Revista Online Conexao Afro

Na hora de colocar a imagem de Oxum no andor, as lembranças trazem emoções

In Comunidade Tradicional de Terreiros on Dezembro 13, 2014 at 12:20 pm
logo Revista Conexão Afro 13 de dezembro  –Guaíba- RS –Brasil
REVISTA CONEXÃO AFRO

 

 

Os valores que norteiam as religiões de matriz africana e umbanda, tipo  “quem ficou no Ayé  deve  dar continuidade na história dos que partiram para o Orum”. Nesse sentido a história das imagens de oxuns se entrecruzam uma deixada por Mãe Dálila de Odé, e a outra   por Mãe Inês de Oxum.IMG_0760Desde o momento que Mãe Fabiana de Ossanhã  passou  a integrar a família assobecatyana, isto é tornou-se filha, passa receber orientações de Mãe Carmen de Oxalá, essa reposiciona os integrantes do ilê de Oxum,  encorajando-os para dar continuidade ao legado deixado por  sua fundadora Mãe Inês de Oxum.

O Ilê de Oxum, foi fundado no ano de 1990 pela Yalorixá Inês de Oxum.

IMG_0770

Poder acompanhar a colocação da imagem de Mãe Oxum para o andor chega ser emocionante.

 IMG_0769

Toda comunidade de terreiro comunga com um único sonho ver  a imagem sair em carreata pelo segundo ano consecutivo.

IMG_0764

Nesse momento a imagem sai do salão sagrado de Oxum, para  integrar os festejos da festa oficial de Mãe Oxum da Praia da Alegria, Guaíba. IMG_0765

Viva a continuidade do legado deixado por Mãe Inês de Oxum

logo Revista Conexão Afro

CONEXÃO AFROconexaoafro@gmail.com
Falar com Mãe
Carmen de Oxalá CONEXÃO AFRO
  (51) 81810404 / (51)  30556655
Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: