Revista Online Conexao Afro

Archive for the ‘ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum’ Category

Convite ; Procissão de Oxalá Apoio do Intecap- SP

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Abril 3, 2012 at 8:07 am

N°o1- 03 de abril  –Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Aos Companheiros de Colegiado

3 de abril de 2012

50034_100001739975050_1280693447_n (1)

 
 
 
 
 

 

CONVITE REF. PROCISSÃO DE OXALA CIRCULAR N. 08-2012 REF AO APOIO DO INTECAB-SP.

PREZADOS SENHORES E SENHORAS,CONVITE REF. PROCISSÃO DE OXALA
CIRCULAR N. 08-2012 REF AO APOIO DO INTECAB-SP.
SEM MAIS NOS DESPEDIMOS COM,
CARINHO E AXÉ!
EGBONMY CONCEIÇÃO REIS DE ÓGÙN
FS:  11 3492-5801 e  8527-4852
EMAIL: M.CAZEMIRO@YAHOO.COM.BR
WWW.INTECABSP.WORDPRESS.COM
WWW.TELECENTROINTECABSP.BLOGSPOT.COM
INTECAB.SPBRASSIL.FACEBOOK.COM
EGBONMY CONCEICAO REIS REIS FACEBOOK.COM

(51) 97010303  81810404 e 30556655

CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
caracoles
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Anúncios

Coluna Rouxinol : 5 anos sem Toy Vodunnon Francelino de Shapanan “A luta continua”

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Fevereiro 18, 2012 at 8:32 pm

N°o1- 18 de fevereiro – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

São Paulo, 18 de Fevereiro de 2012.

5 anos sem Toy Vodunnon Francelino de Shapanan

“A luta continua”


50034_100001739975050_1280693447_n (1)A Coordenação Estadual do Instituto Nacional da Tradição e Cultura Afro-Brasileira – INTECAB/SP e sua família de Intecabianas/os – Com muita saudade, mas felizes em saber que Toy Vodunnon Francelino Shapanan ajudou a revolucionar as religiões afro-brasileiras de matriz africana. A frente do INTECAB/SP onde foi pioneiro em:

– Seminários com temáticas religiosas de matrizes africanas

– Reuniões Itinerantes

– Confraternizações

– Homenagens

– Congressos

– Ministérios

– Fundações

– Fóruns

– Caminhadas, Marchas e Missas Inter-religiosas voltadas na União da Diversidade por uma Cultura e Paz. Com as participações dos Titulares e Vices da Coordenação Estadual, Membros, Conselheiros Religiosos e Conselho Consultivo Nacional.

Portanto nada foi em vão.

Seus ensinamentos, sua ética e sua postura de caráter renomado, com um olhar além do horizonte de Toy Vodunnon Francelino de Shapanan nosso ícone, o INTECAB/SP hoje com todas as dificuldades, estamos resistindo as provas que os nossos  inksses, guias, mentores, mestres, encantados, caboclos, preto-velhos e os grandes desafios que  o poder publico nos trás.

Nenhum soldado, comunidade e tribo caminham sozinhos. Acreditamos na justiça Divina e na justiça do Orixá Xangô.

Este grande aprendizado faz parte da vida de cada ser humano.

Temos a certeza que o senhor Francelino Vasconcelos Ferreira onde estiver o mesmo esteja reverenciando ao lado dos  vodus e mestres a resistência religiosa e a Fe do povo do Axé do Brasil.

Egbonmy Conceição Reis de Ógùn
Coordenadora Estadual – SP
*COMISSÃO ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO E RELAÇÕES PÚBLICAS

*http://intecabsp.wordpress.com/intecab-sp/
*http://www.telecentrointecabsp.blogspot.com/
*http://facebook.com/intecab.sp.brasil
*http://intecab-nucleobaixadasantista.blogspot.com/



Coordenação Executiva

Coordenadora
Maria Conceição Casemiro dos Reis
(Egbonmy Conceição Reis de Ógùn) – Nação: Ketú

Vice-Coordenador
Rozevaldo Menezes
(Babalorixá Rozevaldo de Oxumarê) – Nação: Ifan

Acesse: http://intecabsp.wordpress.com/

Enviar noticias :  REVISTA
CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
caracoles
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Revista Conexão Afro , divulga com imensa alegria o retorno de Egbomy Conceição Reis de Ogum

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Fevereiro 18, 2012 at 12:03 pm

 

N°o1- 18 de fevereiro – Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

CIRC.001/2012-INTECAB/SP

São Paulo, 18 de fevereiro  de 2012

À Coordenação Executiva, Assessorias, Comissões Estaduais, Conselho Religioso, Conselho Consultivo, Membros, Amigos (as) Apoiadores (as) Parceiros (as) do Instituto Nacional da Tradição e Cultura Afro-Brasileira – 50034_100001739975050_1280693447_n (1)INTECAB/SP

Prezados Sacerdotes e Sacerdotisas,

Senhores e Senhoras:

Ah… Chegou o ano de 2012, já estamos no 1º dia do Mês de Fevereiro, somente agora pude escrever essa mensagem e desejar-lhes que este ano seja repleto de:

– Prosperidade, saúde, sucesso, família, amor, humildade e paz

Não pensem vocês que Eu esqueceria de agradecer aos Srs. e Sras. que?

– Pediram: oraram, benzerão, mentalizarão, louvarão, materializarão, fizeram novenas, correntes, ebós e promessas para que Eu melhorasse, tive manifestações do Brasil todo com vibrações  boas ou ruins.

– Foram muitos os amigos e amigas que pude me comunicar via transporte e espiritualmente devido nossas ligações em outras vidas passadas.

– Muito obrigada…

– Mas estou aqui novamente agradecendo aos que não conseguiram ir me ver no hospital, me telefonar, me visitar em minha residência ou na sede do INTECAB-SP.

– Recuperação é um processo lento, mas o importante desse restabelecimento longo é a grande “Reflexão do dia a dia de nossas vidas” e posso dizer a Comunidade de Terreiro do Candomblé e da Umbanda que o Órixá Tempo, Irôko, Kitembo e Loko meu deram mais um longo tempo.

– Saibam também que desde o mês de Outubro de 2011 meus familiares estiveram presentes em todos os meus momentos dolorosos, bem como a família de intecabianos e intecabianas, seja via espiritualidade ou via Correio Nagô (telefone), agradeço a todos por isso.

– Nossos membros não deixaram de seguir com seus trabalhos na Assembléia Legislativa de SP, Secretaria de Cultura e Aristocrata Clube da cidade de Jaú, Premio Raça Negra na cidade de SP e palestras sobre a História da África na Zona Sul palestrada por Yalorixás que cursaram Faculdade em sua melhor idade, Lançamento do Livro 20 anos da Cone, Premiação do Oscar 2012 – Pela Organização Nacional de Valorização à Espiritualidade – ORNAVE.

Nada mudou pelo contrário cada vez mais aumenta a mina crença e minha Fé.

Informamos também que não estamos parados e nem sem Comunicação.

