Revista Online Conexao Afro

Archive for the ‘Uncategorized’ Category

Nasce Uma Campanha de Consciência Ambiental no Rio Grande do Sul

In Conexão Afro, Polítca, Uncategorized on Abril 6, 2011 at 7:07 pm
N°o1-  07 de  Abril ano 2011 -Guaíba- RS -Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

flyer matrizes

Anúncios

EGBOMY CONCEIÇÃO REIS DE OGUM NA CASA TRADICIONAL ASSOBECATY

In Uncategorized on Fevereiro 28, 2011 at 12:00 pm

N°1- 28 de fevereiro o ano 2011 -Guaíba- RS -Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

A casa tradicional ASSOBECATY-  Fundada por Mãe Quina de Iemanja hoje é admirada no Brasil por manter viva a chama da resistência feminina no axé, que neste ano comemora os 77  anos de fundação e seus 23 de conotação  juridica.  Entre as diversas atividades desenvolvidas , os rituais sagrados receberam  umafotos 10 369atenção muito especial, o Xirê dedicado ao orixá Oxalá , orixá  que rege a vida da sucessora da  Assobecaty, este  precedido de um ato político .  Uma comemoração de tal grandeza não poderia receber convidados de menor importância , estiveram presentes as representações do poder público municipal de Guaíba, Governo do Estado do Rio Grande do Sul e representantes do Ministério da Cultura – Fundação Palmares , além das inúmeras congratulações recebidas de diferentes localidades, inclusive de personalidades religiosas do exterior. Egbomi Conceição Reis de Ogum  do estado de São Paulo veio especialmente para ser a patronesse da revista Conexão Afro Online  lançada pela casa. Egbomi Conceição recebeu o titulo em virtude pelo seu relevante trabalho de comunicação social para terreiros. Aguardem agenda da patronesse Egbomi Conceição Reis de Ogum, durante as comemorações.

Pai Cleon Celebra a Festa de Iemanja em Tramandai Há 46 anos

In Uncategorized on Fevereiro 1, 2011 at 1:25 am

N°1- o1 de Fevereiro ano 2011 -Guaíba- RS -Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO


O axé do Reino de Oxalá, esta em  Tramandai há 46 anos na noite de 1 de fevereiro.

100_0516

O litoral gaúcho.  Assobecaty-Associação Beneficente Cultural Africana Templo de Yemanjá,  achamos pertinente informar  os que ainda não sabem ,   que a entidade é fundamentada nos pilares do Axé de Iemanjá. A partir da década de 2000, que passou a  ser  regida por Oxalá (moço) assim denominado no  batuque do sul  ou  “Oxaguiã”.  como é conhecido no candomblé. A partir desta data, também ,  não  realizamos  festas presentes no mar para Iemanjá. Viemos acompanhando as festas que Pai Cleon de Oxalá, organiza,  homenagens a Iemanjá há 35 anos, em Tramandaí (RS). Este foi o motivo que levou Mãe Carmen de Oxalá,  até a cidade de Tramandai. É  digno de registrar,  uma passagem do percuso de sua vida religiosa que Mãe Carmen de Oxala,   foi iniciada  por Pai Cleon  de Oxalá, desde menina. Saiu, teve oportunidade de ser filha de  Pai Romario de Oxala, quando esse, partiu para o orum,  ela retornou para o seu primeiro zelador, com ele está  cumprindo obrigações até os dias atuais .  As festividades na praia de Tramandai, arrasta 20.000 fiés, dados fornecidos pela Secretaria Municipal de Turismo de Tramandai,   um dos responsáveis é a organização do Reino de Oxalá, que é comandado  por Pai Cleon de Oxalá.


DSC01928

Enquanto a população aguardava a imagem em procissão ou  carreata,  a imagem surpeendeu,  surgir do mar, ela veio trazida por um navio, que apagou a escuridão, com muitas luzes.

DSC01929

Milhares de fiés  acenavam  as bandeiras brancas. Oferendas e agradecimento à Iemanjá – Rainha das Águas, são motivos que trazem milhares de adeptos das religiões afro brasileiras à Tramandaí.

DSC01930

Momento de agradecimento, devoção e fé dedicado  à Iemanjá – Rainha das Águas.

Iemanja

Com muito uma concentração de pessoas o Reino de Oxala mantém a tradição. Na noite de  1 de fevereiro , em tramandai sempre acontece  uma das mais, linda festa , que é esperada com muita expectativa,  pela população as comemorações a Iemanjá. O evento, promovido pelo Reino de Oxalá ,  deixa a beira do  mar  ambientado com  destaque especial na cor azul do altar  e branco.

Iemanja  Roda de Filhos Cleon

O reflexo das luzes, com o  colorido das flores dá um tom , todo especial , somado  ao aroma do  perfume das alfazemas , tornando o cenário deslumbrante. Assim, os festejos a rainha do mar, todos os anos, movimenta,  revitaliza  o espaço próximo a Imagem fixa  de Iemanjá, que ali permanece o ano todo.

.

