Revista Online Conexao Afro

Archive for Agosto, 2011|Monthly archive page

Conselho da Comunidade Negra do Estado de São Paulo Elege Marco Antonio Zito novo presidente

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 31, 2011 at 4:16 pm

N°o1-  31  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

   100_1220      

Coluna Rouxinol de Egbomy Conceição Reis de Ogum                                

Marco antonio Zito

                                         

Conselho da Comunidade Negra do Estado de São Paulo Elege Marco Antonio Zito novo presidente

No último dia 05, em São Paulo, foi realizada a 1ª reunião de trabalho do Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado de São Paulo. A reunião contou com a eleição da diretoria do Conselho, que escolheu o novo presidente: o advogado Marco Antonio Zito Alvarenga.

A coordenadora municipal de Promoção da Igualdade Racial e do Centro de Referência Afro, Alessandra de Cássia Laurindo, participou da atividade a convite da secretária de Justiça e da Defesa da Cidadania, Eloísa de Sousa Arruda. Alessandra integra o Conselho, como membro da sociedade civil. Para ela o momento é de expectativa, pois “todos os conselheiros assumiram o compromisso de realmente trabalhar pelo Estado e conseqüentemente pela região que representa”.

“Vamos ver, de fato, esse empenho na prática, fazendo prevalecer as suas atribuições que são assessorar o poder executivo no acompanhamento e elaboração de políticas públicas, desenvolver estudos e pesquisas, denunciar e acompanhar casos de violações dos direitos da população negra”.

Neste primeiro momento, os conselheiros eleitos elaboram um plano de trabalho e aguardam a convocação oficial para posse, que será realizada na presença do governador Geraldo Alckmin, em data a ser definida.

Eloísa de Sousa Arruda parabenizou os novos conselheiros e ressaltou a importância dos representantes se engajarem na luta dos afrodescendentes no Estado de São Paulo.

A secretária destacou a necessidade de ajuda às comunidades dos Quilombolas do Vale do Ribeira, que passam por muitas dificuldades devido à devastação da chuva da última semana e solicitou solidariedade para a arrecadação de produtos de higiene pessoal, material de limpeza, roupas e alimentos não perecíveis.

Novo presidente

O novo presidente, que presidiu a Comissão do Negro e Assuntos Anti-Discriminatórios da OAB paulista, disse que o principal objetivo da gestão é abrir o Conselho para a comunidade. “As portas do Conselho estarão abertas para a adoção de uma política de inclusão e ação afirmativa”, acrescentou.

De acordo com Zito, “o Conselho tem autonomia e terá todo espaço, mas não deixa de ser uma instituição pública. Vai fazer os embates e os enfrentamentos necessários para que o Estado nos reconheça. Não pode trabalhar cabisbaixo perante o Estado. Se o Estado reconhece a existência desse mal, o racismo, o Estado tem de adotar caminhos para revertê-lo”, afirmou, acrescentando que sua gestão “não será só de reivindicações, mas de proposição, inclusive com articulação de políticas perante o Legislativo”.

Nessa linha, uma das metas será a participação da comunidade negra paulista nas questões que mobilizarão a sociedade, como um todo. “A questão da Copa é um desses temas. O negro não pode só estar como jogador da seleção, mas participando de frentes de trabalho e em tudo o que a Copa vai trazer para o Brasil”, afirmou.

Zito obteve o apoio de 22 dos 29 conselheiros presentes (75,8%), na primeira reunião do colegiado.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Anúncios

Kit Telecentro BR na ASSOBECATY

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 30, 2011 at 3:24 pm

N°o1-  30  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Quero compartilhar com todos, nossa imensa alegria em comunicar que segunda feira (29) chegou os móveis do Telecentro BR na ASSOBECATY, chamamos atenção para o contratempo, a entrega não foi agendada, por isso a sede estava fechada porque Mãe Carmen de Oxalá , estava no estado de  São Paulo. Para o  caminhão não voltar os vizinhos receberam o kit.

Outro detalhe importante, foi verificado que os móveis vão exigir um espaço maior, por essa razão a partir de hoje a entidade vai iniciar uma pequena reforma para adaptar os móveis de forma mais adequada.

Para nós,  pertencentes das Comunidades Tradicionais de Terreiros  é momento de colheitas fartas, nossa  entidade vem plantando sonhos e quem se permite sonhar, tem que se permitir trilhar novos caminhos, novos horizontes e novas conquistas.

Saudamos todos os orixás !  que Pai Oxalá  estenda o seu alá  sobre  os 80 telecentros dos Terreiros do Brasil.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

CONVITE

In Matriz Africana e Meio Ambiente on Agosto 29, 2011 at 7:54 pm

N°o1-  29  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyRouxinol

C O N V I T E
* CONVITE OFICIAL ANEXO

Abertura Oficial da Exposição Fronteiras do Baú,
dia 03 de setembro de 2011 (sábado), às 19h30,
no Centro Cultural Roberto Palmari
(Rua 02, 2.880, Vila Operária, anexo ao Lago Azul).

Participem e Divulguem. Até lá!!!

CORdialmente,

Kizie de Paula Aguiar Silva

Assessora de Integração Racial

Contato: (19) 3526.7171 ou

8151.1250/9628.4523

Rio Claro SP

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Campanha

MOVIMENTO CHEGA!!! “GUERREIROS DO AXÉ”

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 28, 2011 at 7:20 pm

N°o1-  28  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyC   O   N   V   I   T  E

CONFRATERNIZAÇÃO RELIGIOSA

LOUVAÇÃO AOS GUARDIÕES DO AXÉ – EXU E POMBA GIRA

07 DE  SETEMBRO DE 2011 – 14HS

O Movimento Chega!!! e o grupo político GUERREIROS DO AXÉ convida os CONSELHEIROS, DIRETORES, PARCEIROS, AMIGOS E IRMÃOS DE FÉ para participar da CERIMONIA FESTIVA em comemoração ao 6 ano de fundação desta instituição que luta contra o Racismo, Preconceito, Intolerância e Exclusão Social.