Egbonmy Conceição Reis de Ógùn
Coordenadora Estadual – SP

*COMISSÃO ESTADUAL DE COMUNICAÇÃO E RELAÇÕES PÚBLICAS


Coordenação Executiva

Coordenadora
Maria Conceição Casemiro dos Reis
(Egbonmy Conceição Reis de Ógùn) – Nação: Ketú

Vice-Coordenador
Rozevaldo Menezes
(Babalorixá Rozevaldo de Oxumarê) – Nação: Ifan

Acesse: http://intecabsp.wordpress.com/

Enviar noticias :  REVISTA
CONEXÃO AFRO conexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxala :
caracoles
  (51) 81810404 / (51)  30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Editar esta entrada.

NOSSA QUERIDA AMIGA E PARCEIRA MÃE CARMEN DE OXALÁ!!!

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Outubro 5, 2011 at 1:59 am

N°o1-  05  de setembro-Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 

EgbomyNOSSA QUERIDA AMIGA E PARCEIRA MÃE CARMEN DE OXALÁ!!!
TEM ACOMPANHADO DE PERTO OS TRABALHOS DO INTECAB/SP E DO NÚCLEO INTECAB/SP SÃO VICENTE DA BAIXADA SANTISTA SE FAZENDO PRESENTE EM NOSSAS ATIVIDADES, EVENTOS, BLOGS, REVISTAS, FACEBOOKS, ORKUTS, VIAGENS ENFIM NOSSOS TRABALHOS,  ESTÃO SENDO VISTOS PELAS COMUNIDADES DE TERREIRO DO CANDOMBLÉ, BATUQUE E UMBANDA PELO BRASIL E PARA MUNDO.
CARINHO E AXÉ,
EGBOMY CONCEIÇÃO REIS D’ O’GÚN
COORDENADORA DO INTECAB-SP

COORD. NACIONAL DE QUILOMBO URBANO DO MNU

Enviar Noticias :

caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes 2011; clique aqui para acessar a página oficial do Anohttp://www.onu.org.br/anoafro2011/

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Projetos de Cultura Bantu para Osasco

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Setembro 23, 2011 at 9:34 am

N°o1-  23  de setembro-Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyIvan Poli

Boa Noite caros mestres da USP.
Fui aluno ou mestre de todos voces e foram quem me orientaram e ajudaram em meu trabalho e meu livro Antropologia dos Orixas que lancei na Biblioteca de Osasco em 7 de maio deste ano.
Participei desde ano passado e no inicio deste ano do ciclo de cultura afro-brasileira em Osasco com 6 cursos e a tematica dos Yorubas como ja sabem.
Contudo deste semestre em diante os proximos temas do ciclo serao a cultura Bantu e as outras culturas sudanesas nao yorubas ( para variar um pouco e buscar uma visao mais ampla )
A partir do ciclo desenvolvi cursos e textos que resultaram no meu livro e graças a ele e a voces fui aprovado no processo de mestrado da FEUSP para continuar desenvolvendo meu tema.
Tive o Apoio da Marili Alexandre que é Responsavel pelo Nucleo de Cultura e Extensao da Biblioteca de Osasco e da minha colega Sabrina Bresio que eh aluna de Historia na FFLCH , que foi quem me levou para Osasco.
Boa Noite caros mestres da USP. Fui aluno ou...Gostaria de lhes apresenta-las e pedir caso voces mesmos ou alunos ou orietandos que se interessem em desenvolver projetos em Osasco como os cursos e oficinas que ministrei ( neste caso sobre cultura bantu ou de outros povos sudaneses que nao sejam os yorubás ) , indico fortemente que façam a parceria com a Biblioteca de Osasco e procurem a Marili ou falem com a Sabrina.
Recomendo fortemente pois para mim foi uma experiencia super valida que enriqueceu fortemente meu Currículo Academico com práticas direcionadas para meu objetivo e que esta me permitindo desenvolver meus projetos pois tive todo o apoio da Sabrina, da Marili e da Secretaria de Cultura de Osasco nas gestoes de ambos secretarios.
Não deixem de avisar seus orientandos e alunos,pois o pessoal la de Osasco eh de fazer mesmo, e a Marili eh realmente excelente e a Sabrina nem se fala, pois graças ao blog dela o africalogoaqui , que tem tudo pra receber apoio de todos nós, pude divulgar meu trabalho para meus mais de 300 alunos que tive em Osasco em 6 cursos ( inclusive alunos da USP e a maior parte educadores e universitarios que vinham de toda grande São Paulo pros meus cursos em Osasco graças a excelente divulgaçao que tiveram por parte da Marili, Sabrina e da Secretaria de Cultura de Osasco) .
o e-mail da Marili Alexandre e mahxandre@gmail.com
Grande abraço a todos e agradeço a todos mais uma vez.
Temos que valorizar quem quer realmente realizar… sempre…
Cordialmente
Ivan Poli ( Osunfemi )

Enviar Noticias :

caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes 2011; clique aqui para acessar a página oficial do Anohttp://www.onu.org.br/anoafro2011/

Campanha

CONVITE LANÇAMENTO OFICIAL DAS AGUAS DE SAO PAULO

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Setembro 19, 2011 at 4:51 pm

N°o1-  19   de setembro-Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO

 

Egbomy

Temos o prazer de convidá-lo para a cerimônia oficial de lançamento d’As Águas de São Paulo 2011, na Câmara Municipal de São Paulo.
Estarão presentes, o nosso presidente, Babalorisá Beto de Logun (Ofaniré); o nosso vice-presidente, João Capricho Neto; Iyá Lúcia de Oxum; Iyá Valéria de Exu e demais membros ilustres da nossa diretoria, que apresentarão a edição deste ano com homenagens e ações comemorativas.
O Vereador Wadih Mutran, responsável pela lei 14.342/07 (“Dia das Tradições das Raízes Africanas e Nações do Candomblé, Umbanda e seus Segmentos” – 30/09), também estará presente, assim como o Deputado José Cândido e outras autoridades.
Quando
21 de setembro, quarta-feira, às 19h.
Onde
Câmara Municipal de São Paulo
Viaduto Jacareí, 100 – Bela Vista / SP
Auditório Prestes Maia
Por favor, confirme sua presença respondendo a este e-mail.
Atenciosamente,
Imprensa – As Águas de São Paulo
Felipe Brito e Tathiane Cavalcante
(11) 7197.4756 / 8698.1310
imprensa@aguasdesaopaulo.com.br
www.aguasdesaopaulo.com.br

Enviar Noticias :

caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes 2011; clique aqui para acessar a página oficial do Anohttp://www.onu.org.br/anoafro2011/

Campanha

EXPOSICAO FRONTEIRAS DO BAU EM RIO

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Setembro 11, 2011 at 6:52 pm

ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum em Setembro 9, 2011 às 8:44 am

N° 11- 09 de setembro-Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

100_1220Coluna de Egbomy Conceição Reis de Ogum

O colecionador Vanderlen Amaral da Costa

Por:  JC Ernesto  (Texto e Foto)

A exposição ‘Fronteiras do Baú’ foi aberta oficialmente no dia 3 de setembro no Centro Cultural Roberto Palmiri, na cidade de Rio Claro, em São Paulo. Todo material exposto, cerca de duas mil peças, é resultado de um trabalho realizado pelo gaúcho Vanderlen Amaral da Costa, 74, que, durante mais de meio século, dedicou boa parte do seu tempo guardando fotografias, selos, cartões, recortes de jornais, revistas, livros, moedas do Brasil e de vários países africanos, documentos, entre outros, que relatam o passado do Negro do Sul do país, de outras partes do Brasil e do mundo. “É a primeira vez que tenho a chance expor todo esse acervo ao público”, conta emocionado.

