com a Escola Estadual Dr. Ruy Coelho Gonçalves realizam Roda de Acolhimento as Médicas Cubanas, sábado 08/03 ás 11 hs na Rua Wenceslau Fontoura N. 226. Jardim Santa Rita Guaíba. Participe!
Foto: Assobecaty dando continuidade as praticas celebrativas de comemoração  aos 80 anos de resistência e 26 de identidade jurídica, em parceria com a Escola Estadual Dr. Ruy Coelho  Gonçalves realizam Roda de Acolhimento as Médicas Cubanas, sábado 08/03 ás 11 hs na Rua Wenceslau Fontoura N. 226. Jardim Santa Rita Guaíba. Participe!
logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

 

ASSOBECATY e ESCOLA ESTADUAL DR. RUY COELHO GONÇALVES CONVIDAM RODA DE ACOLHIMENTO MÈDICA CUBANAS

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Março 5, 2014 at 9:54 pm
logo Revista Conexão Afro5 de MARÇO –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

Os parceiros ASSOBECATY e Escola Estadual Dr. Ruy Coelho Gonçalves realizam Roda de Acolhimento às Médicas Cubanas.

Foto: Os parceiros ASSOBECATY e Escola Estadual Dr. Ruy Coelho Gonçalves realizam Roda de Acolhimento às Médicas Cubanas.

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655

Agenda Cultural Assobecaty – Dia Internacional da Mulher

In Conexão Afro, Educação, Guaiba on Março 2, 2014 at 9:48 pm
logo Revista Conexão Afro  10 de MARÇO –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO
Mar   8
DIA INTERNACIONAL DA MULHER NA ASSOBECATY
Quando: Sábado 8 Março 2014 11:00 – 14:30
Onde : ASSOBECATY
Quem : ASSOBECATY e ESCOLA ESTADUAL DR. RUY COELHO GONÇALVES
Pauta RODA DE ACOLHIDA DAS MÉDICAS CUBANAS
Mais uma atividade  de práticas  celebrativas
 de  80 anos de resistência e 26 de conotação juridica
logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de OxaláCONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655