Neste dia vamos relembrar os princípios, os projetos e os objetivos que deram origem a fundação do Movimento de Conscientização e Mobilização Política das Religiões de Matriz Africana e Afro Brasileira.  Voce que esta recebendo este convite faz parte desta história e não pode ficar de fora, com certeza voce de alguma forma ajudou ou participou das atividades, mobilizações, reuniões ou encontro que fez com que este trabalho fosse conhecido e respeito dentro da nossa comunidade.

Os princípios, os sonhos, os ideais e projetos que motivou as lideranças a esta iniciativa pioneira, se mantêm viva e fortalecida na coragem e determinação de todos os irmãos de fé, simpatizantes e religiosos que se orgulham em se declarar GUERREIROS DO AXÉ.

AS PRINCIPAIS LIDERENÇAS RELIGIOSAS E ADMINISTRTIVA SERÃO HOMENAGEADAS

LOUVAÇÃO AOS GUARDIÕES DO AXÉ – EXU E POMBA GIRA

Logo após a realização da cerimônia festiva, realizaremos uma corrente de fé e religiosidade nos confraternizando com a realização da LOUVAÇÃO AOS EXUS E POMBA- GIRA – OS GUARDIÕES DO AXÉ.

Venha vestido com suas roupas tradicionais religiosas e participe deste momento especial.

07 DE  SETEMBRO DE 2011 – 14HS

LOCAL:  SEDE REGIONAL – ZONA LESTE – MOVIMENTO CHEGA!!! GUERREIROS DO AXÉ
RUA MELLO PEIXOTO 1177 – Metro Carrão – Tatuapé – SÃO PAULO
    AO TERMINAL DE ONIBUS LADO CELSO GARCIA.

INF: (11) 5599-4673 – 3453-6175 – 8323-9056  contato@movimentochega.com.br

ABERTO AO PUBLICO EM GERAL – PARTICIPAÇÃO GRATUITA

VEJA NOSSO NOVO SITE WWW.GUERREIRODOAXE.COM.BR

FAÇA SUA SUGESTÃO E PROPONHA MUDANÇAS

2005 – 2011
6 ANOS DE MUITA LUTA – MOVIMENTO CHEGA!!!

“OS GUERREIROS DO AXÉ”

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

SALVADOR E A SEGUNDA CAPITAL MENOS CATOLICA DO PAIS

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 27, 2011 at 5:10 pm

N°o1-  27  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Clarissa Pacheco

Agência A TARDE

17,07% dos pesquisados na Bahia se dizem sem religião

17,07% dos pesquisados na Bahia se dizem sem religião

O Brasil  pode deixar, em duas décadas, de ser o País mais católico do mundo. E a Bahia, palco do sincrestismo religioso e cuja capital abriga 365 igrejas católicas, já caminha no mesmo ritmo. Um estudo divulgado nesta quarta-feira (24) pela FundaçãoGetúlio Vargas, através do Novo Mapa das Religiões (www.fgv.br/cps/religiao), mostra a capital Salvador como sendo a segunda no País com maior percentual de pessoas que afirmam não ter religião (17,07%), perdendo apenas para Boa Vista (RR), com 21,16%.

A situação do Estado e da capital, Salvador, destoa do que apresenta o estudo com relação à região Nordeste, que foi apontada como a mais católica do Brasil, com 74% de adeptos e a terceira mais religiosa. Das nove capitais nordestinas, apenas Salvador e Recife não figuram entre as dez mais católicas do País.

Para o sociólogo e antropólogo Ordep Serra, a queda no número de católicos não surpreende. “O catolicismo vem perdendo espaço não só na Bahia, mas no Brasil de um modo geral. O que me surpreende é esse número elevado de pessoas sem religião, mas é muito recorrente aqui na Bahia que as pessoas, mesmo se dizendo sem religião, recorram a serviços religiosos quando passam por alguma aflição”, explicou.

Outro dado apresentado pelo estudo e que chega a surpreender é a quarta colocação da Bahia entre os estados com maior número de adeptos das religiões de matriz africana. Apenas 0,33% dos baianos disseram ser fiéis das religiões de matriz africana, ficando atrás do Rio de Janeiro (1,61%), Rio Grande do Sul (0,94%) e São Paulo (0,42%).

O resultado da pesquisa causou estranhamento entre pesquisadores da área. Para a socióloga Carmem Cunha Félix, o resultado não condiz com a realidade do Estado, nem da capital. “Se você perguntar à maioria da população, ela não vão acreditar nesse resultado. A Bahia tem a maioria de afrodescendentes e boa parte deles frequenta o Candomblé. O que a gente sabe é que existe um preconceito com os que frequentam e muitos deixam de declarar”, ponderou.

Ordep Serra concorda e também atribui o resultado ao preconceito. “Não sei em que bases a pesquisa foi feita, mas como sociólogo e antropólogo, posso dizer que, ainda hoje, há muitos adeptos das religiões de matriz africana que não o declaram para fugir de uma discriminação que é forte, de um quadro de intolerância religiosa”, completa o estudioso, que também tende a acreditar que o resultado não seja condizente com a realidade baiana.

Catolicismo  – O relatório mostra que atualmente o percentual de mulheres católicas (71,3%) é menor do que o de homens (75,3%) no País. “Acima de tudo, acho que seja a chamada revolução feminina. Poucas coisas mudaram mais no cotidiano das pessoas do que questões como trabalho e anticoncepção entre as mulheres. O fato é que, embora as mulheres sejam bem mais religiosas do que os homens, elas são menos católicas, talvez por uma questão de afinidade”, disse Neri.

O Novo Mapa das Religiões revela que o sexo feminino representa a maioria entre adeptos de 23 das 25 religiões listadas como as mais populares pela pesquisa, como a católica, a evangélica pentecostal, a evangélica tradicional, a espírita kardecista, a luterana e a umbanda. Segundo o documento, enquanto os homens abandonaram crenças, elas mudaram de religião. “O catolicismo, o candomblé e o budismo são religiões masculinas. Todas as outras são basicamente femininas”, acrescentou o coordenador.

A pesquisa da FGV mostra que o Brasil vai de encontro à tese do sociólogo alemão Max Weber que associa a situação econômica à opção religiosa. “O Brasil talvez seja o grande contraexemplo dessa tese. Os Países mais tradicionais europeus estão passando por grande dificuldade econômica e todos os maiores são essencialmente católicos. Já entre o Brics [Brasil, Índia, Rússia, China e África do Sul], o Brasil é o maior [em relação à economia e a adesão ao catolicismo]”, avaliou Marcelo Neri.