Costa ressalta que poder divulgar a existência desse material é dar oportunidade à população de conhecer um pouco do que foi a vida do negro escravo gaúcho. “Quando iniciei a minha coleção sempre tive o intuito de um dia ter a oportunidade de mostrar a história do negro do Estado do Rio Grande do Sul, a outras regiões do Brasil. A participação de heróis, como, por exemplo, os Lanceiros Negros na Revolução Farroupilha, é praticamente desconhecida em outras partes do país. Muitos, absurdamente, chegam a pensar que no Sul, não existia negro na época da escravidão”, relata.

Inclusão do evento

Personalidades como Egbomy Conceição Reis de Ogum e o poeta e jornalista “Prof. Eduardo de Oliveira”, foram uns dos destaques do evento.

Egbomy Conceição Reis de Ogum e Vanderlen Amaral da Costa

Egbomy que é sacerdotisa candomblecista sugeriu a inclusão do evento no calendário do mês de novembro, já que no dia 20 é comemorado o Dia da Consciência Negra, acrescentando que seria muito importante esse acervo ser utilizado por estudantes dos ensinos Fundamental e Médio, como objeto de estudo. “Existem muitos documentos importantes que retratam a história do negro, mas grande parte se encontra nas academias e não chegam ao conhecimento da maioria da população. Precisamos trazer a escola para conhecer essa história. Isso será um meio de divulgação e valorização do que temos. Além disso, será uma forma de desmistificar muitas coisas que pensam do nosso povo”, ressalta.

Os organizadores do evento Carmelita Maria da Silva e Vanderlon da Costa, que moram em Araraquara, agradecem o apoio que receberam da Assessoria de Integração Racial da Prefeitura de Rio Claro, para que o evento fosse realizado na cidade. “Realizar eventos como esse não é fácil, mas, mesmo assim, os frutos já começaram a aparecer. Em novembro será a vez da cidade de Jaú receber essa exposição. “Antes de Rio Claro, apresentamos a proposta do evento a outras cidades, mas não obtivemos nenhuma resposta. Porém, com muito esforço e dedicação, conseguimos chegar ao nosso objetivo, isto é, um verdadeiro trabalho de formiguinha que, aos poucos, faz com que atribuímos novos conteúdos à nossa história”, finaliza.

Carmelita Maria da Silva

O material ficará à disposição do público até o dia 23 de setembro no Centro Cultural Roberto Palmari – Rua 2, 2880 – Vila Operária – anexo ao Lago Azul – Rio Claro – São Paulo – Fone: (19) 3526 7171(Assessoria de Integração Racial).

Informativo

Personalidades:

Kizie de Paula Aguiar Silva – Assessora de Integração Racial da Prefeitura Municipal de Rio Claro

Divanilde Aparecida de Paula – Presidente do Conselho Municipal da Comunidade Negra de Rio Claro – CONERC
Sérgio Desiderá – Vereador da Câmara Municipal de Rio Claro
Ney Pignattaro Fina – Secretário Municipal de Cultura
Luiz Carlos Rodrigues Rezende – Curinga – Diretor de cultura e eventos populares
Egbomi Conceição – Presidente do INTECAB/SP
Professor Eduardo de Oliveira – Diretor Presidente do CNAB e Conselheiro da SEPPIR
Marcos Gomes – Presidente da Etiqueta Modelos e Manequins
Maria Lourdes Silva – Coordenadora do Grupo Folclórico de Congada e Tambú de São Benedito Rioclarense
Osni Fernandes – Músico – (Contemplou o evento tocando sucessos de artistas negros)

Vanderlen  Amaral da Costa – Colecionador e Curador da Exposição
Vanderlon Garcia da Costa – Organizador da Exposição
Carmelita Maria da Silva – Diretora Cultural do CNAB
Maria Teresa Arruda Campos – Superintendente do Arquivo Público Histórico de Rio Claro
Lucia Cristina Silva – Assessora da Secretaria Municipal de Governo
Nilza Theodoro – Professora Rede Municipal de Ensino
Dona Clarice Lemes Soares – Coordenadora dos Agenbtes de Pastoral dos Negros de Rio Claro
Glauco Souza Lobo – Presidente do Instituto Cultural de Pesquisas Ilu Aye Odara e Diretor da Revista Africaxé
Bell Rezende – Assessora de Referência e Atendimento a Mulher

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes 2011; clique aqui para acessar a página oficial do Anohttp://www.onu.org.br/anoafro2011/

Campanha

Perfil – Mãe Senhora.

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Setembro 9, 2011 at 8:44 am

N°o1-  09 de setembro-Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Coluna de Egbomy Conceição Reis de Ogum

100_1220Ao pé da letra, realmente a frente do seu tempo a inesquecível Mãe Senhora D’Oxun.

Maria Bibiana do Espírito Santo, a Mãe Senhora, Oxum Muiwá, filha legítima de Félix do Espírito Santo e Claudiana do Espírito Santo, nasceu em 31 de março de 1900, na Ladeira da Praça em Salvador, Bahia.

Era descendente da nobre e tradicional família Asipá, originária de Oyo e Ketu na África, importantes cidades do império Yoruba. Sua trisavó, Sra. Marcelina da Silva, Oba Tossi, foi uma das fundadoras da primeira casa da tradição nagô no Brasil o Ilê Axé Aira Intile, Candomblé da Barroquinha, depois Casa Branca do Engenho Velho, que deu origem aos terreiros do Gantois (Ilê Axé Omi Iyamassê) e o Ilê Axé Opô Afonjá, do São Gonçalo do Retiro.

Não se tem muita informação sobre a vida de Maria Bibiana, do nascimento até os 7 anos, talvez em razão da pouca importância que se dá nas comunidades de candomblé aos fatos e datas da vida secular e do pudor cerimonioso com que são tratados os fatos da vida pessoal dos seus membros, sobretudo aqueles tornados líderes, com uma posição e autoridade a serem preservados.

O que sabemos é que foi iniciada aos 7 anos de idade e, nesta época, já recebeu de sua mãe-de-santo, Eugênia Anna dos Santos, Mãe Aninha, Obá Biyi, a “cuia” que pertencera à sua bisavó, Marcelina Obatossí. O merecimento excepcional obtido por Senhora em tão tenra idade, deveu-se à sua linhagem familiar e espiritual.

Senhora foi preparada por Obá Biyi para ser sua sucessora. No Axé Opó Afonjá foi a Ossi Dagã e nas ausências de Mãe Aninha, assumia os cuidados com o culto e os filhos da Casa, auxiliando as tias e irmãs mais antigas no comando da comunidade.