DSC01932

A rainha das águas salgadas, foi  conduzida até a margem,  pelo  batalhão do corpo de bombeiros, onde estava  sendo esperada pelo Babalorixá Cleon de Oxalá e sua roda de filhos. o babalorixá, inicia a celebração, que prossegue até o amanhecer , quando  levam a toalha cheia de presentes ,  oferendas deixadas  durante a noite, pelos devotos, para depositarem no mar.



Devotos se movimentam em torno da Imagem em Tramandai, e aguardam Pai Cleon de Oxala

In Uncategorized on Janeiro 30, 2011 at 3:02 pm

N°1 -30 de janeiro ano 2011 -Guaíba- RS -Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

 

100_0503Tudo pronto para saudar a rainha do mar. Foto: conexão Afro.

Amanhã é dia de saudar Iemanjá. O trecho da praia de tramandai , onde fica a imagem de Iemanjá, cuja as homenangens se  organizam  no entorno, local  vai ser tomada pelos devotos do orixá rainha das águas salgadas. Embora existam muitas homenagens o ponto mais esperado pelos fiés é a festa que é comandada por Pai Cleon de Oxalá, no litoral gaúcho há 46, anos.

YouTube – Ana de Ogum

In Uncategorized on Janeiro 14, 2011 at 6:43 am

N°1-14 de janeiro ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

YouTube – Ana de Ogum.

http://www.youtube.com/v/rfr5ejbyxK8&feature=BF&playnext=1&list=QL&index=1

As Comunidades Tradicionais de Terreiros no III º PAA

In Uncategorized on Novembro 26, 2010 at 1:07 am

 

N°1-26 de novembro ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

100_2583

Na foto Ivonete Carvalho Diretora de Programas para Comunidades Tradicionais da SEPPIR, Mãe Carmen de Oxalá  dirigente da casa tradicional do sul Assobecaty, e a Ministra Marcia Lopes do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate a Fome (MDS)

A s Comunidades Tradicionais  adquire importância crescente nos sistemas públicos. é tema-chave para os responsáveis pelas políticas públcas do  país: é a conclusão a que os Pais e Mães de Santo , chegam no IIIº Seminário (PAA) .

 

 

Embora sendo um número reduzido de religiosos do seguimento afro, os que se fizeram presentes , mesmo assim, marcam a expressão da religião afro durante o evento, conhecendo as experiências , se  instrumentalizando com esta politica nova.

100_2585Na foto da esquerda para direita ( Mãe Carmen de Oxalá – Sul, Nilo Nogueira Consultor Técnico  – SEPPIR e Mãe Lucia de Oxum- Paraíba)

Como reflexão ampla  Iyás Mãe Lucia de Oxum, da Paraíba,   Mãe  Nalva de Oxum Belém do Pará e Mãe  Carmen de Oxalá avaliam o  evento, sendo  o ponto de partida um olhar sobre o lugar que as comunidades tradicionais de terreiros são  atendidas pelo  programa (PAA) através de “assistencialismo” que é a distribuião de cesta alimenticias,  o que instiga as 100_2588participantes buscarem informações sobre as politicas estruturantes, que devem chegar  nos terreiros após os resulatados do mapeamento de terreiros.

 

 

 

 

 

É tempo de aprender a escutar os gestores é tempo de levarmos  para os estados  material para ser distribuido e abrir o diálogo com os que ficaram , abrir uma agenda de discussão da construção de politica de sgurança alimentar, neste ano ocorrerá  o Seminário nacional e a Conferência Nacional de Segurança Alimentar.

100_0015Mãe  Carmen de Oxalá e o Tata Edson França da organização MONA BANTU- MOVIMENTO NACIONAL NAÇÃO BANTO, uma organização, constituída de comunidades e de centros de resistência da cultura banto no Brasil. Edson tem um discurso muito forte, quanto aos processos de luta contra a discriminação, a opressão e a intolerância religiosa, na reparações  e lberdade para o povo do santo.

 

100_0017Mãe Carmen de Oxala e Sarai Soares Assessora Deputado  Federal Dionisio Marcon

Mãe Carmen , ao olhar esta foto comenta que teve um imenso prazer de conhecer pessoalmente  Saraí Soares, o nome forte, carrega a trajetória,de  dedicação Nome de uma mulher  que possui destaque pelo  qualificado trabalho  social  com intervenções no bairro Cruzeiro.

Bons exemplos, são agentes de mudanças, para novas gerações que estão por vir, que transformam as dificuldades em oportunidades, esta capacidade de transformação é uma das etapas do processo de resitência, que nos de comunidades tradicionais carregamos na nossa memória genética, essas imagens são para  elevar a auto estima de milhares que não acessaram esses espaços, se  estamos hoje aqui, amanhá  vocês também podem.

100_0011Mãe Carmen de Oxalá, indo tomar café da manhã na volta da piscina  com Pai  Joel de Oxaguiã e Mãe Patricia de Oxum ambos de Brasilia- DF, com eles falamos muito das70cddbb317507e4f3954faa826786f0e questões de Patrimônio Imaterial, material , cultural e o resgate da Gruta de Oxum e da Pedra de Xangô , luta que estamos travando com os gestores municipais da cidade de Guaíba, também coloquei que estamos com muita esperança em podermos ver esse impasse ser  resolvido, no  ano que vem.