 

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Campanha

EGBOMY DIZ = MAE CARMEN SERA UM PRAZER TE-LA CONOSCO EM SP

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 26, 2011 at 12:20 am

N°o1-  26  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 
Egbomy

 

 

 

 

 

 

 

O Núcleo do Intecab/SV/SP/BS juntamente com o Povo do axé da Baixada Santista irá recebe-lá muito bem, da mesma forma como fui recebida em Guaiba-RS em minha estada no lançamento da Revista Conexão Afro.
Seja muito bem vinda pela 2ª vez à São Paulo terra de gente agitada mais de corações acolhedores do tamanho da África que está dentro de todas e todos nós, homens e mulheres, negras e negros o famoso, comentado, defamado, julgado, apontado, indiciado, praguejado, enfeitiçado, questionado, julgado Povo do santo.
Me despeço com muito,
Carinho e axé,
EGBOMY CONCEIÇÃO REIS D’ O’GÚN
COORDENADORA DO INTECAB-SP
CONSELHEIRA CNPIR/SEPPIR DE 2008 A 20 10
COORD. NACIONAL DE QUILOMBO URBANO DO MNU
CONTATOS:
http://www.intecabsp.wordpress.com
telecentrointecabsp.blogspot.com
portalafricas.com.br
REVISTA CONEXÃO AFRO
m.cazemiro@uol.com.br
correionago@hotmail.com
tel: 3492-5801 ou 8527-4852
2011 ANO INTERNACIONAL DOS AFROSDESCEDENTES/ONU

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Campanha

SPM celabra Dia da Mulher Negra na Assembléia

In Comunidade Tradicional de Terreiros, negritude on Agosto 25, 2011 at 11:15 pm

N°o1- 25 de julho ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFROREVISTACONEXÃO AFRO

Secretária Márcia Santana na mesa de abertura do Seminário Mulher Negra no poder, Rio Grande do Sul, Brasil e América

NSecretária Márcia Santana na mesa de abertura do Seminário Mulher Negra no poder, Rio Grande do Sul, Brasil e América a segunda-feira ( 25) , referenciando os ancestrais africanos e as mulheres negras presentes, a secretária de Políticas para as Mulheres (SPM), Márcia Santana, fez um breve saudação na abertura do Seminário Mulher Negra no poder: Rio Grande do Sul, Brasil e América em alusão ao "Dia Internacional da Mulher Negra Latino-Americana e Caribenha", que ocorreu no Plenarinho da Assembléia Legislativa do Rio Grande do Sul. O evento teve como eixo principal fortalecer as ações de grande importância na luta das mulheres negras pelos espaços políticos e sociais no Estado.
A busca pela extinção do preconceito racial, discriminação das mulheres negras na sociedade, equidade de gênero e raça, apropriação dos espaços midiáticos e empoderamento da mulher negra no Estado foram os temas abordados pela secretária Márcia Santana. "Mulher negra não é pouca coisa! É importante deixar claro que, entre os estupros, o número de mulheres negras é maioria. Tudo isto acaba remetendo, através do inconsciente coletivo, ao tempo da colônia e da escravidão no Brasil", complementa Márcia que convidou todas a participarem da IV Conferência Estadual de Mulheres.
Destacou a importância de se criar uma agenda fixa de encontros mensais para divulgação e mobilização de todas as questões que cercam as mulheres negras no Estado. Outra sugestão da secretária foi criação de um encontro, que anteceda a IV Conferência, para discutirem a importância dos terreiros africanos como forma de empoderamento das mulheres negras. "Todos sabem que as mulheres negras, quando sofrem violência, procuram esses espaços para acolhimento. Além de ser sagrado na religião afro, serve como ambiente civilizatório", finaliza a secretária.
Para a coordenadora de Diversidade do Departamento Pedagógico da Seduc, Eliane Almeida de Souza, é importante a inserção na grade curricular pedagógica do Estado, o ensino da cultura negra e formação dos professores para a história do negro no país. " Agora, é o momento propicio para iniciarmos esta ação. Os estudantes precisam conhecer a questão quilomnbola de um olhar diferente. Como os professores e educadores podem contribuir contra o preconceito racial na formação dos estudantes", complementa.
Estiveram presentes representantes da Prefeitura de Porto Alegre, Departamento Municipal de Água e Esgotos (DMAE), da Associação Beneficiente Cultural Africana Templo de Iemanjá (ASSOBECATY) e Central de Movimentos Populares do Rio Grande do Sul (CMP) através do Movimento 13 de Maio: abolição não conclusa para as mulheres negras, e movimentos negros.
História
O "Dia da Mulher Negra da América Latina e do Caribe" é um resultado do primeiro Encontro de Mulheres Afro-Latino-Americanas e Afro-Caribenhas, realizado em 25 de julho de 1992, em Santo Domingo/República Dominicana, onde as mulheres enfatizaram a importância deste reconhecimento.
Desde então, a data tornou-se internacional estabelecida pela ONU. Em Porto Alegre, Nelma Soares da Associação Cultural de Mulheres Negras (ACMUN) foi a mulher negra que impulsionou a divulgação do 25 de julho dando visibilidade ao DIA DA MULHER NEGRA: SENHORA DE TODOS OS ESPAÇOS, realizando o primeiro evento em 1993, no Sindicato dos Trabalhadores Federais de Saúde, Trabalho e Previdência do RS (SINDISPREV).

Redação ASCOM SPM/RS


caracoles
: (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Campanha

Afoxé Filhos da Coroa de Dadá recebe homenagem na Assembléia Legislativa de São Paulo

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 25, 2011 at 10:08 am

N°o1-  25  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Egbomy

Afoxé Filhos da Coroa de Dadá recebe homenagem na Assembléia Legislativa de São Paulo

Dia 26 de agosto, na próxima sexta, o Afoxé Filhos da Coroa de Dadá será homenageado em Sessão Solene na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, às 20 horas.