Com a morte de Mãe Aninha e “depois de realizadas todas as obrigações e preceitos de acordo com a liturgia da seita, e tudo regularizado dentro do Axé Opô Afonjá”, em junho de 1939, Mãe Senhora assume, ainda com o título de Ialaxé, a direção do terreiro – “como era de direito, devido à sua tradicional família da nação Ketu, ao lado de Mãe Bada, Maria da Purificação Lopes, Olufan Deiyi, já idosa, mas reconhecidamente sábia e experiente, propiciando uma transição segura e tranquila até a sucessão concluída com sua morte e luto ritual. Segundo Deoscóredes Maximiliano dos Santos, Mestre Didi, seu único filho biológico, Mãe Senhora torna-se de fato e direito a Ialorixá do Axé, em 19 de agosto de 1942.”

No Ilê Agboulá, comunidade do culto dos Eguns de Ponta de Areia, ilha de Itaparica, exerceu sua liderança e recebeu o título mais elevado dado a uma mulher – Iya Egbé.

Sua fé em Xangô era inabalável, e sua dedicação ao orixá de sua mãe-de-santo era “maior até que ao seu próprio orixá” – que ela chamava de “meu anjo da guarda”.

Mesmo não residindo “na roça”, estava presente e tudo controlava com extremo rigor e pontualidade, empenhando todos os esforços para a fidelidade dos preceitos com entusiasmada dedicação.

Esta Senhora de Oxum de forte personalidade, deu seguimento às comemorações e festas tradicionais de acordo com o calendário estabelecido por Dona Aninha. Mantinha muitos dos hábitos instituídos por sua mãe-de-santo, como ter a sua manutenção econômica assegurada por atividade independente do sacerdócio.

Vivia o sacerdócio como uma missão. A partir de 1942, Senhora, já ialorixá, começou a tomar providências importantes para neutralizar as reticências e oposições que por ventura ainda perdurassem no interior do egbé e a substituir cargos tornados vacantes por afastamento, morte ou para reforçar sua liderança.

Criou então os cargos de substitutos no quadro dos Obás de Xangô – os otuns e os ossi obás – ou seja, os primeiros e segundos substitutos dos titulares, ampliando o quadro inicial dos 12 titulares para 36. E aprimorou a instituição, definindo suas funções e estendendo a escolha dos obás para o âmbito social, além dos limites da comunidade religiosa.

Provavelmente já como fruto desta nova orientação no corpo dos obás, Senhora e o Axé começaram a colher frutos importantes. Pierre Verger, que desde 1946 fixara residência na Bahia e, a partir de 48, fazia frequentes viagens à Africa, já desenvolvendo pesquisas, tornou-se um interlocutor interessado na retomada das relações entre afro-brasileiros e africanos. Foi assim, que em 1952, Dona Senhora, Oxum Muiwá, recebeu do Oba Adeniram Adeyemi, o Alafin (rei) de Oió, na Nigéria, um edun ará e um xerê de Xangô, acompanhados de uma carta, tratando-a com título de Iyanassô.

Como explica Vivaldo da Costa Lima, num artigo intitulado Ainda sobre a Nação Queto, Iyanassô é um título altamente honorífico, privativo da corte de Alafin de Oió, isto é, o “rei de todos os yorubás”. É a Iyá Nassó quem, em Oió, a capital da nação política dos yorubás, se encarrega do culto de Xangô, a principal divindade dos yorubás e o orixá pessoal do rei.

Dona Maria Bibiana do Espírito Santo comungava do entusiasmo de Pierre Verger de verem reatadas as relações culturais com a África e recebia com frequência a visita de intelectuais e embaixadores de países africanos como Daomé, Ghana e Senegal. O governo senegalês conferiu-lhe, em 1966, a comenda do “Cavalheiro da Ordem do Mérito”, pelos relevantes serviços prestados na preservação da cultura africana no Novo Mundo.

Mãe Senhora quando jovem

Dona Senhora de Oxum teve a satisfação de ver reconhecida a sua liderança espiritual, ainda em vida, em muitas homenagens que recebeu:

Em 1957, por ocasião do cinquentenário de sua iniciação, foi homenageada com uma grande festa no barracão do Axé lotado dos filhos-de-santo, obás e demais integrantes do egbé, delegações dos mais diversos candomblés da Bahia, personalidades da vida intelectual, muitas delas vindas do Rio de Janeiro e São Paulo, inclusive representações do presidente Juscelino Kubitschek e do seu ministro da Educação.

Em 1959, por ocasião do IV Colóquio Luso-Brasileiro, realizado pela UFBA, Dona Senhora ofereceu no Axé um grande amalá de Xangô, numa festa pública dedicada aos congressistas. Durante a festa, o escritor Jorge Amado saudou os convidados, em nome do terreiro e de sua ialorixá, dizendo “…Estais em vossa casa porque este terreiro de Xangô, este candomblé de Senhora, tem sido – permanentemente e sempre – uma casa da cultura e da inteligência baiana… somos orgulhosos deste templo e de seu significado. Aqui passaram e estudaram Martiniano do Bonfim, babalaô da casa, nosso Édison Carneiro, o feiticeiro Pierre Verger e hoje nós, homens de cultura, somos os defensores do seu segredo e de sua grandeza, ao lado desta figura invulgar de mulher, feita de uma só peça, rainha, se a este título damos sua significação mais profunda…”

Em 1965, Mãe Senhora recebeu o título de “Mãe Preta do Brasil” e foi aclamada pelas comunidades religiosas afro-brasileiras, que lotaram o Maracanã, no Rio de janeiro, com seus representantes, além de políticos e jornalistas.

Deixamos com Mestre Didi, seu filho e importante historiador da tradição da sua comunidade, a notícia do seu falecimento: “No dia 22 de janeiro de 1967, Maria Bibiana do Espírito Santo veio a falecer pela manhã, ao nascer do sol… Mãe Senhora, assim, como todos os de sua família, morreu de repente, e talvez por isso pareceu impossível a muitos acreditar na notícia da sua morte. Tão forte ainda, aparentemente tão sadia, com aquela presença de rainha, sua força de comando, sua intimidade com os orixás!”

Por:José Felix dos SantosBisneto de Mãe Senhora, Otun Algba do Ilê Axipa, Ogã do Ilê Axé Opô Afonjá

NOTA DO EDITOR – O texto acima é um resumo da introdução do livro Maria Bibiana do Espírito Santo – MÃE SENHORA: saudade e memória, organizado por José Felix dos Santos e Cida Nóbrega – Salvador, Corrupio, 2000, 184 p.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Ano Internacional dos Povos Afrodescendentes 2011; clique aqui para acessar a página oficial do Anohttp://www.onu.org.br/anoafro2011/

Campanha

Conselho da Comunidade Negra do Estado de São Paulo Elege Marco Antonio Zito novo presidente

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 31, 2011 at 4:16 pm

N°o1-  31  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

   100_1220      

Coluna Rouxinol de Egbomy Conceição Reis de Ogum                                

Marco antonio Zito

                                         

Conselho da Comunidade Negra do Estado de São Paulo Elege Marco Antonio Zito novo presidente

No último dia 05, em São Paulo, foi realizada a 1ª reunião de trabalho do Conselho de Participação e Desenvolvimento da Comunidade Negra do Estado de São Paulo. A reunião contou com a eleição da diretoria do Conselho, que escolheu o novo presidente: o advogado Marco Antonio Zito Alvarenga.