Para finalizar o final do evento constatamos que as Comunidades Tradicionais de terreiros,  estão  tendo uma abertura no Programa de Aquisição de Alimentos , embora ainda timida,  isoladamente tendo um impacto reduzido a nível nacional, mas considerando a multiplicidade das iniciativas e projetos locais em todo o território há um impacto agregado .  Temos de unir todos os nossos esforços para contagiar e instalar a cultura da Segurança Alimentar em nossos estados, municípios. está é a pauta de 2011.

Presidente Lula Participa do IIIª SEMINÁRIO DO PAA

In Uncategorized on Novembro 25, 2010 at 11:27 am

N°1-25 de  novembro ano 2011 -Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

No segundo dia foi bem diferente que o primeiro, o hotel estava com uma dinâmica de segurança além do normal, fomos verificar o que estaria acontecendo era a segurança especial da Presidencia da República, existia uma fila enorme para passar na revista para poder acessar o salão do evento.

100_2595

As pessoas ficaram de pé e começaram aplaudir o Presidente Lula , mesmo em final de mandato, recebe manifestações calorosas , sinal de satisfação pela politca.

mãe carmen e lula

Mãe Carmen de Oxalá ao tirar esta foto com o presidente Lula diz “o sentido desta foto , não deriva do que se diz dela , mas , sim o que faço com ela ,  nesse momento  politíco ser reconhecida é algo que enobrece, não a mim , e sim  a religião de Matriz Africana, ainda mais quando dedico a memória  da tradição erguida pelas míticas princesas iorubanas fundadoras da religião africana em solo brasileiro, as Iyá Detá, Iyá Kalá, e a Iyá Nassô. Da mesma forma a todos e todas religiosos que   contribuem para  evolução e consolidação da religião, como um dos mais importantes instrumentos de preservação pela diversidade de nações. Ainda a  minha antecessora Iyá Quina de Yemanjá,  ao meu Pai Cleon de Oxalá e todo  batuque do sul”.

I º DIA NO SEMINÁRIO PAA –BRASILIA

In Uncategorized on Novembro 24, 2010 at 3:06 am

N°1-24 de novembro ano 2010 -Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

 

O III º Seminário de Aquisição de Alimentos (PAA), este ano  completa 7 anos de sua implantação,  o evento foi  um momento importante para análise crítica  do   contexto   político   e   social   e   da   conjuntura   local,   regional, nacional, do   conjunto   de   propostas  e   compromissos,   apresentado  para as comunidades tradicionais.

100_2580

As ações que nortearam o goverrno federal durante este periódo, a busca constante de identificar a realidade , como,  até onde o   programa   foi implantado,   isto   significa   saber   a   história política e social local , além de conhecer os  problemas, avanços, possibilidades, potencialidades, demandas e anseios. Estavam presentes  agentes e instâncias sociais, lideranças populares, pessoas detentoras de conhecimentos específicos sobre a realidade, meios de comunicação e formadores de opinião.

O  primeiro dia é um momento apresentação ,  acolhida e  observação do espaço bem diferente, são pessoas diferentes, posturas e assunto diferente . Pelo fato de estar paramentada, a maioria me chamava baiana , era  muito oportuno de dizer a todos que no rio grande so Sul temos mulheres negras vivênciadora da religião afro.

100_2591

100_2582

No  encerramento do evento , a ministra Marcia Lopes  que coordenou o seminário do PAA, cumpriu o protocolo, na saida os comprimentou alguns presentes , conversou rapidamente com outros, também   possou para fotos, observem a simpatia dela   com Mãe Carmen de Oxalà .

100_2583

Também recebi uma  linda e calorosa acolhida proporcionada por membros da SEPPIR- Nesta esta  Diretora de Programa para Comunidades Tradicionais,a Sra, Ivonete Carvalho , Mãe Carmen de Oxalá e a Ministra  Marcia Lopes .

100_2585

O Nilo Nogueira e Mãe Lucia de Oxum

Na seqüência, Mãe Lucia de Oxum, Pai Joel de Oxaguiâ e Mãe Patricia de Oxum e Nilo Nogueira da SEPPIR .

100_2587

 

PAUSA PARA O ALMOÇO

100_0013

Mãe Nalva de Oxum, Belém do Pará,   Gestor  de PAA e Mãe Carmen de Oxalá, no primeiro dia o almoço  foi regado de muito suco e muitas curiosidades sobre o programa.  Além das trocas de informação sobre o assunto em evidência , que é  comum para as duas Yás,  a conquista do inventário de terreiros , falaram das difucldades , expectativas e revendicações das comunidades de terreiros. O livro oportunizou aos coordenadores estaduais, fazer um registro sobre esta experiências.

100_0010As curiosidades sobre o MDS, também foram sanadas no quarto do Hotell Nacional , por minha  colega de quarto que era  assistente Social, trabalha na  Prefeitura de Mato Grosso do Sul, me explicou muito, partilhando o seu conhecimento , inclusive me encaminhou um material sobre Aids.