A iniciativa partiu do Gabinete do Mandato do Deputado Estadual José Cândido do PT. A solenidade é considerada um momento histórico dos movimentos sociais e culturais em São Paulo, por se tratar da primeira entidade civil organizada, diretamente ligada a uma casa de religião de Matriz Africana, o Ile Axé Oxum Muiywá, dirigido por Mãe Wanda de Oxum, a receber uma honraria em Sessão Solene na Alesp. Participarão do evento inúmeros representantes das casas de candomblé de São Paulo, autoridades políticas e intelectuais como Reginaldo Prandi e Wagner Gonçalves, ambos escritores e sociólogos da Universidade São Paulo. Serão homenageados os fundadores do Afoxé Filhos da Coroa de Dadá, entre eles Ogã Gilberto de Exu, grande estudioso da afro-religiosidade no Brasil, e a cantora Fabiana Cozza, considerada uma das maiores revelações da MPB da atualidade que será nomeada oficialmente Olutojufoxé: a Guardiã do Afoxé Filhos da Coroa de Dadá.

Felipe Brito

Assessoria de Imprensa

Afoxé Filhos da Coroa de Dadá

3966.0291

7197.4756

felipebrito22@gmail.com

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Programa Renda Melhor e Comunidade Negra.

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 22, 2011 at 9:59 am

N°o1-  22  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyMAIS DE 70% DE FAMÍLIAS ATENDIDAS PELA RENDA MELHOR SÃO NEGRAS.

De acordo com estudos do IBGE ( Institudo Brasileiro de Geografia e Estatísticas ) e do IPEA ( Instituto de Estudos Econômicas Aplicada ) mais de 70% das famílias que estão na extrema pobreza em nosso país  ( cerca de 16 milhões milhões )pertecem a comunidade negra.

As políticas sociais que os governos federal primeiro com o presidente LULA e agora com a presidenta Dilma Roussef e o governo estadual agora com o Renda Melhor vem promovendo efetivamente a melhoria das condições de vida desta população históricamente discriminada e excluídas dos benefícios das riquezas do Brasil.

CONVITE.

Convidamos as lideranças da comunidade negra através dos orgãos PIR , Conselhos de Defesa da Comunidade Negra e Entidades e Organizações Negras e Indígenas a participar de uma reunião com o Subsecretário de Integração dos Programas Sociais Antonio Claret onde será feita uma apresentação pela equipe do Subsecretário do programa e políticas para comtemplar as comunidades negras e indígenas ( Quilombolas , Catadores de Material Reciclável e Lixo ,  Juventude ).

Vamos conversar também sobre as oportunidades econômicas de nosso estado ( Comperj , Obras da Copa do Mundo e OliMpíadas etc ) e a profissionalização e inserção da juventude negra neste projeto redentor.

Em conversa com o Subsecretário e sua equipe foi discutida a importância da sociedade está participando e contribuindo com o sucesso deste projeto que atende o setor mais vulnerável de nossa sociedade , que de acordo com os estudos , são majoritariamente afrodescendentes.

Contamos com a presença de tod@s.

Pedimos a confirmação até o dia dois de setembro para podermos ver o melhor espaço e também o lanche.

DIA : 08 DE SETEMBRO ( QUINTA-FEIRA ).

HORÁRIO : 11h.

LOCAL : SEASDH / 7º ANDAR.

ATENCIOSAMENTE.

MARCELO DIAS.

SUPERINTENDENTE DE IGUALDADE RACIAL / SEASDH.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com

 

Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Ascensão da mulher nos órgãos de decisão teve início com as lutas de libertação

In Conexão Afro, negritude on Agosto 21, 2011 at 11:00 am

 
N°o1-  21  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Segunda vice-presidente da AN, Joana LinaLuanda – A segunda vice-presidente da Assembleia Nacional (AN), Joana Lina, afirmou hoje, em Luanda, que a ascensão da mulher angolana nos órgãos de decisão do país teve o início nos primórdios das lutas de libertação nacional, com o contributo das mesmas para o alcance da independência.

Em declarações à Angop, à margem do workshop subordinado ao tema “A participação da mulher angolana nos órgãos de tomada de decisão: Como preservar as conquistas alcançadas”, Joana Lina disse que a mulher angolana ascende aos cargos políticos, e não só, devido ao contexto histórico particular, designadamente o seu envolvimento em prol da liberdade e autonomia do povo.

Segundo frisou, o sistema democrático implementado com o alcance da paz definitiva, em 2002, foi de igual modo condição necessária para a promoção da igualdade, permitindo assim a tolerância, partilha de experiências e uma maior participação política.

Referiu ainda que as estatísticas mostram que, nos últimos 30 anos, o mundo passou a contar com a presença da mulher em todos os campos da vida, particularmente nos órgãos de decisão política.

Neste contexto, salientou que em Angola o número de mulheres tanto na administração pública, como nos órgãos de decisão política e ao nível do partido no poder, tem aumentado.

“Isto significa que há um reconhecimento público da importância da inclusão feminina para a interpretação dos actos e dos processos políticos do nosso país”, sublinhou.

Por outro lado, manifestou a sua satisfação, relativamente ao discurso do presidente em exercício da Comunidade de Desenvolvimento da África Austral (SADC), José Eduardo dos Santos, na sua 31ª Cimeira, que decorreu na capital do país, que de forma peculiar reafirmou a ocupação da mulher nas principais direcções de trabalho ao nível da organização.

“Assistimos o empenho e engajamento dos Chefes de Estado da SADC e ouvimos com particular atenção a intervenção do presidente em exercício, José Eduardo dos Santos, que de forma bastante peculiar veio consolidar aquilo que já nos habituou, de que a mulher vai efectivamente ocupar as principais direcções de trabalho a nível da organização, neste mandato”, disse.

O encontro, em que participam deputadas, mulheres que ocupam cargos no Executivo e da sociedade civil, é uma organização do grupo de mulheres parlamentares e enquadra-se nas festividades do 31 de Julho, Dia da Mulher Africana.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

CONVITE

In Conexão Afro, negritude on Agosto 20, 2011 at 12:47 am

N°o1-  20  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria de Cidadania Cultural, juntamente com a Secretaria Nacional de Juventude, os ministérios da Saúde e do Desenvolvimento Agrário e órgãos e intituições parceiras convida para o Ato de Lançamento das bases de ação voltadas para as juventudes brasileiras, no âmbito do Programa Cultura Viva, por meio do edital Juventude: diálogos interculturais em rede, da 4ª edição do Prêmio Cultura Viva e das Residências Criativa de intercâmbio internacional.