A coordenadora municipal de Promoção da Igualdade Racial e do Centro de Referência Afro, Alessandra de Cássia Laurindo, participou da atividade a convite da secretária de Justiça e da Defesa da Cidadania, Eloísa de Sousa Arruda. Alessandra integra o Conselho, como membro da sociedade civil. Para ela o momento é de expectativa, pois “todos os conselheiros assumiram o compromisso de realmente trabalhar pelo Estado e conseqüentemente pela região que representa”.

“Vamos ver, de fato, esse empenho na prática, fazendo prevalecer as suas atribuições que são assessorar o poder executivo no acompanhamento e elaboração de políticas públicas, desenvolver estudos e pesquisas, denunciar e acompanhar casos de violações dos direitos da população negra”.

Neste primeiro momento, os conselheiros eleitos elaboram um plano de trabalho e aguardam a convocação oficial para posse, que será realizada na presença do governador Geraldo Alckmin, em data a ser definida.

Eloísa de Sousa Arruda parabenizou os novos conselheiros e ressaltou a importância dos representantes se engajarem na luta dos afrodescendentes no Estado de São Paulo.

A secretária destacou a necessidade de ajuda às comunidades dos Quilombolas do Vale do Ribeira, que passam por muitas dificuldades devido à devastação da chuva da última semana e solicitou solidariedade para a arrecadação de produtos de higiene pessoal, material de limpeza, roupas e alimentos não perecíveis.

Novo presidente

O novo presidente, que presidiu a Comissão do Negro e Assuntos Anti-Discriminatórios da OAB paulista, disse que o principal objetivo da gestão é abrir o Conselho para a comunidade. “As portas do Conselho estarão abertas para a adoção de uma política de inclusão e ação afirmativa”, acrescentou.

De acordo com Zito, “o Conselho tem autonomia e terá todo espaço, mas não deixa de ser uma instituição pública. Vai fazer os embates e os enfrentamentos necessários para que o Estado nos reconheça. Não pode trabalhar cabisbaixo perante o Estado. Se o Estado reconhece a existência desse mal, o racismo, o Estado tem de adotar caminhos para revertê-lo”, afirmou, acrescentando que sua gestão “não será só de reivindicações, mas de proposição, inclusive com articulação de políticas perante o Legislativo”.

Nessa linha, uma das metas será a participação da comunidade negra paulista nas questões que mobilizarão a sociedade, como um todo. “A questão da Copa é um desses temas. O negro não pode só estar como jogador da seleção, mas participando de frentes de trabalho e em tudo o que a Copa vai trazer para o Brasil”, afirmou.

Zito obteve o apoio de 22 dos 29 conselheiros presentes (75,8%), na primeira reunião do colegiado.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

EGBOMY DIZ = MAE CARMEN SERA UM PRAZER TE-LA CONOSCO EM SP

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 26, 2011 at 12:20 am

N°o1-  26  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

 
Egbomy

 

 

 

 

 

 

 

O Núcleo do Intecab/SV/SP/BS juntamente com o Povo do axé da Baixada Santista irá recebe-lá muito bem, da mesma forma como fui recebida em Guaiba-RS em minha estada no lançamento da Revista Conexão Afro.
Seja muito bem vinda pela 2ª vez à São Paulo terra de gente agitada mais de corações acolhedores do tamanho da África que está dentro de todas e todos nós, homens e mulheres, negras e negros o famoso, comentado, defamado, julgado, apontado, indiciado, praguejado, enfeitiçado, questionado, julgado Povo do santo.
Me despeço com muito,
Carinho e axé,
EGBOMY CONCEIÇÃO REIS D’ O’GÚN
COORDENADORA DO INTECAB-SP
CONSELHEIRA CNPIR/SEPPIR DE 2008 A 20 10
COORD. NACIONAL DE QUILOMBO URBANO DO MNU
CONTATOS:
http://www.intecabsp.wordpress.com
telecentrointecabsp.blogspot.com
portalafricas.com.br
REVISTA CONEXÃO AFRO
m.cazemiro@uol.com.br
correionago@hotmail.com
tel: 3492-5801 ou 8527-4852
2011 ANO INTERNACIONAL DOS AFROSDESCEDENTES/ONU

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

Campanha

Afoxé Filhos da Coroa de Dadá recebe homenagem na Assembléia Legislativa de São Paulo

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 25, 2011 at 10:08 am

N°o1-  25  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Egbomy

Afoxé Filhos da Coroa de Dadá recebe homenagem na Assembléia Legislativa de São Paulo

Dia 26 de agosto, na próxima sexta, o Afoxé Filhos da Coroa de Dadá será homenageado em Sessão Solene na Assembléia Legislativa do Estado de São Paulo, às 20 horas.

A iniciativa partiu do Gabinete do Mandato do Deputado Estadual José Cândido do PT. A solenidade é considerada um momento histórico dos movimentos sociais e culturais em São Paulo, por se tratar da primeira entidade civil organizada, diretamente ligada a uma casa de religião de Matriz Africana, o Ile Axé Oxum Muiywá, dirigido por Mãe Wanda de Oxum, a receber uma honraria em Sessão Solene na Alesp. Participarão do evento inúmeros representantes das casas de candomblé de São Paulo, autoridades políticas e intelectuais como Reginaldo Prandi e Wagner Gonçalves, ambos escritores e sociólogos da Universidade São Paulo. Serão homenageados os fundadores do Afoxé Filhos da Coroa de Dadá, entre eles Ogã Gilberto de Exu, grande estudioso da afro-religiosidade no Brasil, e a cantora Fabiana Cozza, considerada uma das maiores revelações da MPB da atualidade que será nomeada oficialmente Olutojufoxé: a Guardiã do Afoxé Filhos da Coroa de Dadá.

Felipe Brito

Assessoria de Imprensa

Afoxé Filhos da Coroa de Dadá

3966.0291

7197.4756

felipebrito22@gmail.com

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Programa Renda Melhor e Comunidade Negra.

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 22, 2011 at 9:59 am

N°o1-  22  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyMAIS DE 70% DE FAMÍLIAS ATENDIDAS PELA RENDA MELHOR SÃO NEGRAS.

De acordo com estudos do IBGE ( Institudo Brasileiro de Geografia e Estatísticas ) e do IPEA ( Instituto de Estudos Econômicas Aplicada ) mais de 70% das famílias que estão na extrema pobreza em nosso país  ( cerca de 16 milhões milhões )pertecem a comunidade negra.

As políticas sociais que os governos federal primeiro com o presidente LULA e agora com a presidenta Dilma Roussef e o governo estadual agora com o Renda Melhor vem promovendo efetivamente a melhoria das condições de vida desta população históricamente discriminada e excluídas dos benefícios das riquezas do Brasil.

CONVITE.

Convidamos as lideranças da comunidade negra através dos orgãos PIR , Conselhos de Defesa da Comunidade Negra e Entidades e Organizações Negras e Indígenas a participar de uma reunião com o Subsecretário de Integração dos Programas Sociais Antonio Claret onde será feita uma apresentação pela equipe do Subsecretário do programa e políticas para comtemplar as comunidades negras e indígenas ( Quilombolas , Catadores de Material Reciclável e Lixo ,  Juventude ).

Vamos conversar também sobre as oportunidades econômicas de nosso estado ( Comperj , Obras da Copa do Mundo e OliMpíadas etc ) e a profissionalização e inserção da juventude negra neste projeto redentor.

Em conversa com o Subsecretário e sua equipe foi discutida a importância da sociedade está participando e contribuindo com o sucesso deste projeto que atende o setor mais vulnerável de nossa sociedade , que de acordo com os estudos , são majoritariamente afrodescendentes.

Contamos com a presença de tod@s.

Pedimos a confirmação até o dia dois de setembro para podermos ver o melhor espaço e também o lanche.

DIA : 08 DE SETEMBRO ( QUINTA-FEIRA ).

HORÁRIO : 11h.

LOCAL : SEASDH / 7º ANDAR.

ATENCIOSAMENTE.

MARCELO DIAS.

SUPERINTENDENTE DE IGUALDADE RACIAL / SEASDH.

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com

 

Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

AGEN AFRO CULTURA E IDÉIAS – RJ SE AGITA PARA A 4@ CAMINHADA DA LIBERDADE RELIGIOSA

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 19, 2011 at 1:03 am

N°o1-  19  de ag0sto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyROUXINOL-AGEN AFRO CULTURA E IDÉIAS

RIO DE JANEIRO SE AGITA PARA A 4@ CAMINHADA EM DEFESA DA LIBERDADE RELIGIOSA
SÃO ESPERADAS 250 MIL PESSOAS EM COPACABANA
DIA 18 DE SETEMBRO ÁS 11 H NO POSTO 6 , ESTAÇÃO DO METRÔ CANTAGALO  – COPACABANA – RJ

AGEN AFRO CULTURA E IDÉIAS – RJ SE AGITA PARA A 4@ CAMINHADA DA LIBERDADE RELIGIOSA

geral
Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

INSTITUTO NACIONAL DA TRADIÇÃO E CULTURA AFRO BRASILEIRA SÃO VICENTE

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 14, 2011 at 3:37 pm

N°o1-  14 de agsto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyINTECAB – SÃO PAULO

Instituto Nacional da Tradição

E Cultura Afro-Brasileira

“União na Diversidade”

 

INSTITUTO NACIONAL DA TRADIÇÃO E CULTURA AFRO BRASILEIRA SÃO VICENTE

Núcleo Baixada Santista. Criando em 02/08/2007.

Av. Dom Pedro II, nº 658 – Cidade Náutica – São Vicente.

CEP: 11350-100 Telefone: 55 (13) 3464-5661 – Celular 55 (13) 9188-0058

E-mail: intecab.nucleobaixada@gmail.com

São Vicente, 10 de Agosto de 2011.

“ NO ANO INTERNACIONAL DOS AFROSDESCEDENTES “ TEMOS A HONRA DE CONVIDAR V.SAS, A FAMILIA DE INTECABIANOS E INTECABIANAS, COMUNIDADE DE TERREIROS DO CANDOMBLÉ E DA UMBANDA, AUTORIDADES DO PODER PÚBLICO, ORGANIZAÇÕES E ENTIDADES DO MOVIMENTO NEGRO E MOVIMENTOS SOCIAIS, PARA GRANDIOSA SOLENIDADE DE POSSE DA 2ª DIRETORIA EXECUTIVA DO INTECAB/SV/SP/BX .SANTISTA REFERENTE AO PERIODO DE 2011/2015 A SER REALIZADO NA CIDADE DE SANTOS DIA 27 DE AGOSTO DE 2011(SABADO) COM INICIO AS 10H00 DA MANHÃ.

 

MOGBA KLAUDIO, seus filhos e netos abrem as porta do AXÉ OPÔ AJAGUNNA para receber a todos e a todas com muito carinho para essa festividade.

PROGRAMAÇÃO:

ABERTURA: HINO NACIONAL, SANTOS, NEGRITUDE, CANDOMBLÉ E UMBANDA

PALESTRANTE: Dra Gilda Brasileiro: Rota Dória – “ Uma Rota Clandestina de Escravos” .

LANÇAMENTOS: Livros “ Fernando de Ayrá e Ivan Poli Osun femi- “ Mitologia dos Orixás”

HOMENAGENS: Sras Maria Dias Abdala – Sacerdotisa Kaiambura “Uma Luz de Oya”

Enir Saturnino Rocha – 1ª mulher regente negra de Araraquara – SP

Louvação aos orixás Ógùn e Xangô patronos do INTECAB

LOCAL: AXE OPO AJAGUNNA http://www.wix.com/mogbaklaudi2/mogbaklaudio

Av. Nossa Senhora de Fatima, nº 574 – Chico de Paula – Santos.

PARCEIROS:

INTECAB/SP

ASSOCIAÇÃO CULTURAL EDUCACIONAL E RELIGIOSA ILÊ OTÁ ODÔ ODÉSÁSÁNHÁ

ASSOCIAÇÃO ESPIRITUALISTA JUREMA PRETA DAS CRENÇAS

TENDA ESPIRÍTA DE UMBANDA CABOCLO JARAGUA E ASÉ OPO AJAGUNNA

APOIADORES:

CNAB/ARARAQUARA

ENEAS REIS TRANSPORTES

FABIO CRIAÇÃO E DESIGN

PORTAL ÁFRICAS

PORTAL DO CANDOMBLÉ

REVISTA CONEXÃO AFRO

RÁDIO VINHA DE LUZ

 

PONTOS DE REFERÊNCIA: de Santos chegando ao ASSAI, passe por frente do mesmo siga sempre enfrente.

De São Paulo: Chegando ao ASSAI, vire a sua direita e siga sempre enfrente.

De São Vicente: passar o Cemitério da Areia Branca, seguir enfrente.

CONTATOS: 55 (13) 9188-0058 Pai Ivan T´Odé – 55 (13) 3296-2043 Mãe Denise de Soba

Desde já agradecemos a presença dos senhores e senhoras.

Ivan Marcos Neto

Babalorixá Ivan de T Odé

Coordenador do INTECAB SV/SP/BS.

Denise Terezinha Palhares

Mãe Denise de Soba

Vice coordenadora.

___

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Convocamos todos os Irmãos a estarem conosco divulgando o Evento a realizar-se em Agosto, a saber:

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 10, 2011 at 9:41 am

N°o1- 10  de Agosto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyRouxinol Coluna Egbomy Conceição Reis de Ogum

O Brasil é reconhecido pela harmonia que reina entre suas diferentes comunidades étnicas, religiosas, e culturais. Os afro-brasileiros de origem Sudanesa (pretos) convidam para o Seminário: Malês PANFLETOmales176 anos do Levante dos Yorùbás Islamizados o objetivo do evento é contribuir para a promoção da cultura afro-brasileira, e fortalecer o Estatuto da Igualdade Étnico Racial, dando continuidade aos debates e a integração, entre as comunidades étnicas e religiosas no Brasil, de hoje, levando ao publico uma mostra da cultura do povo de origem africana. O Seminário a ser realizado, no Auditório da Câmara Municipal do Rio de Janeiro, Praça Marechal Floriano, s/n. Cinelândia o evento terá inicio às 18 horas e termino às 21 horas do dia 26 de agosto de 2011 Este evento é muito importante para os afro-descendentes, pois, comemoramos Durante o mês do Ramadan o levante ocorrido no Estado da Bahia, Brasil, que ficou mundialmente conhecido como A Revolta dos Malês realizada, em 25 de janeiro de 1835 na vigésima sétima noite do mês do Ramadan. Além disso, este seminário unira Índios, Crêoulos Malês, Umbandista, Muçulmanos, Ciganos, Católicos, e Candomblecistas, Batistas, e outros contribuindo desta forma com o Combate a Intolerância Religiosa e ao preconceito por etnia cor, procedência, origens, nacionalidade. Buscando forma para discutir e divulgar a cultura Malê, e a Tradição Sudanesa no Brasil. Para maiores esclarecimento poderão entrar em contato através do- Email: projetogruposanin@yahoo.com.br