Data: 23/08/2011 (terça-feira)

Horário: 9 horas

Local: Bloco Afro Sul Odomodê/Ponto de Cultura AfroSul/Odomodê – Avenida Ipiranga, 3850 -Bairro Jardim Botânico- Porto Alegre – RS


Mais informações:

Em Porto Alegre serão inauguradas novas ações com apresentação pública:

– do Edital “Juventudes: Diálogos Interculturais em Rede”, foi formatado com a participação e parcerias da Secretaria Nacional de Juventude, da Assessoria de Juventude – Ministério do Desenvolvimento Agrário, da Coordenação da Área Técnica de Saúde do Adolescente e do Jovem- Ministério da Saúde, e da Fundação Palmares, uma iniciativa inédita Interministerial, concretizando uma nova proposta de relacionamento com as e os jovens brasileiros.


– da 4ª Edição Nacional do "Prêmio Cultura Viva" com tema "Cultura e Juventudes" em parceria com o Centro de Estudo e Pesquisa em Educação, Cultura e Ação Comunitária -Cenpec.

– de um plano de cooperação e intercâmbio internacional por meio da ação "Residências Criativas" realizadas em parceria com a PEOPLE’S PALACE PROJECTS, com sede no Reino Unido.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

AMANHA E DIA DE TOQUE SAGRADO AOS ORIXAS NO ILE DE MAE CARMEN DE OXALA

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 19, 2011 at 10:49 pm

N°o1-  19  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

fotos 10 097O O segundo domingo do mês de agosto, no Brasil é consagrado as  homenagens ao dia dos pais,  a participação de Mãe Carmen de Oxalá, na casa religiosa de seu Pai de Santo, Pai Cleon de Oxalá, faz com que essa  consagração se estende na Assobecaty,   as respectivas  homenagens para os orixás masculinos, ocorrerá amanhã dia (20) na sede da entidade, esse ritual litúrgico  é um momento para os   filhos de santo , amigos e simpatizantes poderem  fazer, agradecimentos e agrados para seus respectivos  orixás.

Falar com  Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655
Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

AGEN AFRO CULTURA E IDÉIAS – RJ SE AGITA PARA A 4@ CAMINHADA DA LIBERDADE RELIGIOSA

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 19, 2011 at 1:03 am

N°o1-  19  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyROUXINOL-AGEN AFRO CULTURA E IDÉIAS

RIO DE JANEIRO SE AGITA PARA A 4@ CAMINHADA EM DEFESA DA LIBERDADE RELIGIOSA
SÃO ESPERADAS 250 MIL PESSOAS EM COPACABANA
DIA 18 DE SETEMBRO ÁS 11 H NO POSTO 6 , ESTAÇÃO DO METRÔ CANTAGALO  – COPACABANA – RJ

AGEN AFRO CULTURA E IDÉIAS – RJ SE AGITA PARA A 4@ CAMINHADA DA LIBERDADE RELIGIOSA

geral
Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Convite De Mãe Carmen de Oxalá para Mãe Iná de Xangô

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 18, 2011 at 2:07 pm

N°o1- 18 de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Peço  que Pai Xangô me abençoe, 

É  com imenso prazer, que lhe informo que na reunião do CODIM- Conselho Municipal da Mulher, onde ocupamos um acento representando as Associações de bairro UAMG,na condição de conselheira sugeri,o seu nome de Mãe de Santo da cidade que fosse convidada da mesma forma que a Juiza, Promotora e Capitã  etc… Confesso que não foi difícil , pelo o reconhecido  trabalho de cunho social,que a senhora como religiosa e cidadã, desenvolve  no município. Segue ofício expedido pela Presidente do CODIM, espero que esteja disponível e participe.

Abença

Att: Mãe Carmen de Oxalá

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Gravações realizadas por Pierre Verger na Casa de Oxumarê, Salvador, viram livro e CD

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 18, 2011 at 10:51 am

N°o1-  18  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Comprovar que os cânticos entoados na Casa de Oxumarê seguiam a mesma linguagem e cadência dos cânticos africanos. Foi com este objetivo que o antropólogo Pierre Verger, um dos maiores estudiosos sobre a cultura afrobrasileira, realizou na década de 50 uma gravação com os alabês do Ilê Oxumarê Araká Asé Ogodô, um dos mais antigos do país. Por mais de 50 anos as gravações ficaram perdidas e em 2008, por acaso, foram encontradas. Surgia aí, o projeto da publicação das gravações.

Depois de todo o projeto concluído, será lançado, dia 18 de agosto, no Espaço Cultural da Barroquinha, às 18h, um cd duplo com as gravações realizadas por Verger e um livro contando a história da gravação. Escrito por Angela Lühning, doutora em Etnomusicologia pela Universidade Livre de Berlim, Alemanha e coordenadora da Fundação Pierre Verger e Sivanilton Encarnação da Mata, babalorixá da Casa de Oxumarê, o livro conta a história da gravação, apresenta documentos importantes e faz um levantamento da trajetória do terreiro até os dias atuais.

“Encontramos este material exatamente 50 anos depois que as gravações foram feitas e entendemos que isto era um sinal para publicarmos, o que era vontade de Verger e de Yá Simplicia de Ogum. As gravações foram realizadas em 1958, e ficaram escondidas, até o momento certo aparecer, e este momento é agora”, declara Sivanilton Encarnação da Mata, conhecido como Babá Pecê de Oxuma.

Durante o lançamento, que acontece no Espaço cultural da Barroquinha, pelo fato do bairro já ter abrigado a Casa de Oxumarê, os historiadores Jaime Sodré e Jorge Sacramento farão uma palestra sobre a importância da música no candomblé e as diversas práticas de resistência para preservar a cultura.

O projeto para levantamento das informações até a publicação do livro e do CD, que durou 3 anos, foi realizado pela Casa de Oxumarê e a Fundação Pierre Verger, com patrocínio da Petrobras por meio da Lei Rouanet do Ministério da Cultura – Governo Federal.

Além do livro, será lançada também a exposição com fotos de Pierre Verger “A viagem dos tambores: da África às Américas”.