Apoio Cultural: Sindipetro RJ, Fundação Palmares RJ, CEPPIR, IPN, Mandato do Vereador: José Everaldo, SEDASDH / Superdix, Comissão de Combate a Intuiráncia Religiosa: CCIR, Comissão de Combate as Discriminações e Preconceitos de Raça Cor e Etnia,Religião e Procedência Nacional,.Supir.Famerj

Nota: nós apoiamos: A Campanha o Petróleo tem que ser nosso.

APESARDA RACA HUMANA SER UMA SO…AS ETNIAS SAO DIFERENTES E MERECEM NOSSO APRECO E MUITO RESPEITO…!

www.icammales.org
SHEHU AT TARIK LOKUTAN

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Câmara homenageia professora Enir Rocha com o título de Cidadã Benemérita

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 9, 2011 at 9:34 pm

N°o1- 9 de Agosto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

9/08/2011 por Da Redação

Professora Enir enfrentou o racismo e foi impedida por décadas de entrar no prédio onde foi homenageada

Por Chico de Assis

Uma mistura de emoção e alegria marcou a Sessão Solene da Câmara Municipal de Araraquara em homenagem à professora de música Enir Saturnino Rocha, neste sábado, 06, no Palacete da Esplanada das Rosas. Conceder o Título de Cidadã Benemérita à primeira mulher Regente da Orquestra Municipal de Araraquara foi o objetivo da proposta de autoria do vereador Edio Lopes (PT).

O evento reuniu familiares, ex-alunos, professores companheiros ao longo da jornada, músicos e o Coral Araraquarense Professor Lysanias de Oliveira Campos, onde participou como cantora lírica e conheceu seu marido e pai de seus dois filhos, Isaias Arsênio da Silva, que era cantor barítono.

Seu pai, Eduardo Saturnino Rocha, era professor de música de vários instrumentos de corda e sopro, além de desenhista e marceneiro da Estrada de Ferro Araraquara. Ensinou música aos quatro filhos. Isaias tocou no cinema mudo regido pelo maestro José Tescari. Construiu instrumentos musicais, inclusive um violino, hoje exposto no Museu de Araraquara, com som similar ao Stradivarius, atestado por Tescari.

Formada em piano no Conservatório Dramático e Musical de Araraquara, Enir Saturnino Rocha enfrenta em São Carlos o primeiro caso de racismo ao tentar fazer o curso de Professora Normalista em um colégio da cidade. Foi impedida por ser negra. Resolve então ir para São Paulo, onde ingressou no Conservatório Orfeônico e lecionou música e canto.

Na capital conhece a professora alemã de canto lírico Lilly Wolf, que se encanta com sua extensão vocal. Enir passa por aulas particulares de canto, além de italiano e inglês, por conta das partituras das obras líricas. Esta professora alemã é responsável pelo primeiro recital de Canto Lírico de uma jovem negra em Araraquara no antigo Teatro Municipal.

Professora Enir abriu mão de uma carreira internacional como cantora lírica, e retornou para Araraquara. Fez parte do coro da Igreja de Santa Cruz e do coral Lysanias de Oliveira Campos. Lecionou música em escolas de Araraquara, Novo Horizonte, Tabatinga e Nova Europa. Tem formação universitária em Educação Artística na Unaerp.

Enir Saturnino Rocha foi pioneira ao introduzir instrumentos musicais nas aulas. A flauta doce era a sensação dos alunos da escola Antônio Lourenço Corrêa. E foi assim nas demais escolas por onde passou, sempre formando um coral ou um grupo de instrumentos musicais. Seus recitais atraiam bom público. Seu timbre de voz era raríssimo para a época, uma Contralto considerada Meso-Soprano.

Chegou a ser Regente da Orquestra Municipal de Araraquara, aliás, a primeira mulher negra a conduzir a orquestra, que ensaiava no antigo Teatro Municipal. E mesmo assim, regente da orquestra da cidade, professora de pessoas que seguiram as mais diversas carreiras em suas vidas, mulher com formação universitária, convidada para ter carreira como cantora lírica no exterior, Enir sofreu com a discriminação racial, sendo impedida até de entrar no Palacete da Esplanada das Rosas, o que conseguiu somente aos 90 anos, no dia da Sessão Solene da Câmara Municipal em sua homenagem.

As falas das pessoas giraram sempre em torno da carreira de professora e orientadora, da capacidade musical e também do enfrentamento das barreiras, carregadas de preconceito, colocadas pela sociedade. Além do vereador Edio Lopes, autor da indicação da homenagem, também se manifestaram a bailarina Renata Crespi, aluna de Enir; Delorges Mano, também aluno, que representou o prefeito Marcelo Barbieri no ato; Ebomi Conceição Reis, coordenadora nacional do Instituto Nacional da Tradição e Cultura Afro-Brasileira (Intecab); a socióloga e professora Inayá Bittencourt e Silva, companheira de profissão e autora do livro Racismo Silencioso na Escola Pública; a maestrina Erlene Jensen Dokedal, regente do Coral Araraquarense Professor Lysanias de Oliveira Campos e madrinha de casamento de Enir; e a vereadora Márcia Lia, que presidiu a Sessão Solene. O assessor Benedito dos Santos representou o Deputado Federal Dimas Ramalho.

Fonte  Câmara Municipal de Araraquara

Notícias relacionadas
caracoles: (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

III Curso de Extensão Iniciativas Negras – Trocando Experiências

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 8, 2011 at 8:23 pm

N°o1- 08 de Agosto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Egbomy_thumb[3]Rouxinol Coluna de Egbomy Conceição Reis de Ogum


III Curso de Extensão
Iniciativas Negras – Trocando Experiências
04 a 14 de outubro de 2011

Local: Universidade Federal do Ceará/Campus Cariri
Juazeiro do Norte – Ceará

Objetivos:
     -     Capacitar e formar teórica e tecnicamente estudiosos (as) e ativistas dos movimentos sociais que atuam na área do combate ao racismo e ao sexismo, buscando contribuir para a instrumentalização de agentes sociais que possam operar em projetos de intervenção e mudança social.
     -     Propiciar uma maior aproximação entre pesquisadores (as), acadêmicos (as) e ativistas dos movimentos sociais negros em âmbito nacional, estimulando uma troca de saberes.
Informações e Formulário de Inscrição: no anexo
Cronograma
Inscriçõesde 15 de julho a 20 de agosto

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Não pecar o Jô no dia 5 de agosto

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 7, 2011 at 10:29 pm

Em Conexão Afro, negritude em Agosto 5, 2011 às 9:41 pm

N°o1- 7 de Agosto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

EgbomyRouxinol: Coluna de Egbomy Conceição Reis de Ogum

Mutá Imê do Meiá, Taata de Nkisi (Sacerdote Mor) da Casa dos Olhos do Tempo que Fala da Nação Angolão-Paquetan, é uma das personalidades que será entrevistada pelo Jô Soares no Programa do Gordo na noite da “

Marcio Alexandre M. Gualberto

Não pecar o Jô no dia 5 de agosto

por Marcio Alexandre M. Gualberto, quinta, 4 de agosto de 2011 às 07:33

Caríssim@s irm@s de Alma e Amig@s,

Mutá Imê do Meiá, Taata de Nkisi (Sacerdote Mor) da Casa dos Olhos do Tempo que Fala da Nação Angolão-Paquetan, é uma das personalidades que será entrevistada pelo Jô Soares no Programa do Gordo na noite da “Sexta-feira 05 de agosto de 2011”.

Essa é uma rara ocasião de poder ouvir e ver um “bakulo” (ancião da nação angolera) de tamanha sabedoria, contando para nós parte da história dessa Nação Bakongo (Bantu-Kongo). Mulheres e homens oriundos da região ocidental africana, hoje dividida nos países de Angola e Congo, que aportaram na Bahia em 1567, trazidos para terras brasileiras em situação de escravidão faz quase 500 anos, a bordo do navio Angolão-Paquetan, quando este fez sua primeira viagem desde um porto da Mãe África até a Bahia de Todos os Santos. Foram eles e elas que construíram a bela Igreja do Rosário dos Pretos, entre muitas outras coisas, por exemplo… e por aí vai desenrolando a meada da sua… da nossa história…

Aproveitem! de conhecer uma parte da história do legado do povo Banto-Kongo na construção da identidade brasileira, de sua própria identidade, minhas amigas e meus amigos.

Beijos nos seus corações e um abraço assiiiiiiiiiiiim de grande,

Kena

Maria Eugenia Urrestarazu Silva

Enviar Noticias :
caracolesconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe Carmen de Oxala  : (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

Mulheres e Negros Têm Menos Acesso a Transplante de Órgãos

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 2, 2011 at 3:35 am

N°o1- 1 de Agosto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil

REVISTA CONEXÃO AFRO

Egbomy_thumb[3]Rouxinol Coluna de Egbomy Conceição Reis de Ogum

Ckipine

Fonecaracoles: (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente

PORTAL DO CANDOMBLÉ HOMENAGEIAM AS MULHERES ILUSTRES E SACERDOTISAS DE MATRIZ AFRO BRASILEIRA DE SÃO PAULO

In ROUXINOL: Coluna de Egbomi Concceição Reis de Ogum on Agosto 2, 2011 at 12:48 am

N°o1- 2  de Agosto ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFROREVISTACONEXÃO AFRO

Egbomy

Fonte: agen afro cultura e idéias

DEPUTADO JOSÉ CANDIDO E PORTAL DO CANDOMBLÉ HOMENAGEIAM AS MULHERES ILUSTRES E SACERDOTISAS DE MATRIZ AFRO BRASILEIRA DE SÃO PAULO.


imageSão Paulo estava em festa, pois a Yalodês Paulistanas comemoraram, junto ao Deputado José Candido (PT-SP) e aos Coordenadores do Portal do Candomblé a Grande Homenagem às Mulheres Ilustres e Sacerdotisas de Matriz Afro Brasileira. O Evento aconteceu na sede do Legislativo, ou seja, na ALESP. Que contou com o apoio da Urab, Instituto Terceiro Corpo, Ilê De Obokun, Flora Xangô, Diego Ty Ayrá, Intecab-SP, Fiutcab, Fenorixá, Jornal A Gaxeta, Jornal Afroxé , Revista Odara e o Agen Afro , esses dois últimos do Rio de Janeiro . Foram Homenageadas:

Mãe Maria Natalia, mãe Roberta Moriconi, Mãe Tiane Sebatiana, Yamoro Monica D. Yansã, Ya Augusta Ymibaineji, Ya Nena D. Ogun, Ya Regina D. Ogun, Mãe Sinhá D. Ogum, Ya Sonia D. Oxum, yanya Yara Rosa, Mãe Edna D. Oxum, Mãe Nilza Eliana, Ya Ângela D. Onira,Ya Sonia D. Xangô, Ya Cleide D. Oya Mãe Iberecy, Ya Esmeraldina, Ya Célia Correa, Mameto Oya Corajacy, Mãe Alexandrina, Kaialodomin,Mãe Lewa, Ya Evandra D. Obá, Ya Ivete D. Ogun, Ya Jebelonan, Ya Onissatoju, Ya Danigouja, Ya Beatriz Magalhães, Ya Mazalê, Ya Mokytengoju, Mãe Cida, Ya Silvana Soares ,Mãe Edinéia, Mãe Cleide Xavier, Mãe Maria Julieta , Ya Suzane Vasconcellos, Mãe Mara, Mãe Antonia Socorro, Mãe Ivanilde de Jesus, Yatemi Suzymara, Ekedji Andrea D. Yemanjá, Ekedji Loagy D. Yansã,Ekedji Luzia Arunkambele, Dra Heloisa Arruda, Egbomy Conceição Reis D. Ogun(Intecab-SP), Dra. Damaris Dias, Deputada Leci Brandão, Ekedji Luzia Igbalé, Egbomy Célia Mikambenico, Lia Regina, Ya Ada D. omolu, Ya Daniele D. Oxum, Mãe Vera D. Oxum, Ya Sueli D. Oxum, Ya Silmara D. Yemanjá, Ya Gabriela D. Obalúwáiyé, Ya Luciane D. Ewa, Ya Daniele D. Ogun, Ya Dê D. Oya, Ya Isabel D. Yansã, Ya Natalia D. imageOxum, Ya Zenaide D. Oxum e Ya Chris D. Oxum.

O Evento foi apresentado pelo Babalorixa Matamoridê e os diplomas era entregue pelo Deputado José Candido. Aguns convidados especiais se fizeram presentes: Priscila Reis, Ya Carmem D. Oxum, , Sr. Eneas Casemiro, Holdson Reis, Jorge Vinicius Reis, Gutemberg(Fotografo do Intecab-sP), Ogun Jimy e a corte de Babalawôs Africanos, Dr. Jorge Arruda, Pai Dinho D. Ogun,,Oya Beretemi, Pai Walter D. Ode e Pai Yango do RJ.

No dia seguinte a foi servido um almoço especial ao Pai Yango na Churrascaria Tenda Grill-Augusta, onde se fizeram presentes a Sra. Egbomy Conceição Reis D. Ogun, a Yalorixá Sonia D. Yemanjá , a Cantota Umbandista Lina e o Babalorixa Matamoridê (Eduardo Brasil).

Informações: matamoride@hotmail.com ou no portal adm@portadocandomble.pro.br

RO CULTURA E IDÉIAS 


caracoles
: (51) 97010303 e 30556655

maecarmendeoxala@hotmail.com

CampanhaAno Internacional afrodescendente