Serviço:

Casa de Oxumarê: Os cânticos que encantaram Pierre Verger

Angela Lühning e Sivanilton Encarnação da Mata – Babá Pecê

Livro com 2 CD´s, 154p., Editora Vento Leste, Salvador

Lançamento dia 18 de agosto, quinta-feira, ás 18h,

no Espaço Cultural da Barroquinha

Programação:

Apresentação do Coral do “Espaço Cultural Pierre Verger”

Toque de abertura dos Alabês  com o Coral Oxumarê com apresentação de dança

Apresentação do Livro

Toque dos Alabés

Palestra –Reflexões: “ A história da percussão na Bahia. O papel que os terreiros de candomblé desempenharam para a disseminação desta tradição. Toques e cânticos do candomblé”.

Apresentações de Jaime Sodré [10’] e Jorge Sacramento [10’]

Abertura da Exposição “ A viagem dos tambores: Da África às América”, acompanhada de coquetel, momento no qual os autores estarão autografando os livros comercializados.

Coquetel

Informações: Maíra Azevedo – 96324097 / 88064611

Fonte: correionagô

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

EXPOSIÇÃO ÁFRICA: OLHARES CURIOSOS

In Conexão Afro, negritude on Agosto 18, 2011 at 1:13 am

N°o1-  18  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

ÁFRICA: OLHARES CURIOSOS

APRESENTA A REALIDADE CONTEMPORÂNEA, DIVERSIDADE E EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO RACIAIS ENTRE BRASIL E ÁFRICA

Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes 2011

ÁFRICA: OLHARES CURIOSOS

APRESENTA A REALIDADE CONTEMPORÂNEA, DIVERSIDADE E EDUCAÇÃO PARA AS RELAÇÕES ÉTNICO RACIAIS ENTRE BRASIL E ÁFRICA

 Se é verdade que entre a África e o Brasil há mais semelhanças e aproximações do que pode sonhar a nossa vã geografia, é verdade também que ainda não voltamos os nossos olhares para perceber e assimilar as afinidades que temos com o continente africano.

A Exposição África: Olhares Curiosos do fotógrafo e pesquisador da Universidade Federal do Pará Hilton Silva mostra exatamente isso, para ele “pouco conhecemos da África e dos africanos, assim como pouco sabemos sobre nossas histórias comuns e sobre os negros brasileiros. A compreensão da diversidade étnico-cultural mundial é fundamental para se arquitetar um novo projeto de educação, que possibilite a inserção social igualitária e contribua para destravar o potencial intelectual embotado pelo racismo prevalente na sociedade. Isso contribuirá para o desenvolvimento de um pensamento comprometido com o anti-racismo, que elimine a noção de inferioridade/superioridade de indivíduos ou grupos, levando à percepção integral do sujeito, apreciando e respeitando toda a variabilidade humana”.

AÇÃO EDUCATIVA

O projeto desenvolve uma intensa ação educativa, só em Belém haverão quatro oficinas temáticas que atenderão 100 jovens das escolas públicas que terão a oportunidade de uma maior aproximação com a nossa matriz africana, desmistificando várias idéias preconceituosas que existem sobre a África e apresentando um continente com cultura e história riquíssima que se somam positivamente à cultura Brasileira. Veja as oficinas que serão ministradas:

– Jogos africanos- 25 vagas – alunos/as do ensino fundamental;

– Iniciação a capoeira- 25 vagas- alunos/as do ensino fundamental;

– Danças africanas- 25 vagas- alunos/as do ensino médio;

– Grafitagem- 25 vagas- alunos/as do ensino médio.
EXPOSIÇÃO VIRTUAL

A Exposição África: Olhares Curiosos tem sua versão virtual e estará no blog da COPIR a partir do dia 23 de agosto e também no site da Secretaria de educação, aumentando ainda mais a acessibilidade ao projeto. Para participar da exposição basta acessar www.copirseduc.blogspot.com.

SERVIÇO

África: Olhares Curiosos

22 de agosto a 03 de setembro de 2011

Museu Histórico do Estado do Pará

Endereço: Palácio Lauro Sodré / Praça Dom Pedro II, s/n. Cidade Velha. Belém. PA. 66020-240.

Exposição virtual em www.copirseduc.blogspot.com


Coordenadoria de Educação para Promoção da Igualdade Racial
Diretoria de Educação para Diversidade Inclusão e Cidadania
Secretaria Adjunta de Ensino
Secretaria de Estado de Educação do Pará
Rodovia Augusto Montenegro Km 10 s/n
CEP 66.820-000
Fone: (91)32015157/5059
www.copirseduc.blogspot.com

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

ONU – CONDENA SAUDE BRASILEIRA EM CASO INÉDITO

In negritude on Agosto 17, 2011 at 8:13 pm

N°o1- 16 de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Alyne Pimentel morreu sem atendimento na fila de hospital em Belford Roxo. 

Fo i a 1ª vez que um órgão internacional julgou caso de direito das mulheres

Do G1, em São Paulo

O caso de uma brasileira grávida que morreu após esperar diversas horas em um hospital sem atendimento em Belford Roxo , no Rio de Janeiro, foi o primeiro julgado por uma corte internacional de direitos humanos, e resultou em uma decisão inédita, de acordo com o site da ONG Centro pelos Direitos Reprodutivos.

Segundo a ONG, o Comitê das Nações Unidas pela Eliminação da Discriminação contra a Mulher (Cedaw, da sigla em inglês) decidiu que os governos têm de garantir que todas as mulheres, independentemente da classe social ou cor de pele, tenham acesso a serviços de saúde materna oportunos, não discriminatórios e adequados.

Alyne da Silva Pimentel tinha 28 anos, era negra, já tinha uma filha de cinco anos de idade e sofria de uma gravidez de alto risco. Em novembro de 2002, durante o sexto mês de gestação, ela foi ao hospital em Belford Roxo , na Baixada Fluminense, com fortes dores, mas não foi atendida prontamente e teve que esperar várias horas no corredor de um hospital, segundo os relatos da mãe dela publicados no processo.

Como resultado, Alyne acabou morrendo após o parto de um natimorto, deixando para trás a filha pequena. Cuidados básicos de obstetrícia poderiam ter evitado a morte, diz o site.

De acordo com a decisão do comitê, mesmo se um país terceiriza seus serviços de saúde a instituições privadas, eles continuam diretamente responsáveis por suas ações e têm o dever de regular e monitorar as instituições terceirizadas.

Segundo o Centro pelos Direitos Reprodutivos, ONG internacional de advocacia com sede nos Estados Unidos que entrou conjuntamente com a ação em nome da mãe de Alyne e divulgou a decisão nesta terça (16), a vitória é algo inédito.

“Como uma potência mundial emergente e símbolo de desenvolvimento econômico, é hora de o governo brasileiro fazer jus a sua posição e começar a resolver as disparidades sociais, econômicas e raciais que negam às mulheres o acesso aos serviços básicos de saúde”, disse Nancy Northup, presidente e CEO do centro.

Decisão
De acordo com a decisão, publicada no site da ONG, o órgão da ONU recomenda que as autoridades devidas provenham reparações apropriadas, incluindo compensação financeira, à mãe da vítima e à filha dela, devido à gravidade da violação. O órgão não tem poder de impor a decisão, apenas de recomendá-la.

Outras recomendações são de que as autoridades responsáveis garantam o direito das mulheres à gravidez e ao acesso a atendimentos emergenciais de obstetrícia; dêem treinamento profissional adequado para funcionários da saúde; garantam que centros de saúde privados estejam de acordo com padrões nacionais e internacionais; e garantam que punições sejam impostas a profissionais em hospitalares que violarem os direitos das mulheres à saúde durante a gestação.

Fundado na Assembléia-Geral da ONU de 1979 – e do qual o Brasil passou a ser signatário parcial em 1984 e integral em 1994 -, o Comitê das Nações Unidas pela Eliminação da Discriminação contra a Mulher é formado por representantes de 23 países membros, que devem observar o cumprimento das metas definidas na convenção.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

 


A Cultura como veículo de erradicação da miséria

In Conexão Afro, negritude on Agosto 17, 2011 at 7:21 pm

N°o1- 17 de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

17/08/2011 por Da Redação

Foto: Joceline Gomes / FCP

Ministros abrem Seminário Nacional – A cultura como veículo de erradicação da miséria

Por Daiane Souza

“A erradicação da miséria é o caminho para um país mais justo, fraterno e igual”. Com esta frase o presidente Eloi Ferreira de Araujo, da Fundação Cultural Palmares, abriu o “Seminário Nacional – A cultura como veículo de erradicação da miséria”, na noite da última terça-feira (16).  O evento que acontece até dia 18 de agosto, no St. Peter Hotel, em Brasília, tem por objetivo reunir ideias, propostas e ações para o enfrentamento da extrema pobreza a que estão expostos 16 milhões de brasileiros, a partir da promoção e valorização da cultura, sobretudo, a cultura afro-brasileira.

De acordo com o presidente da FCP, a proposta é debater a construção de mecanismos para que seja assegurado o acesso aos bens culturais, econômicos e aos direitos fundamentais a população negra, que representa 70% dos pobres e 71% dos indigentes no Brasil, segundo o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea).

Na mesa de abertura do seminário estavam: Horácio Senna e Carlos Alberto Reis de Paula, ministros do Tribunal Superior do Trabalho; Afonso Florence, ministro do Desenvolvimento Agrário; Luiza Bairros, ministra da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial e Elisa Larkin, esposa de Abdias Nascimento.

Na ocasião, o ministro do Desenvolvimento Agrário destacou que o país acaba de passar por um momento importante que reflete o empenho da gestão Dilma Rousseff no trabalho de erradicação da miséria. “Mais de 35 milhões de pessoas passaram a constituir a classe média, 28 milhões saiu da situação de extrema pobreza. Destes, quatro milhões estavam em áreas rurais e tiveram incrementos em sua renda”, apontou.

Para ele, embora os resultados sejam positivos ainda falta muito para reparar uma situação promovida por séculos de escravidão e a Fundação Palmares mostra sua envergadura ao levantar o tema à sociedade.

MISÉRIA X CULTURA – A ministra Luiza Bairros da Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial (Seppir) alertou para a importância do evento, que durante dois dias vai discutir a cultura como veículo de erradicação da miséria. “Temos um desafio importante: ‘miséria’ e ‘cultura’ são palavras opostas, uma vez que a cultura negra representa nossa maior riqueza. É prova da resistência que tivemos neste país, de como nos mantivemos”, afirmou.

Para Luiza Bairros, o seminário é uma possibilidade de reflexão para o que significa a situação de miséria ainda existente no país. Em concordância, Carlos Alberto Reis de Paula, ministro do Tribunal Superior do Trabalho, ressaltou que a parcela da sociedade constituída por mais da metade da população não pode ser marginalizada.

Eloi Ferreira de Araujo completa afirmando que um bom começo seria a garantia real dos direitos. “As religiões de matriz africanas, por exemplo, ainda não têm os mesmos direitos reservados às demais crenças”, pontuou. O ano de 2011 é um ano carregado de simbolismos para a comunidade negra, por isso a valorização da cultura, a melhoria da qualidade de vida das pessoas em situação de extrema pobreza e os direitos fundamentais são apenas alguns dos pontos a serem tratados no seminário.

O presidente lembrou que 2011 foi considerado o Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes pela Organização das Nações Unidas e que o racismo presente em vários países precisa ser considerado no debate, uma vez que, no Brasil, ainda é velado. “A cultura pode mudar essa realidade. Para isso, ela precisa estar inserida no meio governamental e estar a serviço, especialmente da população negra”, disse.

O Seminário Nacional – A cultura como veículo de erradicação da miséria, que conta com a parceria do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), pode ser acompanhado ao vivo pelo Twitter da Fundação Cultural Palmares.

Veja abaixo a galeria de fotos:

Foto: Joceline Gomes / FCP

Presidente Eloi Ferreira de Araujo fala de desafios para erradicação da pobreza por meio da cultura

Foto: Joceline Gomes / FCP

Público acompanha debate de ministros durante abertura do Seminário Nacional – A cultura como veículo de erradicação da miséria

Foto: Joceline Gomes / FCP

Eloi Araujo acompanha Afonso Florence, ministro do Desenvolvimento Agrário

Foto: Joceline Gomes / FCP

Luisa Bairros (D), ministra da Seppir cumprimenta Eduardo Oliveira, fundador do Congresso Nacional Afro-brasileiro, e Elisa Larkin, esposa de Abdias do Nascimento

Foto: Joceline Gomes / FCP

Tereza Lopes solta a voz em Canto das Três Raças composta por Clara Nunes

Foto: Joceline Gomes / FCP

Banda celebra cultura negra com samba na voz de Tereza Lopes

Foto: Joceline Gomes / FCP

Eloi Ferreira recepciona convidados em Sala Vip do evento

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Editar esta entrada.

PAI CLEON DE OXALA REALIZA HOMENAGEM AOS ORIXAS PAIS

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Agosto 15, 2011 at 3:43 pm

N°o1- 15 de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO


100_1170

Pai Cleon de Oxalá,  um homem que se esmera no comprimento do dever para dar bons exemplos, que transmite humildade aos seus filhos , quando poderia se exaltar. Comandou a homenagem aos “Orixás Masculinos”, a celebração ocorreu no sábado dia 13, com inIcio ás 21 horas, essa atividade  consta no caléndário festivo tradicional do Reino de Oxalá. Essa cerimônia  se destina aos  filhos de santo  para que os mesmos possam  realizar rituais de  agrados e agradecimentos aos orixás.

100_1172Mãe Carmen de Oxalá  participou das celebrações em louvor aos orixás masculino, pediu abença e celebrou junto com seu Pai de Santo  e irmãos.   Vale lembrar que desde , menina, sua iniciação aos aprontamentos, até os dias atuais, permanece sob  a responsabilidade de Pai Cleon de Oxalá.

.100_1171

Sentimento de estar comprindo obrigação, leva-nos a registrar este momento, de bendizer. O Reino de Oxalá,na noite desta sabado, marca a passagem do dia dos pais, foi uma celeração marcada pelo espírito de fé e alegria.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

INSTITUTO NACIONAL DA TRADIÇÃO E CULTURA AFRO BRASILEIRA SÃO VICENTE

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 14, 2011 at 3:37 pm

N°o1-  14 de agsto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyINTECAB – SÃO PAULO

Instituto Nacional da Tradição

E Cultura Afro-Brasileira

“União na Diversidade”

 

INSTITUTO NACIONAL DA TRADIÇÃO E CULTURA AFRO BRASILEIRA SÃO VICENTE

Núcleo Baixada Santista. Criando em 02/08/2007.

Av. Dom Pedro II, nº 658 – Cidade Náutica – São Vicente.

CEP: 11350-100 Telefone: 55 (13) 3464-5661 – Celular 55 (13) 9188-0058

E-mail: intecab.nucleobaixada@gmail.com

São Vicente, 10 de Agosto de 2011.

“ NO ANO INTERNACIONAL DOS AFROSDESCEDENTES “ TEMOS A HONRA DE CONVIDAR V.SAS, A FAMILIA DE INTECABIANOS E INTECABIANAS, COMUNIDADE DE TERREIROS DO CANDOMBLÉ E DA UMBANDA, AUTORIDADES DO PODER PÚBLICO, ORGANIZAÇÕES E ENTIDADES DO MOVIMENTO NEGRO E MOVIMENTOS SOCIAIS, PARA GRANDIOSA SOLENIDADE DE POSSE DA 2ª DIRETORIA EXECUTIVA DO INTECAB/SV/SP/BX .SANTISTA REFERENTE AO PERIODO DE 2011/2015 A SER REALIZADO NA CIDADE DE SANTOS DIA 27 DE AGOSTO DE 2011(SABADO) COM INICIO AS 10H00 DA MANHÃ.

 

MOGBA KLAUDIO, seus filhos e netos abrem as porta do AXÉ OPÔ AJAGUNNA para receber a todos e a todas com muito carinho para essa festividade.

PROGRAMAÇÃO:

ABERTURA: HINO NACIONAL, SANTOS, NEGRITUDE, CANDOMBLÉ E UMBANDA

PALESTRANTE: Dra Gilda Brasileiro: Rota Dória – “ Uma Rota Clandestina de Escravos” .

LANÇAMENTOS: Livros “ Fernando de Ayrá e Ivan Poli Osun femi- “ Mitologia dos Orixás”

HOMENAGENS: Sras Maria Dias Abdala – Sacerdotisa Kaiambura “Uma Luz de Oya”

Enir Saturnino Rocha – 1ª mulher regente negra de Araraquara – SP

Louvação aos orixás Ógùn e Xangô patronos do INTECAB

LOCAL: AXE OPO AJAGUNNA http://www.wix.com/mogbaklaudi2/mogbaklaudio

Av. Nossa Senhora de Fatima, nº 574 – Chico de Paula – Santos.

PARCEIROS:

INTECAB/SP

ASSOCIAÇÃO CULTURAL EDUCACIONAL E RELIGIOSA ILÊ OTÁ ODÔ ODÉSÁSÁNHÁ

ASSOCIAÇÃO ESPIRITUALISTA JUREMA PRETA DAS CRENÇAS

TENDA ESPIRÍTA DE UMBANDA CABOCLO JARAGUA E ASÉ OPO AJAGUNNA

APOIADORES:

CNAB/ARARAQUARA

ENEAS REIS TRANSPORTES

FABIO CRIAÇÃO E DESIGN

PORTAL ÁFRICAS

PORTAL DO CANDOMBLÉ

REVISTA CONEXÃO AFRO

RÁDIO VINHA DE LUZ

 

PONTOS DE REFERÊNCIA: de Santos chegando ao ASSAI, passe por frente do mesmo siga sempre enfrente.

De São Paulo: Chegando ao ASSAI, vire a sua direita e siga sempre enfrente.

De São Vicente: passar o Cemitério da Areia Branca, seguir enfrente.

CONTATOS: 55 (13) 9188-0058 Pai Ivan T´Odé – 55 (13) 3296-2043 Mãe Denise de Soba

Desde já agradecemos a presença dos senhores e senhoras.

Ivan Marcos Neto

Babalorixá Ivan de T Odé

Coordenador do INTECAB SV/SP/BS.

Denise Terezinha Palhares

Mãe Denise de Soba

Vice coordenadora.

___

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente